Videocasts Café Brasil
Palestra O Meu Everest
Palestra O Meu Everest
Meu amigo Irineu Toledo criou um projeto chamado ...

Ver mais

Brazilian Rhapsody
Brazilian Rhapsody
O pessoal da Chinchila fez uma paródia de Bohemian ...

Ver mais

O Guia do Anunciante em Podcasts
O Guia do Anunciante em Podcasts
O Guia do Anunciante em Podcasts traz informações ...

Ver mais

Bandidos Na TV
Bandidos Na TV
Assisti Bandidos Na Tv, nova série na NetFlix, que ...

Ver mais

686 – O Meu Everest
686 – O Meu Everest
Em 2001 eu fiz talvez a maior viagem da minha vida. ...

Ver mais

685 – Entrevista no Ranking dos Políticos
685 – Entrevista no Ranking dos Políticos
O Ranking dos Políticos é uma iniciativa civil para ...

Ver mais

684 – Susceptibilidade à negatividade
684 – Susceptibilidade à negatividade
Você está na boa, trabalhando ou fazendo suas coisas, ...

Ver mais

683 – O peixe
683 – O peixe
E aí, hein? Dar o peixe ou ensinar a pescar? Será que ...

Ver mais

LíderCast 173 – Henrique Prata
LíderCast 173 – Henrique Prata
O homem que fundou o Hospital do Câncer de Barretos, ...

Ver mais

LíderCast 172 – Paulo Vieira
LíderCast 172 – Paulo Vieira
Paulo Vieira está à frente da Next Academy, maior ...

Ver mais

LíderCast 171 – Fabiana Salles
LíderCast 171 – Fabiana Salles
Uma empreendedora que, a partir da criação de um ...

Ver mais

LíderCast 170 – Rodrigo Galvão
LíderCast 170 – Rodrigo Galvão
Rodrigo Galvão assumiu aos 35 anos de idade a posição ...

Ver mais

Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Um bate papo entre Adalberto Piotto, Carlos Nepomuceno ...

Ver mais

046 – Para quem vai anular o voto
046 – Para quem vai anular o voto
Fiz um vídeo desenhando claramente o que acontece com ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Destaques da Aula 5 do Curso on-line de Filosofia (COF)
Eduardo Ferrari
Resumos e Artigos
Lembremos que o objetivo dessa série é chamar atenção para o conteúdo do Curso On-line de Filosofia, que pode ser acessado na página do Seminário de Filosofia. Os principais destaques da aula de ...

Ver mais

Trivium: Capítulo 3 – Palavras atributivas: Verbos (parte 4)
Alexandre Gomes
As palavras ATRIBUTIVAS expressam os ACIDENTES que existem na substância.  Os atributos PRIMÁRIOS incluem:   verbos; “eu preciso escrever um exemplo?” substantivos verbais; “ela cultiva o ...

Ver mais

Voz de mulher
Chiquinho Rodrigues
Tem alguns jingles que são uma merda! Ou não! (Fiz vários assim). Basta você ouvir uma só vez e aquele troço fica azucrinando dentro da sua cabeça o dia todo. (bom para o cliente!) Em compensação ...

Ver mais

Sinopse para um curta
Chiquinho Rodrigues
Dois personagens e 43 figurantes. Locações: Duas salas, um estacionamento e uma recepção. Se não tiver verba, uma sala só dá. (Foda-se a produção) Personagem 1: Felipe Freitas. 29 anos, solteiro, ...

Ver mais

Cafezinho 220 – Mulheres gostosas fazem sexo e morrem no Everest
Cafezinho 220 – Mulheres gostosas fazem sexo e morrem no Everest
Assim como dinheiro atrai dinheiro, popularidade atrai ...

Ver mais

Cafezinho 219 – Brasil recusado na OCDE
Cafezinho 219 – Brasil recusado na OCDE
Para essa gente, o Brasil não pode dar certo.

Ver mais

Cafezinho 218 – Ignorância Pluralística
Cafezinho 218 – Ignorância Pluralística
Colocando em você o medo de ser apontado como o único ...

Ver mais

Cafezinho 217 – Os sinais
Cafezinho 217 – Os sinais
Os sinais de que o Brasil é diferente do que aparece na ...

Ver mais

Videocast Nakata – T02 09

Videocast Nakata – T02 09

Ciça Camargo -

REFLETINDO SOBRE MARCAS

Quando pensamos na construção de uma marca, o que você imagina? Certamente num logotipo de fácil identificação, numa propaganda, num cartão de visitas que o faça reconhecer a marca imediatamente ou mesmo um slogan que grude na cabeça e não saia mais. No entanto, nada isso é marca. Essas coisas são ferramentas para construção da marca.

Vou dar um exemplo. Imagine que você recebe a visita do José da Silva, que você não conhece. Tem um contado educado, tudo bem, estão ele lhe dá seu cartão de visitas, e você lê: José da Silva, coordenador de vendas, Nakata. Pronto! Não é mais o José da Silva. É o José da Silva da Nakata! Uau!

Percebeu? Se aquele “Nakata” é um símbolo bem trabalhado, passa a ser o que chamo de “fator UAU”. Quero fazer negócio com o José da Silva, pois ele é da Nakata, a marca que eu conheço e respeito!

Viu só? Marca vai muito além da representação física ou gráfica da empresa.

A marca é a percepção do cliente

Pelo título, já dá para ter uma base da onde eu quero chegar. A marca, no fim das contas, é intangível. Marca é o conjunto organizado de percepções  e de sentimentos  que identificam o indivíduo, a empresa, seus produtos e serviços e os diferenciam de seus eventuais concorrentes.

É só pensar comigo: se um vendedor atende você com uma lábia afiada, um corte de cabelo ajeitado e uma roupa cara, mas não transmite nenhuma confiança… Você continuaria a fazer negócio com ele? Ou voltaria para fazer um novo negócio?

Esses elementos são importantes, é claro, uma boa apresentação e argumentação são essenciais, mas não são tudo, pois a construção da marca está sendo feita a partir da percepção do cliente. De novo ela… É na cabeça do cliente que sua marca será construída.

A construção de marca é muito mais sensorial do que palpável. Por isso quero falar um pouquinho sobre reputação, um elemento-chave nessa longa equação que é a satisfação do cliente.

Construindo sua reputação

Provavelmente, você já deve ter ouvido falar naquele mantra querido de profissionais de RH:

Pessoas são o nosso ativo mais importante.

Pois eu penso diferente:

Pessoas CERTAS são o nosso ativo mais importante

Percebeu? Eu quero que as pessoas certas trabalhem comigo. Se eu conseguir ter a meu lado  as pessoas certas, fica mais fácil construir a reputação da marca, a mantê-la e fazer com que seja percebida de forma positiva pelos clientes.

Um indivíduo já é suficiente para manchar a reputação da sua marca. Por isso, SEJA a pessoa certa para a sua empresa!

O consultor e escritor Michael Hammer, autor do livro Reengenharia, definiu muito bem:

Uma companhia não é definida por seus produtos e serviços, mas por seus processos.

A empresa na qual você trabalha, não é definida pelos produtos que ela fabrica ou os serviços que presta. Você não é definido pelos produtos que vende ou o serviço que presta.

O que define você e sua empresa é o jeitão com que você faz isso. Jeitão, entendeu? É por seu jeitão que as pessoas vão escolher você e não o outro vendedor. Sua empresa e não a outra.

Com seu jeitão, você faz o cliente se apaixonar por você. Com seu jeitão, você mostra o quanto é uma pessoa nutritiva. É seu jeitão, que ajudará a construir ou destruir a reputação tanto de sua empresa como de você mesmo.

Entendeu? Preste atenção no seu jeitão.