Videocasts Café Brasil
Palestra O Meu Everest
Palestra O Meu Everest
Meu amigo Irineu Toledo criou um projeto chamado ...

Ver mais

Brazilian Rhapsody
Brazilian Rhapsody
O pessoal da Chinchila fez uma paródia de Bohemian ...

Ver mais

O Guia do Anunciante em Podcasts
O Guia do Anunciante em Podcasts
O Guia do Anunciante em Podcasts traz informações ...

Ver mais

Bandidos Na TV
Bandidos Na TV
Assisti Bandidos Na Tv, nova série na NetFlix, que ...

Ver mais

691 – Os agilistas
691 – Os agilistas
Conversei com o Marcelo Szuster no LíderCast 175, um ...

Ver mais

690 – Vale quanto?
690 – Vale quanto?
Cara, você aceita pagar pelo ingresso de um show a ...

Ver mais

689 – A Missão
689 – A Missão
De quando em quando publicamos no Café Brasil a íntegra ...

Ver mais

688 – Doar órgãos é doar vida
688 – Doar órgãos é doar vida
A doação de órgãos é um ato de generosidade, é o ...

Ver mais

LíderCast 178 – Tristan Aronovich
LíderCast 178 – Tristan Aronovich
Ator, músico, escritor, diretor e produtor de cinema, ...

Ver mais

LíderCast 177 – Rodrigo Ricco
LíderCast 177 – Rodrigo Ricco
CEO da Octadesk, empresa focada na gestão de ...

Ver mais

LíderCast 176 – Willians Fiori
LíderCast 176 – Willians Fiori
Professor, podcaster e profissional de marketing e ...

Ver mais

LíderCast 175 – Marcelo Szuster
LíderCast 175 – Marcelo Szuster
O cara do “Business Agility", que trata da capacidade ...

Ver mais

Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Um bate papo entre Adalberto Piotto, Carlos Nepomuceno ...

Ver mais

046 – Para quem vai anular o voto
046 – Para quem vai anular o voto
Fiz um vídeo desenhando claramente o que acontece com ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

A chave de fenda
Chiquinho Rodrigues
Toninho Macedo era um daqueles músicos de fim de semana. Amava música e tocava seu cavaquinho “de brincadeira” (como ele dizia) aos sábados e domingos em uma banda de pagode ali do bairro onde ...

Ver mais

Trivium: Capítulo 3 – Morfologia Sincategoremática (parte 6)
Alexandre Gomes
A MORFOLOGIA SINCATEGOREMÁTICA se refere a PALAVRAS que só tem significado quando associadas a outras PALAVRAS.   Bom, se tais palavras se referente a outras palavras, então as funções delas ...

Ver mais

Vilmoteca
Chiquinho Rodrigues
Ser músico e ter viajado por esse imenso Brasil são dádivas que agradeço todo dia ao Papai do Céu! Ter colecionado experiências e conhecido os mais variados tipos de malucos acabaram fazendo de ...

Ver mais

Trivium: Capítulo 3 – Palavras Atributivas: verbos, advérbios e adjetivos (parte 5)
Alexandre Gomes
Continuando a tratar de VERBOS, irei expor agora sobre as classes de verbos:   TRANSITIVOS: aqueles que expressam uma ação que começa no sujeito (agente) e “vai até” (trans + ire) o objeto ...

Ver mais

Cafezinho 229 – Manicômio Legal
Cafezinho 229 – Manicômio Legal
O manicômio legal no qual estamos presos.

Ver mais

Cafezinho 228 – O medo permanente
Cafezinho 228 – O medo permanente
Enquanto destruíam nosso sistema de justiça criminal ...

Ver mais

Cafezinho 227 – Paralisia por análise
Cafezinho 227 – Paralisia por análise
A falta de experiência e repertório dessa moçada ...

Ver mais

Cafezinho 226 – O MCSC
Cafezinho 226 – O MCSC
Um movimento que independe de partidos, de políticos, ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 07

Videocast Nakata T02 07

Ciça Camargo -

REFLETINDO SOBRE GENTE NUTRITIVA

Se a sua rotina envolve receber e visitar clientes, você já deve ter dedicado um bom tempo imaginando como fazer a diferença no dia a dia deles. Como resolver o problema deles. E como você, seus concorrentes também estão preocupados e, provavelmente, oferecendo o mesmo padrão de serviço, preço e qualidade que você oferece.

Você só ganha a parada sendo gente nutritiva.

Você conhece muita gente assim, e talvez nem perceba. Se você é homem, pergunte para sua namorada, noiva, esposa ou irmã. Se é mulher, responda:

– Por que você vai naquela cabeleireira e não na outra, que é mais exuberante, melhor instalada, com mais gente?

Provavelmente a maioria das respostas não terá a ver com a capacidade técnica da cabeleireira de prestar um bom serviço. De fazer uma boa unha. Isso é o mínimo que se espera. Provavelmente a resposta terá a ver com a forma como a cabeleireira trata seus clientes. Será que você a escolhe por ela ser uma pessoa nutritiva?

Quer saber se você é uma pessoa nutritiva? Então faça um exercício comigo!

Gente nutritiva

Imagine que você está em uma sala, uma sala qualquer, e que um conhecido chega até você. É uma pessoa que você adora e os 15 minutos que ela fica ali com você, são incríveis!

Você conhece alguém assim? Pense nessa pessoa.

Agora, repita o exercício, mas imagine que quem vem até você não é uma pessoa da qual você gosta. Pelo contrário. Aí, os 15 minutos parecem eternos e você não vê a hora dela ir embora, certo?

Conhece gente assim? Pense nela.

Agora tente visualizar essas duas pessoas, uma ao lado da outra, e me responda:

Qual é a diferença entre elas?

Eu vou ajudar você com a resposta. Repita as frases abaixo, mas com uma pequena mudança. Pronuncie a frase em voz alta, mas onde você lê a palavra tempo, substitua pela palavra vida.

  • Estou fazendo um passatempo.
  • Me dá um minuto do seu tempo?
  • Não tenho tempo.

Viu como fica pesado quando você substitui “tempo” por “vida”?

Aquela pessoa que ficou com você aqueles 15 minutos insuportáveis, não roubou só 15 minutos de seu tempo. Roubou 15 minutos da sua vida.

Já a outra pessoa que transformou aqueles 15 minutos em momentos de prazer, felicidade, emoção ou diversão, enriqueceu 15 minutos de sua vida. Foi nutritiva.

Você é uma pessoa nutritiva?

Voltemos àquela mesma sala, mesmo local. A porta se abre e desta vez que entra é você. O que é que a pessoa que está na sala vê entrar? Alguém nutritivo ou um… pocotó?

O que é que você fará com os 15 minutos de vida que aquela pessoa deu a você?

Faça com que valham a pena!

As pessoas costumam se agrupar em torno de gente que é

  • Divertida;
  • Informativa;
  • Confiável;

Ninguém gosta de pessoas emburradas, mal humoradas, desinformadas, pouco confiáveis e desarticuladas, não é mesmo? Então você já tem uma pista de como agir.

Conhecimento técnico, computadores, paredes pintadas, chão limpo, roupa limpa, cabelo penteado, e bom papo todo mundo pode ter. Mas isso não fará ninguém nutritivo.

Ser nutritivo tem mais a ver com o que você é do que com o que você tem. Aposto que você conhece pessoas com baixa instrução, sem dinheiro no banco, sem fama nem poder, mas que são absolutamente nutritivas, não conhece? Pois é. Educação formal, dinheiro no banco, fama e fortuna não são pré-requisitos para ser nutritivo. Gente nutritiva tem atitude na direção de valorizar o tempo das pessoas. E isso não dá para comprar com dinheiro.

Mantenha isso em mente da próxima vez que um cliente chegar até você. Ao recebê-lo, você estará sendo divertido? Informativo? Confiável? Articulado?

Se não, você tem um problema.

Lembre-se sempre que tempo é vida. Valorize a vida que os outros dão a você.