Podcast Café Brasil com Luciano Pires
Brazilian Rhapsody
Brazilian Rhapsody
O pessoal da Chinchila fez uma paródia de Bohemian ...

Ver mais

O Guia do Anunciante em Podcasts
O Guia do Anunciante em Podcasts
O Guia do Anunciante em Podcasts traz informações ...

Ver mais

Bandidos Na TV
Bandidos Na TV
Assisti Bandidos Na Tv, nova série na NetFlix, que ...

Ver mais

1964 – O Brasil entre armas e livros
1964 – O Brasil entre armas e livros
Um documentário para ser visto como outro ângulo pelo ...

Ver mais

682 – LíderCast 13
682 – LíderCast 13
É isso que é o LíderCast. Uma homenagem a quem ...

Ver mais

681 – Agrotóxicos: remédio ou veneno
681 – Agrotóxicos: remédio ou veneno
Agrotóxicos surgiram na Segunda Guerra Mundial, para ...

Ver mais

680 – Nova Previdência 2
680 – Nova Previdência 2
A Nova previdência é o primeiro passo para colocar o ...

Ver mais

679 – Será que acordamos?
679 – Será que acordamos?
Adalberto Piotto apresenta o programa Cenário Econômico ...

Ver mais

LíderCast 169 – Marília Guimarães e Eduardo Dantas
LíderCast 169 – Marília Guimarães e Eduardo Dantas
Marilia Guimarães e Eduardo Dantas – a dupla ...

Ver mais

LíderCast 168 – Pedro Hipólito
LíderCast 168 – Pedro Hipólito
CEO da Five Thousand Miles, empresa portuguesa que se ...

Ver mais

LíderCast 167 – João Kepler
LíderCast 167 – João Kepler
Especialista em empreendedorismo, startups, marketing e ...

Ver mais

LíderCast 166 – Juliana e Abbey Alabi
LíderCast 166 – Juliana e Abbey Alabi
O Abbey é um imigrante africano, que chegou ao Brasil ...

Ver mais

Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Um bate papo entre Adalberto Piotto, Carlos Nepomuceno ...

Ver mais

046 – Para quem vai anular o voto
046 – Para quem vai anular o voto
Fiz um vídeo desenhando claramente o que acontece com ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Por que Bolsonaro exagera?
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
Como se já não enfrentássemos todos os problemas possíveis – e mais uns imaginados – Bolsonaro parece se esforçar para piorar os reais e parir os imaginários. Por qual razão o ...

Ver mais

TRIVIUM: CAPÍTULO 3 – CARACTERÍSTICAS GRAMATICAIS DOS SUBSTANTIVOS (parte 3)
Alexandre Gomes
Até agora mostrei maneiras um pouco diferentes de se ver um SUBSTANTIVO. Usando um tanto de Lógica e  Filosofia para explicar SUBSTANTIVOS e ADJETIVOS. E só para te lembrar: toda a Realidade é ...

Ver mais

Viva Narciso
Jota Fagner
Origens do Brasil
A nossa vaidade nos impede de construir um ambiente mais tolerável A palavra “insentão”, popularizada nos últimos anos, serve para classificar a pessoa que não se deixa iludir pelo canto da ...

Ver mais

O hábito da leitura e seu impacto no desenvolvimento
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
O hábito da leitura e seu impacto no desenvolvimento  “A leitura é a chave para se ter um universo de ideias e uma tempestade de palavras.” Eduarda Taynara Gonçalves Pereira  (ex-aluna da EEEP ...

Ver mais

Cafezinho 212 – Cérebros roídos
Cafezinho 212 – Cérebros roídos
Na República das Banalidades, o que não é visto e nem ...

Ver mais

Cafezinho 211 – O crítico e o criativo
Cafezinho 211 – O crítico e o criativo
Basta uma olhada nos jornais televisivos diários para ...

Ver mais

Cafezinho 210 – Gosto médio
Cafezinho 210 – Gosto médio
Vida em sociedade implica no exercício diário da ...

Ver mais

Cafezinho 209 – Sobre fatos e desejos
Cafezinho 209 – Sobre fatos e desejos
Quem mostra a você o ato, conclui a intenção e sonega a ...

Ver mais

Café Brasil Curto 06 – O Gestor

Café Brasil Curto 06 – O Gestor

Luciano Pires -

Então chega a pergunta: Luciano, porque ficam querendo que o Dória se pronuncie sobre temas como aborto, homofobia, racismo blábláblá, mimimi? O cara não tem que ser Gerente da cidade? Não é essa a função do prefeito?

Bem para responder vou ter de usar o conceito “direita x esquerda”, mesmo sabendo que ele hoje está esculhambado. E a resposta serve para qualquer um que se situar mais à direita. O Doria vem do meio que eu vim: o do empresariado, o do mundo dos negócios, onde a ideologia que vale é dar lucro, o resto é conversa de acadêmico e de político. O Doria ainda é um animal atrelado ao capital, sua ideologia é dar lucro. Com o tempo e o traquejo no universo da política, provavelmente começará a abraçar alguma causa e não tenho dúvidas que vai arrastar as asas para o que eles chamam de “social democracia”.

Para responder a pergunta então, vou situar o Doria mais à direita da esquerda que hoje é dona das narrativas, ok?

Os caras ficam querendo que o Dória se pronuncie sobre temas sociais porque a narrativa da esquerda se dá no campo moral. É para lá que eles arrastam a discussão, enquanto a direita fica no campo da economia e da eficiência de gestão, áreas às quais o povo não dá a menor bola. Aliás, áreas que não têm o menor apelo popular, onde não existe emoção, não existe poesia. Gestão e economia são 1 + 1 = 2. Ponto.

É preciso, portanto, arrastar o Doria – ou qualquer outro representante de uma ala que se situe mais à direita –  para a discussão moral, assim fica mais fácil destruí-lo, pois como gestor ele terá de tomar decisões que vão se chocar com a narrativa moral à qual estamos acostumados. Assim ele será o vilão que pinta a cidade de cinza; o desalmado que coloca a polícia para desmontar a cracolândia; o insensível que manda tirar famílias carentes de propriedades invadidas; o ogro que aumentou a velocidade das marginais e jogou a flor no chão, etc.

E se for possível tirar de sua boca uma opinião que possa ser classificada como homofóbica, misógina, preconceituosa ou “elitista”, tá feita a festa.

Entendeu? É na discussão moral que eles fazem a sua cabeça.

Eu sou o Luciano Pires e esta provocação faz parte do fitness intelectual que você encontra no www.cafebrasilpremium.com.br