Podcast Café Brasil com Luciano Pires
O dia seguinte
O dia seguinte
Com o aumento considerável do mercado de palestrantes ...

Ver mais

Fact Check? Procure o viés.
Fact Check? Procure o viés.
Investigar o que é verdade e o que é mentira - com base ...

Ver mais

O impacto das mídias sociais nas eleições
O impacto das mídias sociais nas eleições
Baixe a pesquisa da IdeiaBigdata que mostra o impacto ...

Ver mais

Síntese de indicadores sociais 2016 do IBGE
Síntese de indicadores sociais 2016 do IBGE
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - ...

Ver mais

Café Brasil 621 – Orgulho de Ser Brasileiro
Café Brasil 621 – Orgulho de Ser Brasileiro
Em junho de 2018 realizamos o II Sarau Café Brasil, ...

Ver mais

Café Brasil 620 – Democracia, tolerância e censura
Café Brasil 620 – Democracia, tolerância e censura
"Se começarmos a cercar com paredes aquilo que alguns ...

Ver mais

619 – LíderCast 9
619 – LíderCast 9
Neste programa apresentamos os convidados da Temporada ...

Ver mais

618 – No Toca Fitas Do Meu Carro – Scary Pockets
618 – No Toca Fitas Do Meu Carro – Scary Pockets
Mais um programa musical. E daqueles, cara. Você sabe ...

Ver mais

LíderCast 115 – Nailor Marques Jr
LíderCast 115 – Nailor Marques Jr
Professor, palestrante, uma das mentes mais divertidas ...

Ver mais

LíderCast 114 -Alexandre Ostrowiecki
LíderCast 114 -Alexandre Ostrowiecki
Empreendedor, com uma história incrível de como o ...

Ver mais

LíderCast 113 – Glaucimar Peticov
LíderCast 113 – Glaucimar Peticov
“Eu não tenho muros, só tenho horizontes” é a frase de ...

Ver mais

LíderCast 112 – Paulo Rabello de Castro
LíderCast 112 – Paulo Rabello de Castro
Professor, consultor, com vasta experiência no setor ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata - Temporada 02 Episódio 09 Quando ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 08 Já falei ...

Ver mais

É milagre, Crivella?
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
O Rio de Janeiro continua lindo Gil, e complicado; mais do que isso, espantoso. Não dá pra entender a razão pela qual os fluminenses elegem gente (latu sensu, ófi córsi) como Anthony Garotinho, ...

Ver mais

O despertador intelectual e a origem das ideias
Jota Fagner
Origens do Brasil
Possivelmente você teve uma pessoa que, em determinado momento de sua vida, acendeu a faísca da sua curiosidade sobre determinado assunto ou área do conhecimento. Talvez tenha sido mais de uma ...

Ver mais

Os caminhos para editar um livro
Isqueiro isqueiro
Muitas pessoas investem um tempo considerável colocando suas histórias e lições de forma escrita, para se perpetuarem na forma de livros. Mas, ao concluírem o texto, muitas vezes o guardam em ...

Ver mais

As causas e efeitos das barreiras de comunicação no trabalho
Mauro Segura
Transformação
Uma das maiores barreiras atuais para o sucesso de qualquer empresa é a comunicação no ambiente de trabalho, por mais irônico que isso possa aparecer por conta de todas as facilidades ...

Ver mais

Cafezinho 89 – Manifesto
Cafezinho 89 – Manifesto
Quero um mundo melhor, igualzinho a você. Talvez ...

Ver mais

Cafezinho 88 – A Teoria da Ilusão Fiscal
Cafezinho 88 – A Teoria da Ilusão Fiscal
Não existem soluções novas. O que existe é ignorância velha.

Ver mais

Cafezinho 87 – O que consome seu tempo de vida
Cafezinho 87 – O que consome seu tempo de vida
Se você não avaliar cada processo que consome seu tempo ...

Ver mais

Cafezinho 86 – Ser e parecer
Cafezinho 86 – Ser e parecer
É simples! É só fingir ser perfeito...

Ver mais

618 – No Toca Fitas Do Meu Carro – Scary Pockets

618 – No Toca Fitas Do Meu Carro – Scary Pockets

Luciano Pires -

Mais um programa musical. E daqueles, cara. Você sabe que parte de meu trabalho é pesquisar músicas para os programas, não é? E nessa tarefa eu acabo encontrado cada coisa cara, muito legal, que eu vou juntando, até que um dia dá um programa. Como hoje, quando vou apresentar pra você um grupo  de amigos que se junta pra curtir. E sai um funk irresistível. A turma do Scary Pockets.

Posso entrar?

Amigo, amiga, não importa quem seja, bom dia, boa tarde, boa noite, este é o Café Brasil e eu sou o Luciano Pires.

E quem vai levar o e-book Me engana que eu gosto é o Gustavo, lá do Uruguai.

“Olá Luciano. Nossa! Faz muito tempo que eu estou pra te enviar uma mensagem. Eu fui morar em São Paulo há doze anos atrás, eu morei quatro anos lá. Lá eu conheci o Café Brasil, quando eu estava pesquisando algum podcast pra conseguir melhorar meu português, porque eu sou do Uruguai. Cara! Eu fiquei fascinado pelo conteúdo, pela qualidade, pela tranquilidade com que você dedica o tempo para presentear com o teu tempo pra todos nós. 

Eu gostaria de ter falado muitas vezes com você mas, você sabe, vai ficando pra trás. Eu só queria agradecer por tudo. Eu, com a minha esposa, a gente escuta toda semana, mesmo aqui, a gente está morando no Uruguai faz anos. A gente continua escutando você e ficando muito confortável escutando a sua voz semana a semana. É o nosso vínculo com o Brasil. 

Uma coisa que eu sinto muita saudade, aliás, eu sinto estranho, é que a gente não achou uma coisa similar em espanhol, no resto da América Latina. Eu não achei um outro Café Brasil, mas sei lá… Café Uruguai, Café Argentina, Café Chile. Não sei. Eu não achei. Eu gostaria de saber a sua opinião, por que isso acontece? Por que vocês tem esses… esse lugares… por um lado vocês tem todos os seus problemas culturais, as ao mesmo tempo vocês tem esse “enxergamento” da cultura, que vocês conseguem passar, despocotizar o Brasil. Por que o resto da América Latina não tem isso? 

Bom. Muito obrigado e você pode ficar sabendo que você não só está despocotizando o Brasil, mas também, o resto da América Latina. Obrigado”.

Rarara… Grande Gustavo, falta um Cafezinho nos países da América Latina, é? Pois é, cara… Olha, eu também não sei a razão não. Eu não sei se existe algo parecido, pra falar a verdade, o único podcast em espanhol que eu já ouvi é o Rádio Ambulante que, conforme está no site deles lá, conta histórias da América Latina em som. É um baita projeto, viu? Procure aí. Rádio Ambulante.

Agora, sobre despocotizar a América Latina, meu! Isso é fascinante. El Pocoto es universal!

Gracias, meu caro!

Muito bem. O Gustavo receberá um KIT DKT, recheado de produtos PRUDENCE, como géis lubrificantes e preservativos masculinos.

Quem distribui os produtos Prudence é a DKT, que pratica o marketing social. Boa parte de seus lucros são destinados para ações em regiões pobres em todo o mundo, para conter as doenças sexualmente transmissíveis e contribuir para o controle da natalidade.  Cada vez que você compra um produto Prudence, está contribuindo para salvar vidas. facebook.com/dktbrasil

Vamos lá então!

Na hora do amor, use Prudence. Opa! Tem um recado do Gustavo, ó!

Luciano, mais uma coisa: se, por acaso, eu ganhar o kit DKT, faz um favor pra mim: sai na rua com o kit, dá pro primeiro casal que você cruzar pela rua e pergunta pra eles qual o pensamento que eles tem como pessoas, mais longo prazo. Pra eles, pro país, pra família. Sei lá. Veja o que eles respondem e compartilha com a gente se você puder. Um abraços desde o Uruguai, Gustavo, um paulista temporário lá. 

E você que há tanto tempo curte o Podcast Café Brasil, que é gratuito, já imaginou o conteúdo que pode existir no Café Brasil Premium, a nossa “Netflix do Conhecimento” hein? Sim, uma assinatura mensal que garante a você acesso a sumários de livros inéditos no Brasil, palestras em vídeo e conteúdos fundamentais para seu crescimento pessoal e profissional. É uma espécie de MLA: Master Life Administration.

Vamos lá, meu… você já conhece. Sabe que eu capricho para que os conteúdos sejam atuais, pertinentes e de aplicação imediata, não é?

Visite o cafebrasilpremium.com.br.

Conteúdo extra-forte.

Uau! Que tal esse groove, hein? Groove. A tradução de groove para português é algo como “gostar de dançar”, por isso que  você tá batendo o pezinho aí ó. Quando você ouve esse som delicioso aí ao fundo, essa batida que entra na alma da gente… Esses são alguns solos do baixista inglês Mark King, tocados pelo Davey Pollitt do canal Cambridge Bass Lessons no Youtube.

Sabe o que é isso, meu? É funk.

Esse que você está ouvindo no fundo aí, é um funk mais moderno, mas esse é o tipo de música, o funk, que atingiu popularidade no final dos anos 1960 e durante a década de 1970. É uma mistura de soul, jazz e rithm´blues, que influenciou muitos artistas populares.

O termo “funk” surgiu nos anos 1900 quando “funk” e “ funky” eram adjetivos usados no contexto do jazz. A palavra, que originalmente tinha a ver com “cheiro cáustico”, ganhou outro significado. Funk ou funky passou a designar a música que tem um forte ritmo dançante.

A coisa ganhou corpo mesmo em meados dos anos 1960, com James Brown, que desenvolveu um groove muito particular.

Get Up And Drive Your Funky Soul
James Brown

I said they’re drivin’ that funky soul
In Georgia, drivin’ that funky soul, drivin’ that funky soul
And you cross your tongue in Baltimore
Philadelphia, ha!

Join Chicago, St. Louis, Houston
I said Dallas, wow!
Cape Cove, the next-door neighbor
They’re drivin’ that funky soul

Raise up, get yourself together
And drive your funky soul
Raise up, get yourself together
And drive that funky soul

And I believe, they’re drivin’ their self
With that funky soul in Houston, Texas
They’re gettin’ their self together with the funky soul
In Mobile, Alabama, they gettin’ that funky soul
Raise up, get yourself together
And drive that funky soul

Los Angeles, raise up, get yourself together
And drive that funky soul
Birmingham, raise up get yourself together
And drive…

Antes da soul music o baixo sempre desempenhou papel secundário. Com a ascensão da soul music e a transição para o funk, o seu papel foi sendo ampliado, especialmente nos anos da Motown, com gente como o lendário baixista James Jamerson

Ain’t No Mountain High Enough
Marvin Gaye
Tammi Terrell

Listen baby, ain’t no mountain high
Ain’t no valley low, ain’t no river wide enough baby
If you need me call me no matter where you are
No matter how far don’t worry baby
Just call my name I’ll be there in a hurry
You don’t have to worry

‘Cause baby there ain’t no mountain high enough
Ain’t no valley low enough
Ain’t no river wide enough
To keep me from getting to you babe

Remember the day I set you free
I told you you could always count on me darling
From that day on, I made a vow
I’ll be there when you want me
Some way, some how

‘Cause baby there ain’t no mountain high enough
Ain’t no valley low enough
Ain’t no river wide enough
To keep me from getting to you babe

Oh no darling
No wind, no rain
Or winters cold can stop me baby, na na baby
‘Cause you…

Sentiu esse baixo aí? Esse é Marvin Gaye com Ain’t no mountain high enough.

E tem também outro lendário, cara: Larry Graham do Sly & Family Stone

Thank you (Falettinme Be Mice Elf Agin)
Sly And The Family Stone

Lookin’ at the devil, grinnin’ at his gun
Fingers start shakin’, i begin to run

Bullets start chasin’, i begin to stop
We begin to wrestle i was on the top

Want to thank you falettinme be mice elf agin
I wanna thank you falettinme be mice elf agin

Stiff all in the collar, fluffy in the face
Chit chat chatter tryin’, i begin to run

Want to thank you for the party, i could never stay

Many thangs is on my mind, words in the way
Want to thank you falettinme be mice elf agin
Thank you falettinme be mice elf agin

Dance to the music
All nite long
Everyday people
Sing a simple song

Mama’s so happy
Mama start to cry
Papa still singin’
You can make it if you try

I want to thank you falettinme be mice elf agin
Thank you falettinme be mice elf agin

Flamin’ eyes of people fear, burnin’ into you
Many men are missin’ much, hatin’ what they do

Youth and truth are makin’ love
Dig it for a starter
Dyin’ young is hard to take
Sellin’ out is harder

I want to thank you falettinme be mice elf agin
Thank you falettinme be mice elf agin

Bom, esse aqui não é pra ser um programa sobre funk. Na verdade eu queria que você sacasse qual é a do funk. É botar você pra dançar cara, com uma linha melódica do baixo no centro.

Olha! Você vai encontrar a influência do funk no trabalho de Michael Jackson, Prince, Stevie Wonder, Duran Duran, Talking Heads e mais uma porção de artistas.

Muito bem. Agora eu dou uma brecada na nossa linha de raciocínio, pra apresentar pra você um outro artista. Esqueça um pouco o funk: seu nome é Jack Conte.

Bloody nose
Jack Conte

Count your bones, one by one.
Lie awake at night.
Underground, boxed and glum
Left you there for rot.
All my fears are overgrown, will someone burn this grove?
Those August nights…
They burn hot as hell, and you wake up sweating dreams.
It casts a spell.
Welcome home! It’s been a while.
Do you miss your head,
With your tattered clothes and your bloody nose?
Aren’t you glad to be rid of the smell? Not at all?
Not at all!
I’ll miss the fog through headlight wash and bed and breath and touch.
But I’ll brave it out! Yeah, I’ll brave it out! There’s no use getting down.

Jack é um músico, compositor, disc jockey, empreendedor e filmmaker norte-americano. Tem 34 anos e é, entre outras coisas, o fundador do Patreon, o popular site que serve como financiamento coletivo para projetos ao redor do mundo.

Jack era colega de Ryan Lerman na escola no começo dos anos 2000, quando Ryan, aos 16 anos, mostrou para ele o que estava fazendo com o software de gravação de música Pro Tools. Jack ficou doido e em 2002 eles lançaram seus primeiros trabalhos.  Ryan foi para Los Angeles e trabalhou com alguns dos grandes músicos, que você conhece por aí, enquanto em 2008, Jack formava com sua esposa Nataly Down uma dupla chamada Pomplamoose, que começou a fazer muito sucesso graças a seus vídeos no Youtube.

Mr. Sandman
Pat Ballard

Mr. Sandman, bring me a dream (bung, bung, bung, bung)
Make him the cutest that I’ve ever seen (bung, bung, bung, bung)
Give him two lips like roses and clover (bung, bung, bung, bung)
Then tell him that his lonesome nights are over
Sandman, I’m so alone (bung, bung, bung, bung)
Don’t have nobody to call my own (bung, bung, bung, bung)
Please turn on your magic beam

Mr. Sandman, bring me a dream
Mr. Sandman, bring me a dream
Make him the cutest that I’ve ever seen
Give him the word that I’m not a rover
Then tell him that his lonesome nights are over
Sandman, I’m so alone
Don’t have nobody to call my own
Please turn on your magic beam
Mr. Sandman, bring me a dream

Mr. Sandman (yes) bring us a dream
Give him…

Você está ouvindo Mr Sandman com o Pomplamoose, num vídeo de 2009. Já dá para ouvir o capricho dos arranjos, a doçura da interpretação. Olha cara, procure os vídeos do Pomplamose Music no Youtube. Vale muito a pena…

Pois então, cara… Acontece que o Jack gosta muito de funk. E começou a fazer umas artes, juntando umas músicas aqui e ali. Tem um vídeo deles que é excepcional. Eles juntaram os Bee Gees com os ingleses do Jamiroquai que tem uma banda de jazz-funk fantástica, cara. Você quer ver o que aconteceu? Sinta o groove…

Virtual Insanity
Jamiroquai

Oh yeah, what we’re living in (let me tell ya)
It’s a wonder man can eat at all
When things are big that should be small
Who can tell what magic spells we’ll be doing for us
And I’m giving all my love to this world
Only to be told
I can’t see
I can’t breathe
No more will we be
And nothing’s going to change the way we live
‘Cause we can always take but never give
And now that things are changing for the worse,
See, its a crazy world we’re living in
And I just can’t see that half of us immersed in sin
Is all we have to give these

Futures made of virtual insanity now
Always seem to, be governed by this love we have
For useless, twisting, our new technology
Oh, now there is no sound for we all live underground

And I’m thinking what a mess we’re in
Hard to…

Se deixar vai embora, bicho. Cê quer ouvir inteirinha? Vai buscar no Youtube que tem a música inteirinha lá

Em 2013, buscando uma forma de facilitar a monetização do trabalho de artistas independentes, Jack criou o Patreon, o famoso site de financiamento coletivo, do qual ele hoje é o CEO.

Em 2016 Jack e Ryan queriam voltar a trabalhar juntos. Decidiram então que Jack voaria para Los Angeles uma vez por mês e eles passariam um dia em estúdio, junto com outros músicos arranjando e gravando quatro canções. A ideia era não ter músicas pré escolhidas, nada de pré produção. Apenas um grupo de amigos curtindo. E em fevereiro de 2017 nasceu o Scary Pockets, para interpretar canções populares com roupagem funk. Bom, foi o Scary Pockets que me fez montar este programa, cara.

Tá preparado? Segura aí.

I Feel Good
James Brown

I feel good, I knew that I would now
I feel good, I knew that I would now
So good, so good, I got you

I feel nice, like sugar and spice
I feel nice, like sugar and spice
So nice, so nice, I got you

When I hold you, in my arms
I know that I can’t do no wrong
And when I hold you in my arms
My love won’t do you no harm!

And I feel… Nice, like sugar and spice
I feel nice, like sugar and spice
So nice, so nice, I got you

When I hold you, in my arms
I know that I can’t do no wrong
And when I hold you in my arms
My love can’t do me no harm!!

And I feel nice, like sugar and spice
I feel nice, like sugar and spice
So nice, so nice, I got you

Whooooau! I feel good, I knew that I would
I feel good, I knew that I would
So good, so good, I got you
So good, so good, I got you
So good, so good, I got you

Heey!
(Oh, yeah!)

Uau, cara! I Feel Good, o clássico de James Brown, aqui com o vocal e piano de Charles Jones.

Você sentiu a pegada, hein? Pois é caraa, mas isso é só o começo, viu?

As gravações do Scary Pockets eram cheias de imperfeições, notas erradas, chiados de instrumentos velhos… mas os caras estava curtindo tanto cara, que isso não tinha a menor importância…

Bom: isso aí é James Brown, né cara? Aí é fácil dar roupagem funk, né? Faz o seguinte então: tome esta aqui:

Wonderwall
Oasis

Today is gonna be the day
That they’re gonna throw it back to you
By now you should’ve somehow
Realized what you gotta do
I don’t believe that anybody
Feels the way I do about you now

Backbeat, the word is on the street
That the fire in your heart is out
I’m sure you’ve heard it all before
But you never really had a doubt
I don’t believe that anybody
Feels the way I do about you now

And all the roads we have to walk are winding
And all the lights that lead us there are blinding
There are many things that I
Would like to say to you, but I don’t know how

Because maybe
You’re gonna be the one that saves me
And after all
You’re my wonderwall

Today was gonna be the day
But they’ll never throw it back to you
By now you should’ve somehow
Realized what you’re not to do
I don’t believe that anybody
Feels the way I do about you now

And all the roads that lead you there were winding
And all the lights that light the way are blinding
There are many things that I
Would like to say to you, but I don’t know how

I said maybe
You’re gonna be the one that saves me
And after all
You’re my wonderwall

I said maybe (I said maybe)
You’re gonna be the one that saves me
And after all
You’re my wonderwall

I said maybe (I said maybe)
You’re gonna be the one that saves me (that saves me)
You’re gonna be the one that saves me (that saves me)
You’re gonna be the one that saves me (that saves me)

Que tal, hein? Aí temos Wonderwall do Oasis, com Darren Criss nos vocais. Tá bom assim, hein? Ou quer mais? Já vem mais… Pouco mais de um ano depois das primeiras gravações o Scary Pockets havia publicado 50 vídeos com mais de 10 milhões de views no Youtube. Mas a coisa só melhorou…

Sweet child o’ mine
Guns N’ Roses

She’s got a smile that it seems to me
Reminds me of childhood memories
Where everything was as fresh
As the bright blue sky

Now and then when I see her face
She takes me away to that special place
And if I stare too long
I’d probably break down and cry

Oh, oh! Sweet child o’ mine
Oh, oh, oh, oh! Sweet love of mine

She’s got eyes of the bluest skies
As if they thought of rain
I hate to look into those eyes
And see an ounce of pain

Her hair reminds me of a warm safe place
Where as a child I’d hide
And pray for the thunder and the rain
To quietly pass me by

Oh, oh! Sweet child o’ mine
Oh, oh, oh, oh! Sweet love of mine

Oh, oh, oh, oh! Sweet child o’ mine
Ooh, yeah, eh
Ooh! Sweet love of mine

Where do we go?
Where do we go now?
Where do we go?

Where do we go?
Where do we go now?
Where do we go now?

Where do we go? (sweet child o’ mine)
Where do we go now?
Where do we go?
Where do we go?

Where do we go now?
Where do we go?
Where do we go now?
Where do we go?

Where do we go now?
Where do we go?
Where do we go now?
Now, now, now, now, now, now, now?
Sweet child
Sweet child o’ mine

Rarararaa… Que tal Sweet Child O’ Mine do Guns N´Roses em funk? O vocal é de Mario Jose, que também arrasa em Come Together dos Beatles

Come together
John Lennon
Paul McCartney

Here come old flat-top, he come
Groovin’ up slowly, he got
Ju-ju eyeballs, he want
Holy rollers, he got

Hair down to his knees
Got to be a joker, he just do what he please

He wear no shoeshine, he got
Toe-jam football, he got
Monkey finger, he shoot
Coca-Cola, he say
I know you, you know me
One thing I can tell you is you got to be free

Come together, right now
Over me

He bag production, he got
Walrus gumboot, he got
Ono sideboard, he one
Spinal cracker, he got
Feet down below his knee
Hold you in his armchair, you can feel his disease

Come together, right now
Over me

He roller coaster, he got
Early warning, he got
Muddy water, he one
Mojo filter, he say
One and one and one is three
Got to be good looking, ‘cause he’s so hard to see

Come together, right now
Over me

Come together, yeah
Come together, yeah
Come together, yeah

Tá curtindo? Todos os vídeos dessas músicas aqui estão no portalcafebrasil.com.br, tá? No roteiro do programa.

Então. Esse lance de dar roupagem nova a músicas conhecidas está projetando muitos grupos. Você já ouviu o Café Brasil sobre o Postmodern Juckebox? Existem vários outros grupos, injetando uma qualidade fantástica no cenário musical. Vamos então Back de Street Boys, com o vocal de Casey Abrams

I want it that way
Max Martin
Andreas Carlsson

Yeah-eah-eah
You are my fire
The one desire
Believe when I say
I want it that way

But we are two worlds apart
Can’t reach to your heart
When you say
That I want it that way

Tell me why
Ain’t nothin’ but a heartache
Tell me why
Ain’t nothin’ but a mistake
Tell me why
I never wanna hear you say
I want it that way

Am I your fire?
Your one desire
Yes I know it’s too late
But I want it that way

Tell me why
Ain’t nothin’ but a heartache
Tell me why
Ain’t nothin’ but a mistake
Tell me why
I never wanna hear you say
I want it that way

Now I can see that we’ve fallen apart
From the way that it used to be, Yeah
No matter the distance
I want you to know
That deep down inside of me

You are my fire
The one desire
You are
You are, You are, You are…

Don’t wanna hear you
(Yeah, yeah, yeah, yeah, ye-e-eah)
Ain’t nothin’ but a heartache
Ain’t nothin’ but a mistake
(Don’t wanna hear you say)
I never wanna hear you say
I want it that way

Tell me why
Ain’t nothin’ but a heartache
Tell me why
Ain’t nothin’ but a mistake
Tell me why
I never wanna hear you say
(Don’t wanna hear you say)
I want it that way

Tell me why
Ain’t nothin’ but a heartache
Ain’t nothin’ but a mistake
Tell me why
I never wanna hear you say
(Don’t wanna hear you say it)
I want it that way

‘Cause I want it that way

Cara, eu tenho que insistir… você tem que assistir os vídeos do Scary Pockets. A vibração dos caras é um barato, eles passam exatamente aquela ideia de um grupo de amigos se divertindo…

Olha! Tem uma cantora  que foi muito especial pro Scary Pockets. O  nome dela é India Carney. Vê-la cantando é uma coisa, cara… Aqui  você vai ouvir nada mais, nada menos que Yesterday, dos Beatles.

Yesterday
Paul McCartney

Yesterday
All my troubles seemed so far away
Now it looks as though they’re here to stay
Oh, I believe in yesterday

Suddenly
I’m not half the man I used to be
There’s a shadow hanging over me
Oh, yesterday came suddenly

Why she had to go I don’t know
She wouldn’t say
I said something wrong now I long
For yesterday

Yesterday
Love was such an easy game to play
Now I need a place to hide away
Oh, I believe in yesterday

Why she had to go I don’t know
She wouldn’t say
I said something wrong now I long
For yesterday

Yesterday
Love was such an easy game to play
Now I need a place to hide away
Oh, I believe in yesterday

Então: foi India Carney que interpretou o que para mim é o maior petardo do Scary Pockets, é aquela que estou ouvindo há uma semana, sem parar. E já vou avisando, essa é daquelas musicas-chiclete, vai ficar grudada aí na sua mente. É nada mais, nada menos do que Creep, do Radiohead. Esse foi o vídeo que mudou a história do Scary Pockets, obtendo mais de 10 milhões de views no Facebook e mais de 1 milhão no Youtube, logo que foi lançado. A partir dele os caras sentiram que a coisa ia longe… Segura aí:

Creep
Radiohead

When you were here before
Couldn’t look you in the eye
You’re just like an angel
Your skin makes me cry

You float like a feather
In a beautiful world
And I wish I was special
You’re so fuckin’ special

But I’m a creep, I’m a weirdo.
What the hell am I doing here?
I don’t belong here.

I don’t care if it hurts
I want to have control
I want a perfect body
I want a perfect soul

I want you to notice
When I’m not around
You’re so fuckin’ special
I wish I was special

But I’m a creep, I’m a weirdo.
What the hell am I doing here?
I don’t belong here.

She’s running…

Essa não deu pra cortar, cara!

Então! Olha: existem coisas muito legais no Youtube, não apenas um monte de youtuber falando merda, viu? Basta um pouquinho de pesquisa e pérolas como o Scary Pockets vão aparecer!

Procure o canal do Scary Pockets. Eles vão tomar conta do Toca Fitas do Seu carro… E fique frio, viu? Uma hora dessas sai um Café Brasil só sobre o Funk.

E é assim, ao som de Creep, do RadioHead com o Scary Pockets, que vamos saindo embalados.

Com o saltitante Lalá Moreira na técnica, a dançante Ciça Camargo na produção e eu, este caçador das pérolas do Youtube, Luciano Pires na direção e apresentação.

Estiveram conosco nuestro hermano Gustavo desde Uruguai, James Jamerson, James Brown, Larry Graham, Pomplamoose e Jack Conte e Ryan Lerman com o Scary Pockets.

Este é o Café Brasil. De onde veio este programa tem muito, mas muito mais, especialmente pra quem assina o cafébrasilpremium.com.br.

Mande um comentário de voz pelo WhatSapp no 11 96429 4746. E também estamos no Telegram, com o grupo Café Brasil.

Pra terminar, em vez de uma frase, eu vou te mandar um funk brasileiro, cara. Daqueles que você não  conhece. O nome dele é Di Melo e a música chama-se: Pernalonga.

Pernalonga
Di Melo

Vê se dá jeito nesse teu sistema
Teus modos te condenam, tá na cara não vai dar
Vê se te manca, entra em outra cena
Este palco é pequeno não te caberá

Ô Pernalonga (Hey! Hey! Hey!)
Ô Pernalonga (Hey! Hey! Hey!)
Ô Pernalonga (Hey! Hey! Hey!)
Ô Pernalonga

Vê se corre pra pegar o tempo
Que o tempo não pára e que tu quebra, quebra, a cara
Vê se corre pra pegar o tempo
Que o tempo não pára e que tu quebra a cara