Iscas Intelectuais
Síntese de indicadores sociais 2016 do IBGE
Síntese de indicadores sociais 2016 do IBGE
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - ...

Ver mais

Silvio Santos, Zé Celso e o Oficina
Silvio Santos, Zé Celso e o Oficina
Uma reunião para ser objeto de estudo em qualquer aula ...

Ver mais

#TransgressaoEhIsso
#TransgressaoEhIsso
Transgredir é muito mais que pintar o rosto, urinar na ...

Ver mais

Vem aí o Cafezinho
Vem aí o Cafezinho
Nasce nesta segunda, 4/9 o CAFEZINHO, podcast ...

Ver mais

609 – As leis
609 – As leis
No Fórum da Liberdade que aconteceu em abril de 2018 em ...

Ver mais

608 – As 12 Regras
608 – As 12 Regras
Jordan Peterson é psicólogo clínico, crítico cultural e ...

Ver mais

607 – Uma Guerreira
607 – Uma Guerreira
Este programa reproduz na íntegra o LíderCast 100, pois ...

Ver mais

606- Histeria Política
606- Histeria Política
O assassinato da vereadora Marielle Franco no Rio em ...

Ver mais

LíderCast 105 – Jeison Arenhardt
LíderCast 105 – Jeison Arenhardt
LíderCast 105 - Hoje conversamos com Jeison Arenhardt, ...

Ver mais

LíderCast 104 – Odayr Baptista
LíderCast 104 – Odayr Baptista
LíderCast 104 - Hoje conversamos com Odayr Baptista, ...

Ver mais

LíderCast 103 – Ivan Witt
LíderCast 103 – Ivan Witt
Hoje conversamos com Ivan Witt, um executivo brasileiro ...

Ver mais

LíderCast 102 – Paulo Cruz
LíderCast 102 – Paulo Cruz
Com Paulo Cruz, professor, pensador, voz dissonante da ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata - Temporada 02 Episódio 09 Quando ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 08 Já falei ...

Ver mais

O Ibope e a caricatura do conservadorismo
Bruno Garschagen
Ciência Política
Essa pesquisa que mede o grau de conservadorismo da sociedade brasileira é das coisas mais estúpidas que o Ibope já fez.

Ver mais

A nova onda
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
A vitrine acima é um quadro de uma animação de Mauricio Ricardo em https://www.youtube.com/watch?v=j7GJT3jALx4 A moda agora é “ter lado” sobre o vídeo de Gleisi Hoffman – que só é senadora ...

Ver mais

A Copa do Mundo Socioeconômica
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
A Copa do Mundo Socioeconômica[1] Considerações preliminares No próximo dia 14 de junho terá início a 21ª edição da Copa do Mundo da FIFA (Fedération Internationale de Football Association), um ...

Ver mais

As 50 empresas mais inovadoras do mundo
Mauro Segura
Transformação
Saiu a edição 2018 do estudo "As 50 empresas mais inovadoras do mundo" do BCG, que apresenta os principais movimentos que grandes organizações estão fazendo para inovar e impactar a sociedade.

Ver mais

Cafezinho 65 – A burrice
Cafezinho 65 – A burrice
Qualquer semelhança com gente que você conhece é pura ...

Ver mais

Cafezinho 64 – Outra piada
Cafezinho 64 – Outra piada
O caso do triplex no Guarujá começou em setembro de ...

Ver mais

Cafezinho 63 – Sai fora
Cafezinho 63 – Sai fora
As pessoas com as quais você anda, as fontes das quais ...

Ver mais

Cafezinho 62 – Dona Terezinha
Cafezinho 62 – Dona Terezinha
Aos domingos à tarde, a companhia da dona Terezinha de ...

Ver mais

Sua Santidade, o papa humano

Sua Santidade, o papa humano

Adalberto Piotto - Olhar Brasileiro -

Por Adalberto Piotto

Francisco, o papa, não faz revoluções.

Estas costumam ser idiossincráticas, personalistas, contraditórias e com efeitos desastrosos porque, não raro, se baseiam em emoções exacerbadas e autoindulgências dos revolucionários. Dão errado.

Sua Santidade olha ao redor e faz, sim, concessões ao contemporâneo sem perder as sagradas referências antropológicas de quem somos e como chegamos até aqui.

Sensato que é, tem plena consciência que não há vida sem o presente. Corajoso que é, sabe perfeitamente que sem tradições não há humanidade.

A liberdade absoluta é o reino antagônico do castelo do preconceito. Ambos se orientam pela estupidez e arrogância.

O bom senso continua sendo a alma da inteligência.

Por isso, o papa recomenda uma vida de aceitação ao outro quando se abre à comunhão aos divorciados – ou casados novamente – ou abre a igreja aos homossexuais.

Não dá aceitação absoluta a ninguém nem autoriza o absolutismo de que grupo for. A vida em comunidade é um exercício de respeito recíproco e intenso.

As ponderações, com citações a contemporâneos como o ativista americano Martin Luther King, o escritor conterrâneo Jorge Luis Borges e ao filme dinamarquês “Festa de Babette”, de Gabriel Axel, estão no documento divulgado hoje “Amoris Laetitia” (a Alegria do Amor), de 260 páginas.

Ao conceder direitos aos católicos “imperfeitos”, Francisco desconstrói a lógica da suposta perfeição que exclui, sem diminuir deveres de ninguém, mas inclui outros aos direitos.

O papa não é craque. Craque quer fama e nenhuma contestação.

O papa é só humano.

E ele faz questão de se bastar só com isso.

 

http://veja.abril.com.br/noticia/mundo/papa-pede-que-igreja-acolha-divorciados-e-homossexuais

Ver Todos os artigos de Adalberto Piotto