Assine o Café Brasil
Iscas Intelectuais
A rã e o escorpião
A rã e o escorpião
Isca intelectual de Luciano Pires, dizendo que é como ...

Ver mais

Fake News
Fake News
Isca intelectual lembrando da teoria dos Quatro Rês, ...

Ver mais

Matrizes da Violência
Matrizes da Violência
Isca intelectual lembrando que os presídios brasileiros ...

Ver mais

Mudei de ideia
Mudei de ideia
Isca intelectual de Luciano Pires incentivando que você ...

Ver mais

544 – Persuadível
544 – Persuadível
Podcast Café Brasil 544 - Persuadível. Vivemos numa ...

Ver mais

543 – Desengajamento moral
543 – Desengajamento moral
Podcast Café Brasil 543 - Desengajamento moral. Como é ...

Ver mais

542 – Tapestry
542 – Tapestry
Podcast Café Brasil 542 - Tapestry. Em 1971 uma cantora ...

Ver mais

541 – A festa do podcast
541 – A festa do podcast
Podcast Café Brasil 541 - A festa do Podcast. ...

Ver mais

LíderCast 056 – Paula Miraglia
LíderCast 056 – Paula Miraglia
LiderCast 056 - Hoje conversaremos com Paula Miraglia, ...

Ver mais

LíderCast 055 – Julia e Karine
LíderCast 055 – Julia e Karine
LiderCast 055 - Hoje vamos conversar com duas jovens ...

Ver mais

LíderCast 054 – Rodrigo Dantas
LíderCast 054 – Rodrigo Dantas
LiderCast 054 - Hoje vamos falar com o empreendedor ...

Ver mais

LíderCast 053 – Adalberto Piotto
LíderCast 053 – Adalberto Piotto
LiderCast 053 - Hoje vamos entrevistar Adalberto ...

Ver mais

045 – Recuperando do trauma
045 – Recuperando do trauma
Quando terminar o trauma, quando o Brasil sair deste ...

Ver mais

Vem Pra Rua!
Vem Pra Rua!
Um recado para os reacionários que NÃO vão às ruas dia ...

Ver mais

44 – Tudo bem se me convém – Palestra no Epicentro
44 – Tudo bem se me convém – Palestra no Epicentro
Apresentação de Luciano Pires no Epicentro em Campos de ...

Ver mais

43 – Gloria Alvarez – Sobre República e Populismo
43 – Gloria Alvarez – Sobre República e Populismo
Gloria Alvarez, do Movimento Cívico Nacional da ...

Ver mais

A verdade inconveniente da política atual
Bruno Garschagen
Ciência Política
Isca Intelectual de Bruno Garschagen, lembrando que o risco imediato para o futuro do mundo não é a desgraça do populismo: é o casamento incestuoso entre a degradação da política de hoje com a ...

Ver mais

A força da vocação
Tom Coelho
Sete Vidas
“Eu nunca quis ser o maior ou o melhor. Queria apenas desenhar.” (Mauricio de Sousa)   Mônica, Cebolinha, Cascão, Magali. É quase impossível que estes personagens de histórias em quadrinhos ...

Ver mais

O caos no Rio de Janeiro tem muitos culpados. E uma explicação
Bruno Garschagen
Ciência Política
Isca intelectual de Bruno Garschagen, lembrando que o que está acontecendo neste momento no Rio de Janeiro revela que a relação do carioca com a política não mudou muito desde o final do século 19.

Ver mais

Que grandeza…
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
Ah… nada como o amor sincero à Pátria, o dar-se pelo povo… Nada como ver políticos desprendidos, servindo à nação uma verdadeira aula de civismo, espalhando sabedoria e exemplo de ...

Ver mais

Ser Normal

Ser Normal

Jorge De Lima - Iscas Olhos&Alma -

O que é ser normal hoje em dia????

 Ser normal é aceitar os rumos de nossa atual política que distorce os fatos usando a mídia? É acreditar que ser bandido vale a pena validando a corrupção? É idolatrar quem não presta por que ele tem dinheiro roubado? É engolir calado apático que o lugar de político ladrão é solto? É achar normal que o judiciário brasileiro solte este tipo de criminoso ou lhe dê penas brandas? É normal  justificar os roubos e desvios em função de uma ideologia de esquerda ou direita?

Ser normal é ser frio, curtir a violência banalizada? Ter medo de tudo e todos? É viver com agressividade e a fomentar quotidianamente? É a maledicência e, julgar cada ato de quem está perto, difamar, inventar, apenas para ter uma “diversão” com a desgraça alheia?

 Ser normal é se relacionar de forma egoísta? É pensar em você sempre em primeiro e em último nos outros? É querer levar vantagem em tudo na rua, em casa, com sua vida afetiva? É viver um relacionamento sem carinho, respeito e diálogo? É deixar seus amigos escolherem sua vida afetiva? Ou é  viver esperando um grande dote, um casamento milionário, o dia em que vai acertar na mega sena acumulada, sozinho?

 Ser normal é viver de aparências, buscando status mesmo sem ter onde cair morto? É encher o carro com sacolas de compras de shopping, mesmo sem ter com o que pagar? É ser caloteiro em nome de um marketing pessoal? Ter um carro importado zero, geladeira vazia e viver de aluguel?

 Ser normal é abdicar dos sonhos? Perder o fogo sagrado pela vida, a fome de viver? É curtir a mediocridade inata das massas, levar a vida de barriga e contentar com as migalhas e sobras? É abdicar da vocação genuína e do talento? É desistir da realização pessoal e suas possibilidades? É abandonar um talento em nome de um concurso público? Ou é sempre ter uma desculpa para não ir ao mercado de trabalho?

 Ser normal é gostar dos piores programas de televisão que nada tem para oferecer a não ser o espelho da vida vazia? Ou será que é a substituição do convívio com amigos, de trocar risadas e abraços por relacionamentos virtuais evitando o contato afetivo e humano genuíno?

 Ser normal é fugir de beijo, abraço, de carinho? E achincalhar quem o faz? É fingir que não existem desejos e viver da carente inanição da alma, em uma pseudo autossuficiência?

 Ser normal é viver de porre em porre, de droga em droga, todo fim de semana para dar sentido à existência? É frequentar lugares péssimos só para dizer que saiu no fim de semana? É tolerar a cachaçada alheia com direito a vômito e a ser babá de alcoólatra? É tornar a vida em uma droga?

Ser normal é sentar no banco de uma universidade e comprar um diploma a prestação, sem mesmo, às vezes, saber o que se está fazendo da vida?  É achar que seu professor tem obrigação de ensinar e você, nenhuma em aprender?

Ser normal é não ler livros por falta de paciência?

Ser normal é querer receber tudo pronto, sem esforço nem trabalho?

 Ser normal é ficar na igreja reparando no defeito dos outros para poder falar mal depois? É se achar especial por que tem uma religião e que com isto está no céu?

Ser normal é vestir a última grife, ter o mesmo penteado, alisar o cabelo com chapinha como todo mundo faz? Fazer a última cirurgia estética da moda? É viver com a personalidade da massa indistinta e sem identidade própria? É ser igualzinho, ser básico, não ter conflitos, nem preocupações com nada, apenas curtir? Ser normal é ser conformado, comodista e aceitar tudo que te falam, sem questionar?

 Depois disto tudo digo: que bom que não sou normal… adoro minha diferença!

 www.olhosalma.com.br

Ver Todos os artigos de Jorge De Lima