Iscas Intelectuais
Bandidos Na TV
Bandidos Na TV
Assisti Bandidos Na Tv, nova série na NetFlix, que ...

Ver mais

1964 – O Brasil entre armas e livros
1964 – O Brasil entre armas e livros
Um documentário para ser visto como outro ângulo pelo ...

Ver mais

Os Podcasts Café Brasil Musicais
Os Podcasts Café Brasil Musicais
Música é uma de nossas grandes paixões, por isso de ...

Ver mais

#DicaNetFlix Trotsky
#DicaNetFlix Trotsky
É uma série de terror. Tem assassinos em série, ...

Ver mais

670 – A nova Previdência
670 – A nova Previdência
No dia 12 de Junho fomos à Brasília e, no Ministério da ...

Ver mais

669 – Fora da Caixa 2
669 – Fora da Caixa 2
Você não precisa inventar a lâmpada para ser original. ...

Ver mais

668 – Fora da caixa
668 – Fora da caixa
Não é fácil hoje em dia ter uma ideia original, ...

Ver mais

667 – Ajuda, por favor
667 – Ajuda, por favor
Toda mudança implica em incomodação. Se não incomoda, ...

Ver mais

LíderCast 157 – Marcel Van Hattem
LíderCast 157 – Marcel Van Hattem
Marcel Van Hattem é um jovem Deputado Federal pelo ...

Ver mais

LíderCast 156 – Karina Oliani e Carlos Morey
LíderCast 156 – Karina Oliani e Carlos Morey
Aproveitando que o Everest está sendo discutido na ...

Ver mais

LíderCast Temporada 12
LíderCast Temporada 12
Vem aí a Temporada 12 do LíderCast, que será lançada na ...

Ver mais

LíderCast 155 – Emilio Dantas Costa
LíderCast 155 – Emilio Dantas Costa
Servidor público de carreira, que a partir das ...

Ver mais

Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Um bate papo entre Adalberto Piotto, Carlos Nepomuceno ...

Ver mais

046 – Para quem vai anular o voto
046 – Para quem vai anular o voto
Fiz um vídeo desenhando claramente o que acontece com ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

TRIVIUM: CAPITULO 2 – AMBIGUIDADE DA LINGUAGEM (parte 10)
Alexandre Gomes
Já que uma PALAVRA é um SÍMBOLO, um SIGNO ARBITRÁRIO ao qual é imposto um significado por convenção, é natural que esteja sujeita (a palavra) à AMBIGUIDADE. E isso pode surgir de alguns pontos: ...

Ver mais

O salário do professor brasileiro é um dos mais baixos do mundo
Gustavo Bertoche
É preciso lançar pontes.
Matéria de ontem no jornal O Globo nos lembra um fato que é amplamente reconhecido: os professores brasileiros estão entre os que recebem os menores salários no mundo inteiro. Em relação aos ...

Ver mais

As cigarras, as formigas e o tal do viés ideológico
Carlos Nepomuceno
RESUMO DA LIVE: LIVE COMPLETA.

Ver mais

Komsomol brasileiro
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
Um dos métodos mais eficazes para garantir a lavagem cerebral nos jovens de tenra idade (muitas vezes órfãos, vítimas da guerra ou dos pavorosos assassinatos em massa ordenados por Stalin) na ...

Ver mais

Cafezinho 188 – O coeficiente de trouxidão
Cafezinho 188 – O coeficiente de trouxidão
É seu coeficiente de trouxidão, com a suspensão ...

Ver mais

Cafezinho 187 – Quem merece seu tempo de vida
Cafezinho 187 – Quem merece seu tempo de vida
Meu tempo de vida está sendo enriquecido ou só desperdiçado?

Ver mais

Cafezinho 186 – A disciplina intelectual
Cafezinho 186 – A disciplina intelectual
Na definição dos dicionários, disciplina é o conjunto ...

Ver mais

Cafezinho 185 – O princípio Eisenhower
Cafezinho 185 – O princípio Eisenhower
Dê uma olhada nas pautas em discussão nas mídias. Veja ...

Ver mais

O egoismo

O egoismo

Jorge De Lima - Iscas Olhos&Alma -

“A juventude acaba quando termina o egoísmo, a velhice começa com a vida para os outros…” –  Herman Hesse

Há duas semanas fui indagado por uma leitora qual seria o pior defeito de uma pessoa, o que traz mais problemas em seu desenvolvimento pessoal, psicológico, social, profissional, espiritual. Em mais de duas décadas de experiência clínica diária pude notar que as pessoas egoístas têm enorme dificuldade para aprenderem, compartilharem sua experiência, apresentam enorme rigidez e inflexibilidade, intolerância a frustração, mergulham com facilidade em transtornos de ansiedade com intensa somatização. Se hoje temos no mundo 2 bilhões de pessoas com transtorno de ansiedade, e 350 milhões de pessoas com depressão devemos isto ao egoísmo.

Egoísmo é o auto centramento, a introversão da energia psíquica, a distorção do narcisismo, o descarte da empatia – a não percepção das necessidades do outro, o excesso de auto-importância, do personalismo, o pensar só em você próprio, a busca desenfreada de prazer. Egoísmo é viver para si próprio sem pensar nos outros. É o querer intenso e excessivo.

Em nosso pós modernismo o mercado de consumo transformou a política, a religião, a socialização em valores ficcionais em  uma gigantesca fábrica de seres hedônicos. Competir! Pensar em si próprio, o mote de toda era moderna. O vizinho é um inimigo. A era moderna tornou instável os preceitos da função da personalidade moldando de forma maleável os valores e virtudes. Na pós modernidade a instabilidade criada pela necessidade de consumo, no emprego da tecnologia acentuou o auto centramento. As experiências compartilhadas são existentes pelo auto centramento. As experiências das redes sociais evidenciam a crise do pouco contato físico na era do virtual, o descarte da presença física real dos outros. A consequência, mais egoísmo. “Estamos a construir uma sociedade de egoístas(…) … que importa é o que compras, e segundo o que compras têm mais ou menos consideração por ti”… testemunha José de Sousa Saramago.

Todo egoísta é um sofredor nato. Sofre e não aprende, buscando novas experiências, e novamente sofrer do calote ao chifre passando pelas doenças, é o ser que vive dando cabeçadas, resmungando da vida, sem uma socialização genuína. São a crise da afetividade da pós modernidade, ou seja, são amigos desprezíveis, péssimos amantes, são a carência, a frustração, solidão e isolamento, o fim programado de namoro, noivado, casamento. Tudo em nome do eu que esquece o querer do outro.

O egoísta necessita de uma psicoterapia profunda para não adoecer mais. Tratar o egoísmo é simples: auto- conhecimento, doação, caridade, compaixão, e persistência. Neste mundo no atual estágio de nossa civilização este deve ser um exercício constante, rotineiro diário para todos. É o único caminho para uma felicidade genuína, para evolução psicológica e espiritual.

Ver Todos os artigos de Jorge De Lima