Iscas Intelectuais
Como decidi em quem votarei para Presidente
Como decidi em quem votarei para Presidente
Não sei se estou certo, não fui pela emoção, não estou ...

Ver mais

Democracia, Tolerância e Censura
Democracia, Tolerância e Censura
O que distingue uma democracia de uma ditadura é a ...

Ver mais

O dia seguinte
O dia seguinte
Com o aumento considerável do mercado de palestrantes ...

Ver mais

Fact Check? Procure o viés.
Fact Check? Procure o viés.
Investigar o que é verdade e o que é mentira - com base ...

Ver mais

634 – Me chama de corrupto, porra!
634 – Me chama de corrupto, porra!
Cara, que doideira é essa onda Bolsonaro que, se você ...

Ver mais

633 – Ballascast
633 – Ballascast
O Marcio Ballas, que é palhaço profissional, me ...

Ver mais

632 – A era da inveja
632 – A era da inveja
Uma pesquisa de 2016 sobre comportamento humano mostrou ...

Ver mais

631 – O valor de seu voto – Revisitado
631 – O valor de seu voto – Revisitado
Mais discussão de ano de eleição: afinal o que é o ...

Ver mais

LíderCast 127 – Lito Rodriguez
LíderCast 127 – Lito Rodriguez
Empreendedor, criador da DryWash, outro daqueles ...

Ver mais

LíderCast 126 – Alexis Fonteyne
LíderCast 126 – Alexis Fonteyne
Empresário criativo e agora candidato a Deputado ...

Ver mais

LíderCast 125 – João Amoêdo
LíderCast 125 – João Amoêdo
Decidimos antecipar o LíderCast com o João Amoêdo ...

Ver mais

LíderCast 124 – Sidnei Alcântara Oliveira
LíderCast 124 – Sidnei Alcântara Oliveira
Segunda participação no LíderCast, com uma história que ...

Ver mais

046 – Para quem vai anular o voto
046 – Para quem vai anular o voto
Fiz um vídeo desenhando claramente o que acontece com ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata - Temporada 02 Episódio 09 Quando ...

Ver mais

Nobel de Economia valoriza sustentabilidade e inovação tecnológica
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Nobel de Economia valoriza sustentabilidade e inovação tecnológica “Nossos filhos terão mais de quase tudo, com uma gritante exceção: eles não terão mais tempo. À medida que a renda e os salários ...

Ver mais

Ah, se os políticos usassem sua criatividade para o bem
Henrique Szklo
Tem gente que acha que os políticos não são corruptos. Nós é que somos certinhos demais. Já o meu amigo Rodriguez diz que o pior tipo de político é o honesto, porque, além de trouxa, é traidor da ...

Ver mais

Somos quem podemos ser
Jota Fagner
Origens do Brasil
Já faz um tempo que venho desiludido quanto aos resultados da educação. Ainda acredito que ela seja essencial, mas já consigo enxergar que não basta. Uma pessoa bem instruída não é garantia de ...

Ver mais

História da riqueza no Brasil
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
História da riqueza no Brasil  Cinco séculos de pessoas, costumes e governos “A proposta de uma revolução copernicana na análise e interpretação da história do Brasil – esta é a marca ...

Ver mais

Cafezinho 115 – Um voto não vale uma amizade
Cafezinho 115 – Um voto não vale uma amizade
Não gaste sua energia e seu tempo precioso de vida ...

Ver mais

Cafezinho 114 – E se?
Cafezinho 114 – E se?
Mudanças só acontecem quando a crise que sofremos for ...

Ver mais

Cafezinho 113 – Merdades e Ventiras
Cafezinho 113 – Merdades e Ventiras
Conte até dez antes de compartilhar uma merdade

Ver mais

Cafezinho 112 – Como decidi meu voto
Cafezinho 112 – Como decidi meu voto
Meu voto é estratégico, para aquilo que o momento exige.

Ver mais

Lições do porvir

Lições do porvir

Labi Mendonça - Iscas Anarquiscas -

Chegou dezembro. O ano está no fim. Todos os anos eu tenho que criar temas de calendários para as empresas clientes.

Geralmente elejo um tema e desdobro em doze reflexões, uma para cada mês. Para o meu calendário, se fosse produzir um, escolho o tema Lições do Porvir. Estive observando o comportamento das pessoas conectadas nas redes sociais, refletindo no que ali vejo, e cheguei a algumas conclusões que acredito que possam ser transmitidas como lições. Tudo bem que não se pode generalizar, mas ajuda. Vejam só as doze dicas para 2014:

1 – IMAGEM E CONTEÚDO – Hoje em dia as pessoas estão mais preocupadas em enfeitar sua página do Facebook do que em analisar o que lhes falta para melhorar a competência profissional. Em vez de investir em novos cursos e aperfeiçoamento eles gastam horas postando abobrinhas no “Face”.

2 – VIDA NO FUTURO – Se a pessoa está muito preocupada com a saúde, boa alimentação, receitas, e qualidade de vida, pode ter certeza que deve ter mais de 50 anos. Os jovens não estão nem aí pra isso.

3 – CRENÇA E UNIÃO – Se religião fosse realmente a solução para os problemas de harmonia entre os homens, não haveria tantos conflitos na face da terra entre diversos povos. Acredito hoje que religião (que vem de religar) é uma das causas mais agudas de separatismo.

4 – EGOÍSMO E NARCISISMO – Se só a sua mãe está do seu lado, não tenha dúvidas, você está errado. A maioria dos casos de gente que não respeita os outros é por culpa de uma mãe que sempre dá cobertura ao espaçoso. E um espaçoso causa muito mal a muita gente sem se tocar com isso.

5 – O VALOR DA SORTE – Dinheiro é muito bom, compra muita coisa, e já é metade da solução. Mas mesmo assim você vai precisar de sorte. Tem coisas que o dinheiro não pode comprar de jeito nenhum.

6 – O PROBLEMA NÃO É COM ELE – A maioria das pessoas reclama do governo, põe a culpa nos políticos, fala mal de leis e normas, mas não se envolvem em nada político, não obedecem as leis e normas, e nem se preocupam em quem votar nas eleições.

7 – A VERDADE NUA – Todo mundo acha que é errado ter preconceito, mas a maioria das pessoas nunca se preocupou em verificar o grau de preconceito que alimenta nos seus princípios e padrões de conduta. Diante da situação real é que se revela a verdade.

8 – MACHISMO DAS MULHERES – As mulheres acusam os homens de machistas, mas não percebem que são elas que criam e educam os meninos de zero a sete anos, passando a eles todo o seu próprio pacote de conceitos machistas desde o princípio. E de homofobia também.

9 – DINHEIRO É SEXY – Num levantamento feito com as respostas da maioria das mulheres que estrelam as páginas da Play Boy, percebe-se que elas dão muito valor aos homens que tem pegada, barriga de tanquinho, usam cueca boxer, são sensíveis , carinhosos e educados. Mas todas namoram mesmo o cara que tem mais grana e carro mais caro, e se for celebridade melhor ainda, mesmo que sejam feiosos, dentuços, carecas, usem tanguinha e pareçam uns tijolos de sensibilidade.

10 – O RABO DE FORA – Se a mulher começa a postar muitos comentários ou imagens que fazem críticas aos homens, se ela publica muitos pensamentos que enaltecem a mulher em detrimento da imagem masculina e se ficam muito tempo à noite no Facebook publicando coisas, algumas conclusões são óbvias. Está solteira ou se separou, está precisando muito, seu parceiro não lhe dá muita atenção, enfrenta uma tremenda crise de autoestima. Batata. Com raras exceções.

11 – CUIDADO COM O QUE É SEU – Se o homem fica tempo demais no Facebook, publica muitas críticas ao governo, se envolve demais em política, reclama demais das leis e da economia, quer reformar o mundo, a sociedade e os indivíduos, e depois compartilha muitas piadas contra mulheres, recomendo que a mulher dele lhe dê mais atenção. É sinal de que está insatisfeito em casa.

12 – VIRTUAL NÃO É REAL Se tudo o que é postado no Facebook tais como bons pensamentos, reflexões, ditados, filosofias e princípios provocassem de fato grandes mudanças na sociedade, acredito que estaríamos muito melhores, mais conscientes, mais solidários, mas politizados, mais mobilizados, mais coerentes e mais justos. Acontece que é só no virtual. No real é outro espaço.

Agora, espero a contribuição de vocês.

Ver Todos os artigos de Labi Mendonça