Iscas Intelectuais
Silvio Santos, Zé Celso e o Oficina
Silvio Santos, Zé Celso e o Oficina
Uma reunião para ser objeto de estudo em qualquer aula ...

Ver mais

#TransgressaoEhIsso
#TransgressaoEhIsso
Transgredir é muito mais que pintar o rosto, urinar na ...

Ver mais

Vem aí o Cafezinho
Vem aí o Cafezinho
Nasce nesta segunda, 4/9 o CAFEZINHO, podcast ...

Ver mais

Educação adulta
Educação adulta
Preocupados demais com a educação de nossos filhos, ...

Ver mais

590 – O que aprendi com o câncer
590 – O que aprendi com o câncer
O programa de hoje é uma homenagem a uns amigos ...

Ver mais

589 – A cultura da reclamação
589 – A cultura da reclamação
Crianças mimadas, multiculturalismo, politicamente ...

Ver mais

588 – Escola Sem Partido
588 – Escola Sem Partido
Poucos temas têm despertado tantas paixões como a ...

Ver mais

587 – Podres de Mimados
587 – Podres de Mimados
Você já reparou como estão mudando os padrões morais, ...

Ver mais

LíderCast 90 – Marcelo Ortega
LíderCast 90 – Marcelo Ortega
Marcelo Ortega, palestrante na área de vendas, outro ...

Ver mais

LíderCast 89 – Bruno Teles
LíderCast 89 – Bruno Teles
Bruno Teles, um educador que sai de Sergipe para se ...

Ver mais

LíderCast 88 – Alfredo Rocha
LíderCast 88 – Alfredo Rocha
Alfredo Rocha, um dos pioneiros no segmento de ...

Ver mais

LíderCast 087 – Ricardo Camps
LíderCast 087 – Ricardo Camps
Ricardo Camps, empreendedor e fundador do Tocalivros, ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata - Temporada 02 Episódio 09 Quando ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 08 Já falei ...

Ver mais

Tolerância? Jura?
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
Engraçada essa tal “tolerância” que pregam por aí, por dois simples motivos: 1) é de mão única e 2) pretende tolher até o pensamento do indivíduo. Exagero? Não mesmo. Antes que algum ...

Ver mais

Ensaio sobre a amizade
Tom Coelho
Sete Vidas
“A gente só conhece bem as coisas que cativou. Os homens não têm mais tempo de conhecer coisa alguma. Compram tudo prontinho nas lojas. Mas como não existem lojas de amigos, os homens não têm ...

Ver mais

Um reino que sente orgulho de seus líderes
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Um reino que sente orgulho de seus líderes  Victoria e Abdul   Uma vez mais, num curto espaço de tempo, o cinema nos brinda com um filme baseado na história de uma destacada liderança britânica. ...

Ver mais

O que aprendi com o câncer
Mauro Segura
Transformação
Esse é o texto mais importante que escrevi na vida. Na ponta da caneta havia um coração batendo forte. Todo o resto perto a importância perto do que vivemos ao longo desse ano.

Ver mais

Cafezinho 27 – Planos ou esperanças
Cafezinho 27 – Planos ou esperanças
Tem gente que, em vez de planos, só tem esperança.

Ver mais

Cafezinho 26 – Brasil Futebol Clube
Cafezinho 26 – Brasil Futebol Clube
Não dá para ganhar um jogo sem acreditar no time.

Ver mais

Cafezinho 25 – Podres de mimados 2
Cafezinho 25 – Podres de mimados 2
O culto do sentimento destrói a capacidade de pensar e ...

Ver mais

Cafezinho 24 – Não brinco mais
Cafezinho 24 – Não brinco mais
Pensei em não assistir mais, até perceber que só quem ...

Ver mais

Homens Gentis

Homens Gentis

Suely Pavan Zanella - Iscas Comportamentais -

Homens Gentis

 

Suely Pavan Zanellaobamatrump

A repercussão nas Redes Sociais do tratamento dispensado por Obama à sua esposa Michelle em comparação ao de Trump junto à Melania, mostrou que as mulheres gostam mesmo é de homens gentis, educados e cavalheiros. E que homens também gostam de assim ser.

E gentileza, educação e cavalheirismo têm a ver com pequenos gestos como se pode ver nas fotos e vídeos existentes. Um abrir de portas, caminhos e colocar a mão para guiar passos. Além, é claro, de olhares cuidadosos. E uma interessante inclinação corporal de Obama em direção sempre à Michele, típica das pessoas que têm interesse real em outra. Este último gesto que vi em alguns filmes e que foi pouco comentado, para mim que sou psicóloga, foi um dos mais significativos, pois raramente pode ser falseado, já que é espontâneo.

Ou seja, é muito fácil perceber se um homem está ou não interessado em uma mulher. Até em alguns espécimes do sexo masculino em relação à fêmea este gesto de interesse genuíno é visto.

Como disse certa vez uma moça: Sabemos abrir e fechar a porta do carro, mas é muito bom quando um homem espontaneamente faz isso por nós.

Podemos ser independentes, feministas, e mesmo assim apreciarmos as gentilezas masculinas. As coisas não são incompatíveis. Mulher gosta, pelo menos a maioria, de ser bem tratada. E reclama muito também da grosseria de alguns machos.

Óbvio que há exceções! Algumas mulheres julgam atos gentis, cavalheiros e educados como mera objetificação e entendem estes gestos como algo assim: Ele só quer ser meu dono!

Particularmente acho que isso é um viés de pensamento e também de ação.

Por várias vezes supervisionei trabalhos de alunos que estavam trabalhando com o universo feminino atual, e não foram raras as cenas em que as mulheres dramatizavam as seguintes situações:

– Um rapaz se oferece para ir busca a participante do curso em sua casa, e ela na cena diz: Eu tenho carro, não preciso que ninguém me pegue em casa.

Como no Psicodrama (metodologia de ação) trabalhamos com diferentes técnicas, sendo uma delas a inversão de papéis, minha supervisionanda verifica que ao se colocar no lugar do rapaz, e só desta forma, a moça percebe sua grosseria. E obviamente depois se descobrem através de uma investigação diagnóstica as razões que fazem a moça que reclama de solidão dar uma resposta tão estereotipada quando esta. Percebe-se que é ela que generaliza os homens, e por assim pensar trata este da mesma forma. E o mais interessante, e graças à sessão com o método psicodramático, é que ela também percebe isso.

– Outra participante, em outra cena de outro curso, ao ir jantar com um rapaz e ao vê-lo tentar pagar a conta faz o seguinte: Tira todos os cartões da bolsa, e os espalha pela mesa e diz: Eu tenho dinheiro, portanto, sou plenamente capaz de pagar a minha parte!

Essa infelizmente, durante a inversão de papéis, não conseguiu colocar-se no lugar do rapaz. E só percebeu o motivo real de sua solidão ao final do curso.

Da minha parte acredito piamente que mulheres gostam de ser bem tratadas e conquistadas sempre. Minha experiência e pesquisas com o Universo Feminino desde 1998 prova isso. O mitólogo Joseph Campbell vai mais longe e diz que mulheres precisam ser reverenciadas. E talvez este seja o principal diferencial de Obama junto à sua esposa, diferentemente de Trump que tratou a esposa como uma espécie de assessório ou ornamento.

Ver Todos os artigos de Suely Pavan Zanella