Iscas Intelectuais
Produtividade Antifrágil
Produtividade Antifrágil
PRODUTIVIDADE ANTIFRÁGIL vem para provocar você a rever ...

Ver mais

Cafezinho Live
Cafezinho Live
Luciano Pires, criador e apresentador dos podcasts Café ...

Ver mais

Me Engana Que Eu Gosto
Me Engana Que Eu Gosto
Me engana que eu gosto: dois meio brasis jamais somarão ...

Ver mais

Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando a hora do Podcast Café Brasil 700!

Ver mais

Café Brasil Especial – Heróis da Saúde 11 – Qual é seu propósito?
Café Brasil Especial – Heróis da Saúde 11 – Qual é seu propósito?
Eu acho que você já deve ter sido questionado sobre ...

Ver mais

Café Brasil 718 – No lugar do outro
Café Brasil 718 – No lugar do outro
É nos momentos de tempestade, de crise, quando não há ...

Ver mais

Café Brasil Especial – Heróis da Saúde 10 – Va Pensiero
Café Brasil Especial – Heróis da Saúde 10 – Va Pensiero
Sempre tivemos um sonho trazer ópera para o Café ...

Ver mais

Café Brasil Especial – Heróis da Saúde 9 – Rua Ramalhete
Café Brasil Especial – Heróis da Saúde 9 – Rua Ramalhete
O programa de hoje é uma homenagem a um artista ...

Ver mais

LíderCast 200 – Marcio Ballas
LíderCast 200 – Marcio Ballas
Apresentador de televisão, ator e palhaço profissional. ...

Ver mais

LíderCast 199 – Ricardo Corrêa
LíderCast 199 – Ricardo Corrêa
Empreendedor, fundador da Ramper, uma conversa ...

Ver mais

LíderCast 198 – Hélio Contador
LíderCast 198 – Hélio Contador
Ex-executivo de grandes empresas do setor automotivo, ...

Ver mais

LíderCast 197 – Luciana Cardoso
LíderCast 197 – Luciana Cardoso
A jovem executiva que coordena um dos grandes desafios ...

Ver mais

Minuto da Produtividade 4 – Registre os pensamentos e ideias
Minuto da Produtividade 4 – Registre os pensamentos e ideias
A mente da gente é que nem o Windows; está agitando mas ...

Ver mais

Minuto da Produtividade 3 – Livre-se do lixo
Minuto da Produtividade 3 – Livre-se do lixo
Minuto da Produtividade 3 - Livre-se do lixo

Ver mais

Minuto da Produtividade 2 – Desenvolva sua própria pegada produtiva
Minuto da Produtividade 2 – Desenvolva sua própria pegada produtiva
Desenvolva a sua própria pegada produtiva!

Ver mais

Minuto da Produtividade 1 – A arte de dizer não!
Minuto da Produtividade 1 – A arte de dizer não!
Produtividade é a arte de dizer NÃO!

Ver mais

QI, educação e literatura
Gustavo Bertoche
É preciso lançar pontes.
O QI médio em praticamente todos os países do mundo cresceu muito nos últimos 100 anos.   Na Alemanha e nos EUA, o crescimento do QI médio foi de mais de 30 pontos. No Quênia e na Argentina, foi ...

Ver mais

Perfeccionismo só é defeito quando mal utilizado
Henrique Szklo
Iscas Criativas
Ao ser questionada sobre quais são seus defeitos, muita gente coloca, envergonhadamente, o perfeccionismo como um dos mais tóxicos, como está na moda dizer. Muitos, inclusive, culpam este ...

Ver mais

A economia criativa pode ser essencial para o pós-pandemia?
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
A economia criativa pode ser essencial para o pós-pandemia? “… as crises econômicas inevitavelmente dão origem a períodos críticos em que uma economia é refeita para que possa recuperar-se ...

Ver mais

Samba no céu
Chiquinho Rodrigues
Por volta dos anos 90 a Som Livre lançou um álbum com o infeliz nome de “Samba no Céu”. Eu me lembro de alguns nomes como Elis, Cartola, Pixinguinha, Gonzaguinha e outros artistas que já haviam ...

Ver mais

Cafezinho 284 – A polarização de araque
Cafezinho 284 – A polarização de araque
Assistir a rinha de galos diária tem o mesmo efeito que ...

Ver mais

Cafezinho 283 – COVID 20
Cafezinho 283 – COVID 20
Precisamos reconhecer quem fez um bom trabalho e punir, ...

Ver mais

Cafezinho 282 – O cochilo de 50 anos
Cafezinho 282 – O cochilo de 50 anos
Passada a pandemia, teremos de ser ainda mais ...

Ver mais

Cafezinho 281 – O freestyle cognitivo
Cafezinho 281 – O freestyle cognitivo
Você aí no seu pedaço tem valor, viu? E faz coisas que ...

Ver mais

Bolsonaro é o vagão: a locomotiva é o novo eleitor digital

Bolsonaro é o vagão: a locomotiva é o novo eleitor digital

Carlos Nepomuceno -

O Brasil vive duas revoluções em paralelo:

  • – a digital, que iniciou mudança de cada eleitor/consumidor de dentro para fora, através da possibilidade do acesso a mais informação, interação e mobilização distribuída;
  • – a republicana, que, a partir da digital, fez com que as pessoas passassem a querer muito mais do país do que antes.

O que estamos assistindo é a população, que já mudou por dentro, querendo que o país se adeque a este novo brasileiro.

Bolsonaro não é o agente da mudança, mas apenas o catalizador da mesma.

Vou dizer de outra forma: Bolsonaro é o para-raio, mas o raio é o eleitor querendo mudança.

As pessoas elegeram Sérgio Moro, como o Mito 1.0 e agora Bolsonaro como o 2.0.

As pessoas não estão votando em Bolsonaro pelas suas propostas, mas, principalmente pelos seus valores: família, pátria, honestidade, república, anti marxismo.

Tudo começa daí, o que vier a partir daí, é lucro!

O Brasileiro quer sair da monarquia secular brasileira do “todos são iguais perante as leis, menos o Lula, o Maluf e o Renan Calheiros” para “não temos bandidos de estimação”.

Quem acha que estamos criando o Bolsanarismo está enganado, estamos criando uma República com o primeiro presidente pós-monarquia fisiológica-marxista.

O pessoa diz por aí que o Brasil está mudando ou vai mudar, engano, o Brasil já mudou, pois cada eleitor empoderado de Whatsapp não é mais o mesmo.

As manifestações de 2013, 2015, as eleições de 2016, a mudança do Congresso e agora Bolsonaro são apenas o início do processo.

O início da jornada rumo a um novo país.

Quem quiser participar da política deste novo país precisa aprender a lidar com transparência, narrativa, coerência entre o que se diz e se faz.

A luz chegou e não tem como mais escurecer o ambiente.

O Brasil digital quer ser republicano, quer ser contemporâneo e isso começa, como em todas as revoluções de verdade, por valores estruturantes: não roubarás e não matarás o seu vizinho e o seu país.

O resto vem com o tempo.

Assim, as pessoas estão olhando para o lugar errado. Bolsonaro é o dedo, a população de verde e amarelo nas ruas cantando o hino, é a lua.

Faltam 3 dias para a queda da bastilha.

Falo mais sobre este tema na minha live de hoje:

Quem mudou no Brasil foi o eleitor. E tem um grande motivo: a internet!

Publicado por Carlos Nepomuceno em Quinta-feira, 25 de outubro de 2018

Ver Todos os artigos de Carlos Nepomuceno