Iscas Intelectuais
O dia seguinte
O dia seguinte
Com o aumento considerável do mercado de palestrantes ...

Ver mais

Fact Check? Procure o viés.
Fact Check? Procure o viés.
Investigar o que é verdade e o que é mentira - com base ...

Ver mais

O impacto das mídias sociais nas eleições
O impacto das mídias sociais nas eleições
Baixe a pesquisa da IdeiaBigdata que mostra o impacto ...

Ver mais

Síntese de indicadores sociais 2016 do IBGE
Síntese de indicadores sociais 2016 do IBGE
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - ...

Ver mais

Café Brasil 621 – Orgulho de Ser Brasileiro
Café Brasil 621 – Orgulho de Ser Brasileiro
Em junho de 2018 realizamos o II Sarau Café Brasil, ...

Ver mais

Café Brasil 620 – Democracia, tolerância e censura
Café Brasil 620 – Democracia, tolerância e censura
"Se começarmos a cercar com paredes aquilo que alguns ...

Ver mais

619 – LíderCast 9
619 – LíderCast 9
Neste programa apresentamos os convidados da Temporada ...

Ver mais

618 – No Toca Fitas Do Meu Carro – Scary Pockets
618 – No Toca Fitas Do Meu Carro – Scary Pockets
Mais um programa musical. E daqueles, cara. Você sabe ...

Ver mais

LíderCast 115 – Nailor Marques Jr
LíderCast 115 – Nailor Marques Jr
Professor, palestrante, uma das mentes mais divertidas ...

Ver mais

LíderCast 114 -Alexandre Ostrowiecki
LíderCast 114 -Alexandre Ostrowiecki
Empreendedor, com uma história incrível de como o ...

Ver mais

LíderCast 113 – Glaucimar Peticov
LíderCast 113 – Glaucimar Peticov
“Eu não tenho muros, só tenho horizontes” é a frase de ...

Ver mais

LíderCast 112 – Paulo Rabello de Castro
LíderCast 112 – Paulo Rabello de Castro
Professor, consultor, com vasta experiência no setor ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata - Temporada 02 Episódio 09 Quando ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 08 Já falei ...

Ver mais

É milagre, Crivella?
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
O Rio de Janeiro continua lindo Gil, e complicado; mais do que isso, espantoso. Não dá pra entender a razão pela qual os fluminenses elegem gente (latu sensu, ófi córsi) como Anthony Garotinho, ...

Ver mais

O despertador intelectual e a origem das ideias
Jota Fagner
Origens do Brasil
Possivelmente você teve uma pessoa que, em determinado momento de sua vida, acendeu a faísca da sua curiosidade sobre determinado assunto ou área do conhecimento. Talvez tenha sido mais de uma ...

Ver mais

Os caminhos para editar um livro
Isqueiro isqueiro
Muitas pessoas investem um tempo considerável colocando suas histórias e lições de forma escrita, para se perpetuarem na forma de livros. Mas, ao concluírem o texto, muitas vezes o guardam em ...

Ver mais

As causas e efeitos das barreiras de comunicação no trabalho
Mauro Segura
Transformação
Uma das maiores barreiras atuais para o sucesso de qualquer empresa é a comunicação no ambiente de trabalho, por mais irônico que isso possa aparecer por conta de todas as facilidades ...

Ver mais

Cafezinho 89 – Manifesto
Cafezinho 89 – Manifesto
Quero um mundo melhor, igualzinho a você. Talvez ...

Ver mais

Cafezinho 88 – A Teoria da Ilusão Fiscal
Cafezinho 88 – A Teoria da Ilusão Fiscal
Não existem soluções novas. O que existe é ignorância velha.

Ver mais

Cafezinho 87 – O que consome seu tempo de vida
Cafezinho 87 – O que consome seu tempo de vida
Se você não avaliar cada processo que consome seu tempo ...

Ver mais

Cafezinho 86 – Ser e parecer
Cafezinho 86 – Ser e parecer
É simples! É só fingir ser perfeito...

Ver mais

Banimento

Banimento

Jorge De Lima - Iscas Olhos&Alma -

Você já sofreu com a intolerância e com o preconceito? Consegue imaginar as consequências psicológicas de quem sofre com isto? Você já se sentiu excluído ou banido de um determinado grupo?

Era acadêmico de psicologia quando atendi meu primeiro caso, de uma jovem mulher que havia sido expulsa de casa por sua mãe,  por que havia se assumido lésbica. A paciente havia sido abusada sexualmente pelo pai, um ébrio durante cinco anos. Virou homossexual e passou a ser a vergonha da família, que se rebelou em um motim, que  se alastrou por toda família, avós, tios , primos. Era uma proscrita, banida, jogada no mundo e não podia voltar atrás. Era como o bode expiatório, no sacrifício descrito na antropologia clássica por Tylor e Frazer.

O abandono é uma ferida psíquica que maltrata muito quem a carrega. Um trauma. Todo preconceito machuca muito sua vítima. Os preconceitos são um tema ao qual venho me dedicando. Diariamente convivo com eles seja por ser deficiente, seja por tratar pessoas em sofrimento intenso. Problemas raciais, de gênero, classe evidenciam o quanto os preconceitos no Brasil são naturalizados, ou seja são comuns, fazem parte de uma construção cultural discursiva. O preconceito esta na legislação, na intolerância religiosa, na política, nas igrejas é a base do radicalismo, do fanatismo da violência urbana. Não aceitar o que é diferente. Diariamente vejo pacientes psiquiátricos que sofrem pelo preconceito.

Ao longo de minha vida como analista e psicólogo clínico atendi muitas pessoas com  a personalidade destruída, com a auto estima baixa, sentindo se mal por serem humilhados ao longo da vida, por serem constitutivamente diferentes do padrão coletivo.

Certa vez atendi um rapaz que brigava com Deus. Era profundamente revoltado com a sociedade e com as religiões. Um outro ser banido que morava longe de sua família, que além de não aceitá-lo o excluiu. Por ser um exímio profissional superou as dificuldades financeiras iniciais, mas passou fome, sentia muita solidão, abandono, havia se tornado um ser errante. Por ser habilidoso com as artes se refugiou em uma igreja protestante. Era recluso em sua intimidade e seguia as normas da igreja com fidelidade. Até que um pastor o alicia, passa a abusá-lo sexualmente, e quando o escândalo aparece o expulsa da igreja, lhe chamando de satanás de vergonha divina. Duplamente banido primeiro da família agora por deus da igreja.

Vi em minha vida profissional várias histórias dramáticas deste estilo.  Pessoas que começam a sofrer preconceito dentro da própria família, muitos vitima de pedofilia, de abuso sexual infantil, dentro do próprio núcleo familiar, e posteriormente banidos após se assumirem homoafetivos . E o que é esta família? Este é outro tema temido em nossa sociedade, pouco discutido, negado, abafado. No preconceito familiar para com as pessoas homoafetivas. Os traumas, o banimento familiar, intolerância,  a vergonha, o evitar, descaso, negação que ocorre nas relações familiares junto as pessoas homoafetivas. O preconceito que inicia dentro da família.

Ver Todos os artigos de Jorge De Lima