Portal Café Brasil
1964 – O Brasil entre armas e livros
1964 – O Brasil entre armas e livros
Um documentário para ser visto como outro ângulo pelo ...

Ver mais

Os Podcasts Café Brasil Musicais
Os Podcasts Café Brasil Musicais
Música é uma de nossas grandes paixões, por isso de ...

Ver mais

#DicaNetFlix Trotsky
#DicaNetFlix Trotsky
É uma série de terror. Tem assassinos em série, ...

Ver mais

Visualizando as estruturas do discurso do Portal Café Brasil
Visualizando as estruturas do discurso do Portal Café Brasil
Se você se aproximar do Café Brasil, prepare-se para ...

Ver mais

661 – A teoria do valor subjetivo
661 – A teoria do valor subjetivo
O mercado é o resultado da interação entre milhões de ...

Ver mais

660 – Na esquina da sua casa
660 – Na esquina da sua casa
Não espere que o Estado se preocupe com o indivíduo. O ...

Ver mais

659 – Empreendedorismo no Palco
659 – Empreendedorismo no Palco
Muitos anos atrás, acho que uns 20, fui convidado para ...

Ver mais

658 – Chá com a gente
658 – Chá com a gente
Este programa reproduz a edição especial do Podcast Chá ...

Ver mais

LíderCast 149 – Ronaldo Tenório
LíderCast 149 – Ronaldo Tenório
Empreendedor, que vem lá do nordeste para mudar a vida ...

Ver mais

LíderCast 148 – Bruno Busquet
LíderCast 148 – Bruno Busquet
CEO da Tupiniq,In Inside Out Agency e president do ...

Ver mais

LíderCast 147 – Sherlock Gomes
LíderCast 147 – Sherlock Gomes
Músico, um guitarrista e baixista excepcional cuja ...

Ver mais

LíderCast 146 – Cândido Pessoa
LíderCast 146 – Cândido Pessoa
Um intelectual, professor no Paradigma centro de ...

Ver mais

Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Um bate papo entre Adalberto Piotto, Carlos Nepomuceno ...

Ver mais

046 – Para quem vai anular o voto
046 – Para quem vai anular o voto
Fiz um vídeo desenhando claramente o que acontece com ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Que falta faz Roberto Campos!
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Que falta faz Roberto Campos!  Homenagem em três livros “O bem que o Estado pode fazer é limitado; o mal, infinito. O que ele nos pode dar é sempre menos do que nos pode tirar.” Roberto Campos ...

Ver mais

O copo, a água e o STF
Carlos Nepomuceno
RESUMO DA LIVE: LIVE COMPLETA: https://web.facebook.com/carlos.nepomuceno/videos/10157256876268631 RESUMO DAS LIVES ANTERIORES: https://www.youtube.com/playlist?list=PL7XjPl0uOsj8TxfUISqzcl4YrxYBC0vOw

Ver mais

O Rock, Bruce Springsteen e uma lição sobre liderança!
Jeison Arenhart De Bastiani
Outro dia assisti boquiaberto algo que não sei muito bem como descrever, mas posso afirmar que foi incrível e vou contar para você como um músico (que confesso não acompanhar muito) me deu uma ...

Ver mais

100 dias de Bolsonaro
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
100 dias de Bolsonaro Mais dúvidas e incertezas do que avanços concretos “O discurso liberal, que parece ser o principal pilar da agenda econômica, está sendo obscurecido por dois outros ...

Ver mais

Cafezinho 169 – O silêncio das pedras
Cafezinho 169 – O silêncio das pedras
Há silêncios e silêncios. Há o silêncio das pedras. Há ...

Ver mais

Cafezinho 168 – O que nos define
Cafezinho 168 – O que nos define
O que nos define são os adversários que vencemos.

Ver mais

Cafezinho 167 – Monstros da negatividade
Cafezinho 167 – Monstros da negatividade
“O otimista é o pessimista bem informado”, lembra ...

Ver mais

Cafezinho 166 – O nobre
Cafezinho 166 – O nobre
Este Brasil de 2019 é muito diferente daquele de 2015.

Ver mais

Ted Williams

Ted Williams

Luciano Pires -

Agora é uma estrela mediática, desde que um repórter do “Columbus Dispatch” o filmou a fazer aquilo que faz melhor: falar para um microfone. A sua voz grave e carismática já lhe rendeu dezenas de ofertas de emprego e de convites para programas de televisão.

A vida de Ted Williams transformou-se, literalmente, de um dia para o outro. Ainda há um mês andava com um cartaz apregoando a sua “voz de ouro” nos cruzamentos das auto-estradas do estado do Ohio e agora é convidado do programa Today, em Nova Iorque.

À sua chegada ao aeroporto de LaGuardia, o frenesi da media foi tão grande que Ted Williams se recusou a sair do avião. Entrevistas, perguntas, autógrafos… Tudo isto faz parte da vida deste homem que ainda há poucas semanas dormia numa tenda improvisada nas traseiras de umposto de gasolina abandonado

“Sinto-me como a Susan Boyle [a escocesa que fez furor no programa britânico “Britain’s Got Talent”]. Ou como Justin Bieber [o cantor canadense mais popular do momento]. Estou quase chocado”, afirmou Williams, de 53 anos.

Ted Williams tornou-se conhecido em todo o mundo depois do repórter Doral Chenoweth III ter filmado vídeo inicial do homem enquanto estava parado num semáforo. O jornalista teve curiosidade em ouvi-lo falar, uma vez Williams empunhava um cartaz dizendo possuir “o dom da voz”.

Instigando-o a dizer umas palavras, Chenoweth gravou Williams a dizer umas quantas frases típicas de um locutor de rádio ou de televisão. Imediatamente se pôde perceber o extraordinário tom de barítono da sua voz durante esse curto ensaio para a câmara.

Passada uma semana, o repórter voltou ao mesmo local e fez algumas perguntas ao sem-abrigo, que explicou o seu passado de consumo de drogas e de álcool e assinalando a sua vontade de dar a volta por cima e reclamar a sua vida de volta.

Chenoweth editou o vídeo e colocou-o no Youtube, que rapidamente se tornou viral. Desde que está disponível online já foi visto cerca de 8,5 milhões de vezes.

Foi a partir deste momento que a vida do sem-abrigo começou a melhorar. Recebeu quase de imediato propostas de emprego da MTV, da ESPN e da National Football League.

Antes de ir parar às ruas de Columbus (a capital do estado do Ohio), Williams esteve preso durante três meses, em 1990, por roubo; e novamente durante dois meses, em 2004, por roubo, falsificação e obstrução à justiça.

Ele foi igualmente acusado de uma série de delitos menores, incluindo abuso de drogas e invasão de propriedade.

O mais recente trabalho de Williams em rádio envolvia a gravação de spots para a WJZA-FM, disse ao “Columbus Dispatch” um antigo colega de trabalho do sem-abrigo que falou sob anonimato, acrescentando que ele foi despedido em 1997, quando a estação foi comprada pela Power 107.5.

“De todas as pessoas com quem eu trabalhei nos últimos 25 anos, ele era o último que eu imaginava que viria a ser famoso. Para falar verdade, estou chocado pelo facto de ele ainda estar vivo, considerando todas as coisas em que estava metido”, disse o mesmo ex-colega.

Mas Williams é o primeiro a admitir o seu passado difícil. “O Diabo levou-me ao Inferno e trouxe-me de volta”, admitiu o agora ex-sem-abrigo em entrevista à rádio WNCI (97.9 FM).

Williams e a sua mulher divorciaram-se em 1998 por causa do seu vício em crack e depois de ele ter tido dois filhos de uma outra mulher, confirmou aos media uma das suas enteadas, Tangela Pullien.

Casado durante quase 17 anos, ele e Patricia Pullien Kirtley tiveram duas filhas, às quais se juntavam outros dois rapazes nascidos fora do casamento e outras duas raparigas, filhas de Patricia.

Desde o divórcio, Williams tem visto, a espaços, os seus seis filhos (naturais e de casamento), 16 netos e um bisneto. Muitos deles tentaram ajudá-lo mas desistiram quando o homem levou álcool e droga para suas casas.“Houve alturas em que não soubemos nada dele durante meses”, explicou Tangela Pullien, de 31 anos. “Eventualmente habitámo-nos a isso. Não podíamos fazer mais nada que não fosse rezar e esperar pelo melhor”.

Mais recentemente, Williams começou a ligar mais aos seus familiares e aproximou-se de Deus. A filha, Jenay Williams, de 28 anos, disse igualmente aos jornalistas que o pai se fartara do seu estilo de vida e se queria endireitar.

Williams está sóbrio há cerca de dois anos e, apesar do actual circo mediático em torno da sua figura, promete que não irá descarrilar. “Manter-me sóbrio dá-me clareza mental. Não estou a dizer que nunca mais tomarei uma bebida, mas neste momento essa possibilidade está muito longe”.

http://en.wikipedia.org/wiki/Ted_Williams_(voice-over_artist)

[youtube]-CdoY6eaum0[/youtube]