Portal Café Brasil
Silvio Santos, Zé Celso e o Oficina
Silvio Santos, Zé Celso e o Oficina
Uma reunião para ser objeto de estudo em qualquer aula ...

Ver mais

#TransgressaoEhIsso
#TransgressaoEhIsso
Transgredir é muito mais que pintar o rosto, urinar na ...

Ver mais

Vem aí o Cafezinho
Vem aí o Cafezinho
Nasce nesta segunda, 4/9 o CAFEZINHO, podcast ...

Ver mais

Educação adulta
Educação adulta
Preocupados demais com a educação de nossos filhos, ...

Ver mais

591 – Alfabetização para a mídia
591 – Alfabetização para a mídia
Hoje em dia as informações chegam até você ...

Ver mais

590 – O que aprendi com o câncer
590 – O que aprendi com o câncer
O programa de hoje é uma homenagem a uns amigos ...

Ver mais

589 – A cultura da reclamação
589 – A cultura da reclamação
Crianças mimadas, multiculturalismo, politicamente ...

Ver mais

588 – Escola Sem Partido
588 – Escola Sem Partido
Poucos temas têm despertado tantas paixões como a ...

Ver mais

LíderCast 91 – Saulo Arruda
LíderCast 91 – Saulo Arruda
Saulo Arruda, que teve uma longa carreira como ...

Ver mais

LíderCast 90 – Marcelo Ortega
LíderCast 90 – Marcelo Ortega
Marcelo Ortega, palestrante na área de vendas, outro ...

Ver mais

LíderCast 89 – Bruno Teles
LíderCast 89 – Bruno Teles
Bruno Teles, um educador que sai de Sergipe para se ...

Ver mais

LíderCast 88 – Alfredo Rocha
LíderCast 88 – Alfredo Rocha
Alfredo Rocha, um dos pioneiros no segmento de ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata - Temporada 02 Episódio 09 Quando ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 08 Já falei ...

Ver mais

Vale fazer um curso universitário se as profissões vão desaparecer?
Mauro Segura
Transformação
Numa perspectiva de que tudo muda o tempo todo, será que vale a pena sentar num banco de universidade para se formar numa profissão que vai desaparecer ou se transformar nos próximos anos?

Ver mais

Tolerância? Jura?
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
Engraçada essa tal “tolerância” que pregam por aí, por dois simples motivos: 1) é de mão única e 2) pretende tolher até o pensamento do indivíduo. Exagero? Não mesmo. Antes que algum ...

Ver mais

Ensaio sobre a amizade
Tom Coelho
Sete Vidas
“A gente só conhece bem as coisas que cativou. Os homens não têm mais tempo de conhecer coisa alguma. Compram tudo prontinho nas lojas. Mas como não existem lojas de amigos, os homens não têm ...

Ver mais

Um reino que sente orgulho de seus líderes
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Um reino que sente orgulho de seus líderes  Victoria e Abdul   Uma vez mais, num curto espaço de tempo, o cinema nos brinda com um filme baseado na história de uma destacada liderança britânica. ...

Ver mais

Cafezinho 28 – No grito
Cafezinho 28 – No grito
Não dá pra construir um país no grito.

Ver mais

Cafezinho 27 – Planos ou esperanças
Cafezinho 27 – Planos ou esperanças
Tem gente que, em vez de planos, só tem esperança.

Ver mais

Cafezinho 26 – Brasil Futebol Clube
Cafezinho 26 – Brasil Futebol Clube
Não dá para ganhar um jogo sem acreditar no time.

Ver mais

Cafezinho 25 – Podres de mimados 2
Cafezinho 25 – Podres de mimados 2
O culto do sentimento destrói a capacidade de pensar e ...

Ver mais

Free Jazz Festival

Free Jazz Festival

Luciano Pires -

alt

O Free Jazz Frestival foi um festival de música realizado anualmente que teve, entre 1985 e 2001, dezesseis edições, todas elas ocorridas simultaneamente no Rio de Janeiro e em São Paulo.

O festival era patrocinado pela empresa do ramo de tabaco Souza Cruz, daí o nome Free Jazz, já que “Free” é uma das marcas de cigarro produzidos pela empresa. O nome não tem, portanto, relação direta com a vertente jazzística de Ornette Coleman – pelo contrário, o festival foi palco de apresentações bastante variadas, sem se prender a qualquer estilo específico, dando lugar desde o cool jazz de Chet Baker até a música eletrônica do Fatboy Slim.

Em 2002, a décima sétima edição do festival foi cancelada, segundo os organizadores do evento, devido à alta do dólar, que elevou os custos a ponto de inviabilizar sua realização. Em janeiro de 2003, entrou em vigor uma lei anti-tabagista que proibia que empresas de tabaco patrocinassem eventos culturais, acabando em definitivo com o festival, que teve como sucessor o Tim Festival.

Atrações ano a ano (em ordem alfabética):

2001

Aphex Twin
Baaba Maal
Belle & Sebastian
Bill Henderson Quartet
Chico Hamilton & Euphoria
Cordel do Fogo Encantado
Curupira
Fatboy Slim
Funk Como Le Gusta
Grandaddy
Macy Gray
Marlon Jordan Quintet
Moacir Santos
Orishas
Pat Martino
Phil Woods Quintet
Randy Weston’s African Rhythms Quintet
Roni Size & Reprazent
Sidestepper
Sigur Rós
Temptations
The Benny Golson Sextet
The New Orleans Nigthcrawlers
Yamandú Costa

2000

Art Ensemble of Chicago
Chucho Valdés
D´Angelo
Femi Anikulapo-Kuti & The Positive Force
Greg Osby
Hamilton de Holanda
Irvin Mayfield
Jay Jay Johanson
João Donato
Leftfield
Manu Chao
Marcos Suzano
Max Roach
Moloko
Moreno Veloso
Ravi Coltrane
Ray Brown
Sean Lennon
Sonic Youth
Talvin Singh

1999

Cake
Charles Lloyd
Darren Emerson
Finley Quaye
Eagle-Eye Cherry
George Shearing
Jonny Lang
Joshua Redman
Leandro Braga
Louie Bellson
Marc Ribot
MV Bill
Nicholas Payton
Orbital
Pedro Luís e a Parede
Roy Haynes
The Crystal Method
Trio Madeira Brasil
Vittor Santos Orquestra

1998

Ben Harper
Dave Matthews Band
Farofa Carioca
Jeff Beck
Kraftwerk
Macy Gray
Massive Attack
Wayne Shorter

1997

Adam F.
Armandinho
Art Farmer
Carlos Malta
Cascabulho
Cyrus Chestnut
Danilo Perez
Dee Dee Bridgewater
Diana Krall
Donald Harrison
Elvis Costello
Erykah Badu
Goldie & Metalheadz
Jamiroquai
Jimmie Vaughan
Kenny Garrett
Lee Konitz
Marcus Roberts
Natasha Atlas
Neneh Cherry
O Trio
Otis Rush
Raul Mascarenhas e Mauro Senise
Ronnie Earl
Pharoah Sanders
Virgínia Rodrigues

1996

808 State
Bjork
Ellis Marsalis Trio
George Clinton
Herbie Hancock
Incognito
Isaac Hayes
James Carter
Me’Shell Ndegéocello

1995

Al Green
Caetano Veloso
Gilberto Gil
Leroy Jones
Stevie Wonder
Tito Puente

1994

BB King
Digable Planets
Etta James
Guru’s Jazzmatazz
James Brown
US3

1993

Chuck Berry
Little Richard
Tributo a Tom Jobim (com Tom Jobim, Gal Costa, Shirley Horn, Joe Henderson, Jon Hendricks, Herbie Hancock, Ron Carter, Gonzalo Rubalcaba, Harvey Mason, Alex Acuña e Paulo Jobim)

1992

Robben Ford

1991

Take 6

1990

Dizzy Gillespie

1989

André Christovam
Branford Marsalis
Cecil Taylor
Count Basie Orchestra
George Benson
Horace Silver
Joe Williams
John Lee Hooker
John Scofield
John Zorn
Max Roach
Nana Caymmi
Sebastião Tapajós

1988

Cama de Gato
Courtney Pine
Diane Schurr
Gilson Peranzzeta
John Laurie
Michael Brecker Band
Miles Davis (não apresentado)
Modern Jazz Quartet
Nico Assumpção
Nina Simone
Ron Carter
Sebastião Tapajós
Stephane Grapelli
The Lounge Lizards
Tony Willians Trio

1987

Antônio Adolfo
Art Blakey and His Jazz Messengers
Chick Corea
Dominguinhos
Gil Evans Orchestra
Guilherme Vergueiro
Hermeto Pascoal
Jim Hall
King Sunny Ade
Laurindo de Almeida
Lee Ritenour
Leo Gandelman
Marcos Ariel
Michel Petrucciani
Nivaldo Ornelas
Philip Glass Ensemble
Raphael Rabello
Sarah Vaughan
Spyro Gyra

1986

Azymuth
César Camargo Mariano
David Sanborn
Egberto Gismonti
Gerry Mulligan
Grupo D´Alma
Idriss Boudrioua Quinteto
João Donato
Larry Certon
Marcos Ariel
Paulo Moura
Ray Charles
Ricardo Silveira
Stanley Jordan
Turíbio Santos
Victor Biglione
Wynton Marsalis

1985

Bobby McFerrin
Chet Baker
Egberto Gismonti
McCoy Tyner
Pat Metheny
Sérgio Dias
Sonny Rollins
The Ernie Watts Quartet
Uakti

http://pt.wikipedia.org/wiki/Free_Jazz_Festival

[youtube]rQ5kWct046o[/youtube]
[youtube]42AYutoY5t8[/youube]
[youtube]9l37msc-4No[/youtube]
[youtube]9x0FQ9QrPq0[/youtube]
[youtube]dT2Ows9uRko[/youtube]
[youtube]WZ_FdOMtLzc[/youtube]
[youtube]v9xbcglu8NM[/youtube]