Portal Café Brasil
1964 – O Brasil entre armas e livros
1964 – O Brasil entre armas e livros
Um documentário para ser visto como outro ângulo pelo ...

Ver mais

Os Podcasts Café Brasil Musicais
Os Podcasts Café Brasil Musicais
Música é uma de nossas grandes paixões, por isso de ...

Ver mais

#DicaNetFlix Trotsky
#DicaNetFlix Trotsky
É uma série de terror. Tem assassinos em série, ...

Ver mais

Visualizando as estruturas do discurso do Portal Café Brasil
Visualizando as estruturas do discurso do Portal Café Brasil
Se você se aproximar do Café Brasil, prepare-se para ...

Ver mais

666 – O diabo é o pai do rock
666 – O diabo é o pai do rock
Existem dezenas de explicações para o 666 ser chamado ...

Ver mais

665 – O Vale
665 – O Vale
A trilha para o sucesso envolve trabalho duro e ...

Ver mais

664 – Sobre lagartas e borboletas
664 – Sobre lagartas e borboletas
Cara, como mudar é difícil... perder peso...manter ...

Ver mais

663 – A crisálida
663 – A crisálida
A maturidade entende que existe a escuridão no mundo, ...

Ver mais

LíderCast 154 – Diógenes e Michelle Cezila
LíderCast 154 – Diógenes e Michelle Cezila
Empreendedores brasileiros, que se mudam para os ...

Ver mais

LíderCast 153 – Rafael Bernardes
LíderCast 153 – Rafael Bernardes
Empreendedor em TI, que capacita outros profissionais ...

Ver mais

LíderCast 152 – Lucia Moyses
LíderCast 152 – Lucia Moyses
Escritora, psicóloga e neuropsicóloga, um papo sobre ...

Ver mais

LíderCast 151 – Irineu Toledo
LíderCast 151 – Irineu Toledo
Radialista, uma das vozes mais marcantes e conhecidas ...

Ver mais

Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Um bate papo entre Adalberto Piotto, Carlos Nepomuceno ...

Ver mais

046 – Para quem vai anular o voto
046 – Para quem vai anular o voto
Fiz um vídeo desenhando claramente o que acontece com ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Bolsonaro errou, mas nem tanto
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
Bolsonaro fala demais, e sem freios. Não faz a necessária reflexão prévia. Ele precisa lembrar, urgentemente, que não é mais deputado nem está no balcão do boteco. O cargo que ocupa merece todo o ...

Ver mais

TRIVIUM: CAPITULO 2 – DIMENSÕES LÓGICA E PSICOLÓGICA DA LINGUAGEM (parte 8)
Alexandre Gomes
  Eu prometo que esse segundo capítulo vai acabar! Acho que terá umas 12 partes… Mas vamos lá! De volta à diversão. É claro que a linguagem tem aspectos LÓGICOS e PSICOLÓGICOS, veja ...

Ver mais

O Brasil da TV Globo, do Whatsapp e as manifestações do dia 26/05
Carlos Nepomuceno
RESUMO DA LIVE: LIVE COMPLETA: https://web.facebook.com/carlos.nepomuceno/videos/10157340715398631 LINKS DAS OUTRAS LIVES: ...

Ver mais

Eu não acredito na democracia moderna
Gustavo Bertoche
É preciso lançar pontes.
Eu não acredito na democracia representativa moderna. * * * Concordo com Schumpeter: no modelo de democracia do século XX, os indivíduos comuns são simplesmente consumidores de produtos políticos ...

Ver mais

Cafezinho 178 – O Exorcista
Cafezinho 178 – O Exorcista
O Brasil está sofrendo um imenso exorcismo, e o demônio ...

Ver mais

Cafezinho 177 – Os monstros da negatividade 3
Cafezinho 177 – Os monstros da negatividade 3
A negatividade tem suas raízes no medo de ser ...

Ver mais

Cafezinho 176 – Gostou? Compartilhe.
Cafezinho 176 – Gostou? Compartilhe.
Gostou? Compartilhe! Só assim, fazendo a nossa parte, ...

Ver mais

Cafezinho 175 – Não use sua ignorância
Cafezinho 175 – Não use sua ignorância
Quando você não conhece o objeto de sua análise, será ...

Ver mais

Fausto Silva

Fausto Silva

Luciano Pires -

Iniciou sua carreira aos quinze anos, como repórter da rádio Centenário de Araras, no interior de São Paulo. Logo depois, mudou-se para Campinas e trabalhou durante cinco anos na Rádio Cultura, na qual comandou o musical New Pop International.

Em 1970, foi contratado pela Rádio Record, na capital paulista, para apresentar o jornal da noite, do qual era também redator, e se iniciou no mundo do esporte, passando a trabalhar como repórter de campo na Jovem Pan – Rádio Panamericana. Além do rádio, Faustão também se dedicou ao jornalismo tendo sido contratado pelo jornal O Estado de São Paulo, como reporter esportivo. Foi nessa função que foi levado para a Rádio Globo, em 1977, convidado por Osmar Santos.

Nessa época, Osmar Santos estava cursando a faculdade de Administração Pública na Fundação Getúlio Vargas e tinha aulas com nomes destacados da política como Eduardo Suplicy e André Franco Montoro; o momento de abertura política entusiasmava muito o locutor, tanto que ele levava para as transmissões futebolísticas artistas importantes, como Lima Duarte, e políticos, como o então sindicalista Luís Inácio Lula da Silva para comentarem o jogo e a situação do país.

Isso impacientou alguns anunciantes que pediram uma providência para o Sistema Globo de Rádio.

Por obra do diretor da Rádio Globo, Francisco Paes de Barros, e do chefe da equipe de esportes Edison Scatammachia, um horário foi conseguido na Rádio Excelsior para que Osmar Santos extravasasse esse entusiasmo com o programa Balancê, que recebia artistas de teatro e televisão, políticos, contava no humor com a dupla Nelson Tatá Alexandre e Carlos Roberto Escova, na apresentação, além de Osmar Santos, com os locutores Juarez Soares, Jorge de Souza, Braga Júnior, Reynaldo Costa e o repórter Castilho de Andrade, na sonoplastia, com a lenda do rádio brasileiro, João Antônio de Souza, o Johnny Black, e na produção com Paulo Matiussi e Yara Peres.

Fausto participava do programa como repórter ou assumindo a apresentação.

Em 1983, com o maior envolvimento de Osmar Santos em projetos em televisão e a ida de Juarez Soares para a TV Bandeirantes, Fausto se torna o primeiro apresentador do Balancê, acentuando o lado cômico com seu jeito escrachado, junto com a dupla de humoristas. Nessa época, assume a produção do programa a então secretária de Osmar Santos, ex-telefonista da Rádio Globo, Lucimara Parisi, e o jornalista Odir Cunha.

Em outubro desse mesmo ano, o Balancê passa a ser transmitido com auditório, da lendária Palhaçaria Pimpão, no bairro da Santa Cecília, em São Paulo, e o escracho e a diversão tomam conta do programa, que não deixa de receber artistas e políticos.

Em janeiro de 1984, Goulart de Andrade visita o Balancê. Impressionado, propõe a Fausto e toda a equipe a passagem do programa para a TV. Em março desse ano, vai ao ar pela TV Gazeta o Perdidos na Noite (nome em português de um filme com participação de Jon Voight e Dustin Hoffman) em horário comprado por Goulart de Andrade. Em setembro, o programa passa para a Record, e, em pouco tempo, se desvincula de Goulart de Andrade para assumir uma direção própria.

Em 1986, o Perdidos na Noite passa a ser transmitido pela TV Bandeirantes para todo o Brasil, sendo que antes era só transmitido para São Paulo. Na mesma emissora, Fausto chegou a apresentar o programa Safenados e Safadinhos.

Em 26 de março de 1989, estreia na Rede Globo, emissora em que até hoje apresenta o programa de auditório Domingão do Faustão, nas tardes de domingo, com a participação de Caçulinha (até 2008) e Lucimara Parisi (até 2009).

Em maio de 2008, o programa chegou a sua milésima edição, sendo ele um dos programas de maior rendimento para a TV Globo. Na ocasião diversas personalidades do meio artístico e cultural felicitaram o apresentador. A personalidade mais importante a deixar seu depoimento foi o presidente da república do Brasil Luiz Inácio Lula da Silva, que foi aplaudido pelo auditório.


Fausto Silva

[youtube]V8QQpAXV-B8[/youtube]
[youtube]CfrWnPiTyeE[/youtube]
[youtube]ycW7Ke9d9nM[/youtube]