Portal Café Brasil
Silvio Santos, Zé Celso e o Oficina
Silvio Santos, Zé Celso e o Oficina
Uma reunião para ser objeto de estudo em qualquer aula ...

Ver mais

#TransgressaoEhIsso
#TransgressaoEhIsso
Transgredir é muito mais que pintar o rosto, urinar na ...

Ver mais

Vem aí o Cafezinho
Vem aí o Cafezinho
Nasce nesta segunda, 4/9 o CAFEZINHO, podcast ...

Ver mais

Educação adulta
Educação adulta
Preocupados demais com a educação de nossos filhos, ...

Ver mais

591 – Alfabetização para a mídia
591 – Alfabetização para a mídia
Hoje em dia as informações chegam até você ...

Ver mais

590 – O que aprendi com o câncer
590 – O que aprendi com o câncer
O programa de hoje é uma homenagem a uns amigos ...

Ver mais

589 – A cultura da reclamação
589 – A cultura da reclamação
Crianças mimadas, multiculturalismo, politicamente ...

Ver mais

588 – Escola Sem Partido
588 – Escola Sem Partido
Poucos temas têm despertado tantas paixões como a ...

Ver mais

LíderCast 91 – Saulo Arruda
LíderCast 91 – Saulo Arruda
Saulo Arruda, que teve uma longa carreira como ...

Ver mais

LíderCast 90 – Marcelo Ortega
LíderCast 90 – Marcelo Ortega
Marcelo Ortega, palestrante na área de vendas, outro ...

Ver mais

LíderCast 89 – Bruno Teles
LíderCast 89 – Bruno Teles
Bruno Teles, um educador que sai de Sergipe para se ...

Ver mais

LíderCast 88 – Alfredo Rocha
LíderCast 88 – Alfredo Rocha
Alfredo Rocha, um dos pioneiros no segmento de ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata - Temporada 02 Episódio 09 Quando ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 08 Já falei ...

Ver mais

Vale fazer um curso universitário se as profissões vão desaparecer?
Mauro Segura
Transformação
Numa perspectiva de que tudo muda o tempo todo, será que vale a pena sentar num banco de universidade para se formar numa profissão que vai desaparecer ou se transformar nos próximos anos?

Ver mais

Tolerância? Jura?
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
Engraçada essa tal “tolerância” que pregam por aí, por dois simples motivos: 1) é de mão única e 2) pretende tolher até o pensamento do indivíduo. Exagero? Não mesmo. Antes que algum ...

Ver mais

Ensaio sobre a amizade
Tom Coelho
Sete Vidas
“A gente só conhece bem as coisas que cativou. Os homens não têm mais tempo de conhecer coisa alguma. Compram tudo prontinho nas lojas. Mas como não existem lojas de amigos, os homens não têm ...

Ver mais

Um reino que sente orgulho de seus líderes
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Um reino que sente orgulho de seus líderes  Victoria e Abdul   Uma vez mais, num curto espaço de tempo, o cinema nos brinda com um filme baseado na história de uma destacada liderança britânica. ...

Ver mais

Cafezinho 27 – Planos ou esperanças
Cafezinho 27 – Planos ou esperanças
Tem gente que, em vez de planos, só tem esperança.

Ver mais

Cafezinho 26 – Brasil Futebol Clube
Cafezinho 26 – Brasil Futebol Clube
Não dá para ganhar um jogo sem acreditar no time.

Ver mais

Cafezinho 25 – Podres de mimados 2
Cafezinho 25 – Podres de mimados 2
O culto do sentimento destrói a capacidade de pensar e ...

Ver mais

Cafezinho 24 – Não brinco mais
Cafezinho 24 – Não brinco mais
Pensei em não assistir mais, até perceber que só quem ...

Ver mais

Dedé Santana

Dedé Santana

Luciano Pires -

Manfried Sant’Anna, mais conhecido como Dedé Santana, (Niterói, 9 de maio de 1936) é um ator, apresentador, diretor, humorista, comediante e roteirista brasileiro.

Integrou o grupo humorístico Os Trapalhões e atualmente participa do programa Aventuras do Didi, na Rede Globo.

Dedé Foi criado por sua família, que é descendente de ciganos, entre artistas de circo. Entrou no seu primeiro espectáculo circense apenas com três meses de vida.

Dedé formou, com o ator e irmão Dino Santana, uma dupla, Maloca e Bonitão. No filme Na Onda do Iê-iê-iê, de 1965, já na companhia de Renato Aragão, Dedé e Didi vão à delegacia para salvar o personagem César Silva, vivido pelo cantor Silvio César, que estava preso injustamente e tinha que sair da cadeia para participar de um festival, o guarda reconheceu Dedé perguntando: “Você não é o Maloca da televisão? Me conta uma piada!”, então Dedé ficou entretendo o guarda para que Didi abrisse o cadeado da prisão para a fuga do personagem César Silva.

Foi com Renato Aragão, que Dedé conheceu na Rede Excelsior, que iniciou o grupo de comediantes e humoristas que lhe viria a dar fama, Os Trapalhões. Como Dedé é de formação circense, ensinou muitas piruetas e movimentos de circo a Renato Aragão na época que eram uma dupla.

Ao lado de Mussum, Didi e Zacarias, do elenco da Globo e diversos artistas, Dedé participou de várias edições do Criança Esperança, de 1985 até 1996, Criado e estreado em 1985, foi ao ar exibido ao vivo direto do antigo Teatro Fênix, durante o especial que comemorou os 20 anos de Os Trapalhões, no dia 28 de dezembro de 1986, na “Rede Globo”. Dedé também comemorou os 25 anos de Os Trapalhões com Mussum e os 30 anos de Os Trapalhões com Didi no Criança Esperança.

Após sofrer com a perda dos amigos e parceiros “Zacarias”, falecido no ano de 1990, e “Mussum”, falecido no ano de 1994, Dedé teve a parceria com Renato Aragão desfeita em 1997. Era o fim de Os Trapalhões no Brasil.

Após o falecimento de Zacarias e Mussum, no ano de 1995 Dedé e Didi são contratados por um Canal de Televisão de Portugal e levam a magia trapalhônica ao velho continente com o programa Os Trapalhões em Portugal. O programa fica no ar por 4 anos, encerrando em 1998.

Integrante da Igreja Pentecostal Assembleia de Deus, Dedé Santana diz ter se convertido depois que passou por uma série de problemas cardíacos, em 1995.

Em 1999 Dedé foi escalado para ser um dos professores do programa humorístico Escolinha do Barulho da Rede Record.

Em 2004, após uma longa separação e diversos desentendimentos,(alguns devido a declarações que dava em entrevistas à imprensa), Dedé se reconciliou com o parceiro Renato Aragão como Didi, em uma participação no programa Criança Esperança daquele ano, exibido pela Rede Globo.

Em 2005, Dedé voltou à televisão com o programa Dedé e o Comando Maluco, em associação com o empresário e comediante Beto Carrero, exibido pelo SBT. O programa chegou a ser exibido no mesmo horário do programa A Turma do Didi. De acordo com o Ibope, o programa de Dedé no SBT chegou a vencer A Turma do Didi. Dedé e o Comando Maluco foi cancelado após o falecimento de Beto Carrero, em fevereiro de 2008.

Depois de ter ficado 14 anos afastado da “Rede Globo” e após diversas negociações, em junho de 2008 Dedé voltou a trabalhar com o atual parceiro Renato Aragão, e o retorno deu-se no programa humorístico A Turma do Didi, da Rede Globo, onde Dedé foi recebido com muita festa por toda a equipe do programa, com a música “No Mundo da Lua”, de autoria de Michael Sullivan e Paulo Massadas.

Dedé Também voltou ao Programa anual Criança Esperança da “Rede Globo” também no ano de 2008, ao lado dele, claro, Renato Aragão, o Didi e do elenco de A Turma do Didi, cantando as músicas “No Mundo da Lua” e “Um Cientista Maluco”.

Dedé inaugurou em julho de 2011, perto do Shopping São Gonçalo, em São Gonçalo, no Rio de Janeiro, o circo chamado de Circo do Dedé Santana.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Dedé_Santana


Dedé Santana

[youtube]8mjXEqdOF08[/youtube]
[youtube]Q6Lwo2d1FFY[/youtube]
[youtube]7z6FErdGDhM[/youtube]