Portal Café Brasil
O impacto das mídias sociais nas eleições
O impacto das mídias sociais nas eleições
Baixe a pesquisa da IdeiaBigdata que mostra o impacto ...

Ver mais

Síntese de indicadores sociais 2016 do IBGE
Síntese de indicadores sociais 2016 do IBGE
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - ...

Ver mais

Silvio Santos, Zé Celso e o Oficina
Silvio Santos, Zé Celso e o Oficina
Uma reunião para ser objeto de estudo em qualquer aula ...

Ver mais

#TransgressaoEhIsso
#TransgressaoEhIsso
Transgredir é muito mais que pintar o rosto, urinar na ...

Ver mais

Café Brasil 613 – Biologia política
Café Brasil 613 – Biologia política
E aí? Você é de direita ou de esquerda? Se incomoda com ...

Ver mais

612 – O Efeito Genovese
612 – O Efeito Genovese
Em 1964, Kitty Genovese foi assassinada em Nova York. ...

Ver mais

611 – Momentos felizes
611 – Momentos felizes
Felicidade não existe. O que existe na vida são ...

Ver mais

610 – Abre-te Sésamo
610 – Abre-te Sésamo
Abre-te Sésamo é a frase mágica do conto de Ali-Babá e ...

Ver mais

LíderCast 109 – Romeo Busarello
LíderCast 109 – Romeo Busarello
LíderCast 109 - Hoje conversamos com Romeo Busarello, É ...

Ver mais

Lídercast 108 – Leandro Nunes
Lídercast 108 – Leandro Nunes
LíderCast 108 - Hoje conversamos com Leandro Nunes, um ...

Ver mais

Lídercast 107 – Lucia Bellocchio
Lídercast 107 – Lucia Bellocchio
Hoje conversamos com Lucia Bellocchio, uma jovem ...

Ver mais

LíderCast 106 – Labi Mendonça
LíderCast 106 – Labi Mendonça
LíderCast 106 - 106 - Hoje conversamos com Labi ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata - Temporada 02 Episódio 09 Quando ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 08 Já falei ...

Ver mais

Interpretações do Brasil X – As escolhas públicas e as instituições como pano de fundo
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Interpretações do Brasil X As escolhas públicas e as instituições como pano de fundo “Bons jogos dependem mais de boas regras do que de bons jogadores.” James Buchanan  Considerações iniciais A ...

Ver mais

O que aprender quando o futuro já era
Mauro Segura
Transformação
A minha experiência no ano passado mostrou que a história de viver cada dia como se fosse o último é uma baboseira. Aprendi que eu não preciso ter planos mirabolantes para ter uma vida digna, ...

Ver mais

MInha culpa é sua, camarada!
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
A tragédia do edifício que pegou fogo e desabou no Largo do Paissandu, em São Paulo, desvendou mais um bem bolado golpe; e golpe, novamente, travestido de “movimento social”: A máfia das invasões ...

Ver mais

O domínio esquerdista na dramaturgia brasileira
Bruno Garschagen
Ciência Política
Hoje, não há qualquer ameaça ao domínio da esquerda nas novelas, filmes, séries, teatro, programas de TV, jornalismo. Por isso a reação agressiva quando alguma obra fura a ditadura cultural.

Ver mais

Cafezinho 72 – Fake News 1
Cafezinho 72 – Fake News 1
Quem julga o juiz?

Ver mais

Cafezinho 71 – Reenquadre o hater
Cafezinho 71 – Reenquadre o hater
Reenquadre o otário e ele vira ouro. Reenquadre a ...

Ver mais

Cafezinho 70 – O Efeito Genovese
Cafezinho 70 – O Efeito Genovese
O comportamento de quem vê algo errado e nada faz a ...

Ver mais

Cafezinho 69 – Quatro Formas de Gastar Dinheiro
Cafezinho 69 – Quatro Formas de Gastar Dinheiro
Gastar nosso dinheiro conosco; nosso dinheiro com ...

Ver mais

Décio Freitas

Décio Freitas

Luciano Pires -

A parte de suas publicações em livros, escrevia no jornal Zero Hora de Porto Alegre, de cujo corpo editorial fazia parte.

Foi importante historiador do Rio Grande do Sul, não pela extensão de sua obra publicada em livros, mas pela essência de sua elaboração. Certamente, se não bastassem outros, seu trabalho em Palmares – A Guerra dos Escravos, em que exuma Zumbi dos Palmares, o coloca entre os maiores do Brasil.

Não se limitava a compilar informações bibliográficas, mas ia às primitivas fontes, em montagem de um quebra-cabeças desvendador e interpretativo. Sem ser revisionista, buscava novas óticas e possibilidades de interpretação dos fatos, à luz de novas informações e do pensamento vigente.

Foi importante historiador brasileiro da cultura negra. A história do mítico Zumbi dos Palmares – Palmares – A Guerra dos Escravos – não sairia dos arquivos portugueses. Contou a história dos escravos vencidos pelos vencidos. Seu estilo era o dos intelectuais da desconstrução, com cujo mecanismo desvendava a essência da verdade.

Sua importância como historiador não pode ser medida nem pela sua aceitação nas fortalezas acadêmicas, nem pela sua repercussão nos veículos da indústria cultural, embora tenha tido os dois. Foi reconhecido por intelectuais acadêmicos e adulado por uma parte substancial da mídia. Mas, essencialmente, a sua importância emerge quando abrimos os seus livros. Publicou entre outros, Revolução Farroupilha História e Interpretação, sobre a Guerra dos Farrapos. Nos últimos anos, publicara as obras 0 Maior Crime da Terra sobre os crimes da Rua do Arvoredo e o quotidiano de Porto Alegre do início do século XX; e 0 Homem que Inventou a Ditadura no Brasil, sobre Júlio de Castilhos, produção que se encontra entre a história e a ficção literária.

Colocou todos os seus instrumentos e armas – os conhecimentos jurídicos, o jornalismo, a sedução, a capacidade de diálogo, o gosto pela política, o viés de antropólogo, a convivência com os grandes políticos nacionais – a serviço da pesquisa e da narrativa da história. Os jornais Folha de São Paulo e Globo, o denominaram como o “historiador dos vencidos”.

http://www.paginadogaucho.com.br/pers/df.htm

http://bit.ly/iL3ALi – Décio Freitas – Aventuras na História


Décio Freitas