Portal Café Brasil
#DicaNetFlix Trotsky
#DicaNetFlix Trotsky
É uma série de terror. Tem assassinos em série, ...

Ver mais

Visualizando as estruturas do discurso do Portal Café Brasil
Visualizando as estruturas do discurso do Portal Café Brasil
Se você se aproximar do Café Brasil, prepare-se para ...

Ver mais

Café Brasil Premium – Retrospectiva 2018
Café Brasil Premium – Retrospectiva 2018
Ao longo de 2018 o Café Brasil Premium decolou e ...

Ver mais

#Retrospectiva PodSumários
#Retrospectiva PodSumários
Comece 2019 praticando o Fitness Intelectual. A barriga ...

Ver mais

656 – Rua Ramalhete
656 – Rua Ramalhete
Este programa é uma homenagem ao Tavito, que faleceu em ...

Ver mais

655 – É carnaval
655 – É carnaval
Tem gente boa, muito boa, fazendo a legítima música de ...

Ver mais

654 – Sarau Café Brasil III
654 – Sarau Café Brasil III
Realizamos mais uma edição do Café Brasil Premium, ...

Ver mais

653 – LíderCast 11
653 – LíderCast 11
Mais uma temporada do LíderCast. Esta aqui é a décima ...

Ver mais

LíderCast 144 – Daniel Arcoverde e Rafael Belmonte
LíderCast 144 – Daniel Arcoverde e Rafael Belmonte
Os jovens empreendedores que criaram a netshow.me, uma ...

Ver mais

LìderCast 143 – Doug Alvoroçado
LìderCast 143 – Doug Alvoroçado
Esse alvoroçado não é nome não, é adjetivo. Um ...

Ver mais

LíderCast 142 – Marcelo Pimenta
LíderCast 142 – Marcelo Pimenta
O Menta é um facilitador da inovação, um inquieto ...

Ver mais

LíderCast 141 – Ronaldo Lira
LíderCast 141 – Ronaldo Lira
Procurador do Ministério Público do Trabalho, uma ...

Ver mais

Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Um bate papo entre Adalberto Piotto, Carlos Nepomuceno ...

Ver mais

046 – Para quem vai anular o voto
046 – Para quem vai anular o voto
Fiz um vídeo desenhando claramente o que acontece com ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Defendam Douglas também
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
Não conhece Douglas Leandro Clizesqui? Sem problemas. Ninguém conhece. Ele é pai de Douglas Murilo, uma das oito vítimas fatais no massacre da escola estadual em Suzano; o caso todos conhecem. ...

Ver mais

A abundante mente semanal
Carlos Nepomuceno
RESUMO DA LIVE: https://youtu.be/hHzgP5sqbjM LIVE COMPLETA: https://www.facebook.com/carlos.nepomuceno/videos/10157193323018631/   Quer fazer? Me mande um zap: 21-996086422. R$ 200,00 ...

Ver mais

Luciano Pires, o cara que chegou ao meiostream
Carlos Nepomuceno
RESUMO: “ Podcast não tem ouvinte. Podcast tem torcida”!!! – Luciano Pires. Tive o prazer de conversar ontem por mais de uma hora com o criativo Luciano Pires, coordenador do projeto Café Brasil, ...

Ver mais

Por dentro da comunicação interna do McDonald’s no Brasil
Mauro Segura
Transformação
Como fazer comunicação interna p/ uma empresa que tem 50 mil jovens funcionários, sendo que 90% deles estão no primeiro emprego, atendendo mais de 2 milhões de clientes todos os dias? Como gerir ...

Ver mais

Cafezinho 159 – O bobo da corte
Cafezinho 159 – O bobo da corte
O palhaço, o bobo, o gozador, é o único a perceber a ...

Ver mais

Cafezinho 158 – O tempo que lhe resta
Cafezinho 158 – O tempo que lhe resta
Dê o primeiro passo para fazer com que o tempo de vida ...

Ver mais

Cafezinho 157 – Papo de bêbado 2
Cafezinho 157 – Papo de bêbado 2
Se eu fosse o Bolsonaro, nestes primeiros 100 dias ...

Ver mais

Cafezinho 156 – O que é que aconteceu com o carnaval?
Cafezinho 156 – O que é que aconteceu com o carnaval?
O que é que aconteceu com o carnaval? Meus amigos da ...

Ver mais

Conrado Paulino

Conrado Paulino

Luciano Pires -

alt

Nascido em Buenos Aires, Conrado Paulino mudou-se para Campinas em 1980, fugindo da violenta repressão militar que imperava na Argentina. Mas, independente disso, já era fanático pela mpb.

Na adolescência costumava passar horas ouvindo João Gilberto e Vinícius de Moraes e Toquinho, com fone de ouvido e a luz apagada. Em seu fone também tocava muita música espanhola, principalmente Joan Manuel Serrat, e ainda Frank Zappa, Yes e Beatles, assim como John Coltrane, Oscar Peterson, Dave Brubeck, Modern Jazz Quartet e mais tudo de interessante que caísse em sua mão. Não poderia ter ignorado o moderno tango argentino; costumava ouvir o grupo vocal Buenos Aires 8 e principalmente Astor Piazzola, por quem ainda é fanático.

Aos domingos tinha de encontrar alguma outra coisa para fazer, pois naquele dia a vitrola era de sua mãe que botava para rodar discos de bolero e música erudita. Conrado começou a tocar no violão de seu pai, músico diletante, que foi lhe passando as primeiras dicas e mais tarde lhe arrumou um professor.

Estudou com os concertistas Jorge Molinari e Roberto Lara e também aprendeu muito tirando de ouvido os discos de Baden Powell, sua primeira grande influência. Outra grande ajuda foi o método para violão de Paulinho Nogueira.

Antes de mudar-se para São Paulo, Conrado viveu seis anos em Campinas onde começou sua carreira tocando em restaurantes, casas noturnas e bailes. Tinha de tocar de tudo quase sem ensaio, o que lhe deu, além de traquejo musical, um grande e variado repertório. Tocando em bailes conheceu todo o interior do estado e sul de Minas, geralmente começando as dez e indo até as cinco da manhã.

Então surgiu o convite para dar aulas no Clam, a prestigiosa escola de música do Zimbo Trio. Começou como professor de violão e guitarra e passados de dois anos tornou-se Supervisor de Guitarra e dois anos mais tarde era Supervisor do Depto. de Cordas, responsável pelo planejamento e gerenciamento dos cursos de violão, guitarra e contrabaixo. Conrado Paulino é um dos professores mais respeitados de São Paulo, atualmente leciona na ULM e de suas aulas particulares saíram Chico César, Nuno Mindelis, Fernando Corrêa e Tomati, para citar alguns.

Conrado já acompanhou e acompanha muita gente, principalmente cantoras, entre elas Alaíde Costa, Rosa Passos, Johnny Alf, Alzira Espíndola, Claudete Soares e ainda Cláudio Curi, Roberto Luna, João Suplicy e outros.

Fazendo o que mais gosta, tocar mpb com roupagem jazzística, subiu ao palco com grandes nomes da cena instrumental, entre tantos outros: Zimbo Trio, Heraldo do Monte, Vinícius Dorin, Lito Robledo, Itamar Collaço, Nenê, Hector Costita, Luís Chaves e Paulinho Nogueira.

Atualmente sua atenção está principalmente voltada para seu quarteto que conta com Celso de Almeida na bateria (baterista da Rosa Passos, entre outros artistas), Marinho Andreotti no contrabaixo (toca na Orquestra Jazz Sinfônica, entre outros), e a Débora Picarelli Gurgel no piano e sopros. Do quarteto Conrado comenta: “fazemos releituras de classicos da mpb, tocamos Jobim, Caymmi, Edu Lobo, Ivan Lins, Carlos Lyra -entre outros- e também composições minhas, que são bem “brazucas”, samba, choro ou valsa, tudo com linguagem jazzística, no sentido da abertura para a improvisação e da “roupagem” harmônica, muito sofisticada, por sinal.”

http://va.mu/XWQC – Conrado Paulino no Clube de Jazz

http://www.conradopaulino.com.br/

http://www.myspace.com/conradopaulino

[youtube]ukZYabvKpl4[/youtube]
[youtube]ee8triCb6_A[/youtube]
[youtube]c5507Mg7jkA[/youtube]
[youtube]-2WrmV2_spE[/youube]
[youtube]gMI_ZhFmacs[/youtube]