Portal Café Brasil
#EnquantoIsso
#EnquantoIsso
Isca intelectual de Luciano Pires sobre celebrar ...

Ver mais

O desengajamento moral
O desengajamento moral
Isca intelectual de Luciano Pires sobre o ...

Ver mais

O ridículo
O ridículo
Isca intelectual de Luciano Pires pra incomodar: será ...

Ver mais

Quando um não quer.
Quando um não quer.
Isca intelectual de Luciano Pires com um exemplo de ...

Ver mais

550 – Carnaval revisitado
550 – Carnaval revisitado
Podcast Café Brasil 550 - Carnaval Revisitado. Mais um ...

Ver mais

549 – Os quatro compromissos
549 – Os quatro compromissos
Podcast Café Brasil 549 - Os quatro compromissos. Cara, ...

Ver mais

548 – O efeito borboleta
548 – O efeito borboleta
Podcast Café Brasil 548 - O efeito borboleta. Você já ...

Ver mais

547 – Sobre desigualdade
547 – Sobre desigualdade
Podcast Café Brasil 547 - Sobre desigualdade. O tema da ...

Ver mais

LíderCast 056 – Paula Miraglia
LíderCast 056 – Paula Miraglia
LiderCast 056 - Hoje conversaremos com Paula Miraglia, ...

Ver mais

LíderCast 055 – Julia e Karine
LíderCast 055 – Julia e Karine
LiderCast 055 - Hoje vamos conversar com duas jovens ...

Ver mais

LíderCast 054 – Rodrigo Dantas
LíderCast 054 – Rodrigo Dantas
LiderCast 054 - Hoje vamos falar com o empreendedor ...

Ver mais

LíderCast 053 – Adalberto Piotto
LíderCast 053 – Adalberto Piotto
LiderCast 053 - Hoje vamos entrevistar Adalberto ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata - Temporada 02 Episódio 09 Quando ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 08 Já falei ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 07
Videocast Nakata T02 07
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 07 Se a sua ...

Ver mais

Como não saber pela imprensa o que acontece na política
Bruno Garschagen
Ciência Política
Isca intelectual de Bruno Garschagen, afirmando que basta que um político não seja a expressão daquele ideal de mundo acalentado por certos jornalistas para que eles abram mão do compromisso de ...

Ver mais

A arte de empreender
Tom Coelho
Sete Vidas
“É melhor aproximadamente agora do que exatamente nunca. Quem espera permanentemente pelo melhor momento jamais vai empreender.” (Aleksandar Mandic)   O Brasil é o 7º colocado mundial entre ...

Ver mais

Kenneth Arrow
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Kenneth Arrow   1921 – 2017 “Kenneth Arrow foi o mais importante economista teórico do século XX.” Paul Samuelson Kenneth Arrow nasceu em Nova York, EUA, em 1921. Estudou sempre em sua ...

Ver mais

Desafiando a Zona de Conforto
Mauro Segura
Transformação
Como podemos superar os nossos receios de tomar riscos? Como podemos mudar o curso da nossa história? A decisão de mudar é meramente individual. Aqui Mauro Segura conta algumas histórias e dá ...

Ver mais

Baby Consuelo

Baby Consuelo

Luciano Pires -

A carreira artística de Baby caracterizou-se desde sempre pela musicalidade, criatividade e versatilidade.Iniciou sua carreira como a única cantora do grupo Novos Baianos. A maior parte de seus discos solo atingiu sucesso de vendas a exemplo dos sucessos de Menino do Rio, Brasileirinho, Sem Pecado e Sem Juízo, Cósmica, Telúrica, entre outros. Ela é considerada uma das maiores cantoras de todos os tempos. O perfil exótico de Baby, um caso à parte no cenário artístico brasileiro,foi o diferencial que a tornou única no cenário nacional.

Baby, oriunda de uma família de classe média alta ,foi criada na cidade de Niterói e na cidade do Rio de Janeiro, começou a cantar e tocar violão ainda na infância, inclusive vencendo um festival de música em Niterói aos 14 anos, em que interpretou uma música do renomado maestro Eduardo Lages. Em 1969, fugiu de casa para Salvador, Bahia, onde conheceu os músicos Moraes Moreira, Galvão e Paulinho Boca de Cantor e o guitarrista e futuro marido Pepeu Gomes e assim formaram o grupo “Os Novos Baianos”. No ano seguinte, é lançado o primeiro disco dos Novos Baianos, pela gravadora RGE Fermata É Ferro na Boneca. O trabalho coloca a banda na mídia nacional. Pouco tempo depois, a banda muda-se para o famoso sítio em Jacarepaguá, cidade do Rio de Janeiro, laboratório para criação do LP de maior sucesso da banda, Acabou Chorare, eleito pela revista Rolling Stone como “O Maior Álbum de Música Brasileira de Todos os Tempos”. Baby e Pepeu permaneceram no grupo até 1978,quando foi decidido que cada um iniciaria sua carreira solo.

O primeiro álbum “O Que Vier Eu Traço” atinge grande sucesso de mídia e de vendagem pela gravadora Warner Music. Baby atinge as paradas musicais. Seu primeiro grande sucesso solo, a canção “Menino do Rio” música de Caetano Veloso, composta exclusivamente para Baby , tema da novela “Água Viva” da Rede Globo, aparece no seu segundo disco solo, Pra Enlouquecer, campeão de vendas atingindo novamente as paradas de sucesso, em que Baby aparece posando ao lado de quatro de seus seis filhos na época: Riroca (que viria a trocar seu nome para Sarah Sheeva), Zabelê, Nana Shara e Pedro Baby. Os quatro tornaram-se músicos, e as três garotas formaram a girl-band SNZ. Baby ainda daria à luz outros dois meninos: Krishna Baby (que aparece na contracapa do disco que leva o nome da criança, de 1984) e Kriptus Baby (presente na capa do álbum Sem Pecado e Sem Juízo, do ano seguinte).

Baby sempre foi uma buscadora e uma caçadora de Deus, depois de passar por inúmeras experiências sobrenaturais, no fim da década de 1990, se tornou evangélica, além de manter sua carreira de cantora se tornou Pastora da Igreja “Ministério do Espírito Santo de Deus“

Atualmente está em produção o filme documentário “Apopcalipse segundo Baby”, direção de Rafael Saar, uma cinebiografia da artista.

http://babydobrasil.zip.net/biografia.html

http://novosbaianos.zip.net/intro.html


Baby Consuelo

[youtube]8E93oYeqF9A[/youtube]
[youtube]JmXGhVG-5D8[/youtube]
[youtube]PCHBpkaqM1Y[/youtube]
[youtube]bpd9_IM97UU[/youtube]
[youtube]ErSSaDCHNTs[/youtube]
[youtube]bpZ4wAnZE9U[/youtube]