Assine o Café Brasil
Portal Café Brasil
Fake News
Fake News
Isca intelectual lembrando da teoria dos Quatro Rês, ...

Ver mais

Matrizes da Violência
Matrizes da Violência
Isca intelectual lembrando que os presídios brasileiros ...

Ver mais

Mudei de ideia
Mudei de ideia
Isca intelectual de Luciano Pires incentivando que você ...

Ver mais

2016 – Que ano!
2016 – Que ano!
Hora de parar e olhar pra trás pra ver o quanto ...

Ver mais

544 – Persuadível
544 – Persuadível
Podcast Café Brasil 544 - Persuadível. Vivemos numa ...

Ver mais

543 – Desengajamento moral
543 – Desengajamento moral
Podcast Café Brasil 543 - Desengajamento moral. Como é ...

Ver mais

542 – Tapestry
542 – Tapestry
Podcast Café Brasil 542 - Tapestry. Em 1971 uma cantora ...

Ver mais

541 – A festa do podcast
541 – A festa do podcast
Podcast Café Brasil 541 - A festa do Podcast. ...

Ver mais

LíderCast 056 – Paula Miraglia
LíderCast 056 – Paula Miraglia
LiderCast 056 - Hoje conversaremos com Paula Miraglia, ...

Ver mais

LíderCast 055 – Julia e Karine
LíderCast 055 – Julia e Karine
LiderCast 055 - Hoje vamos conversar com duas jovens ...

Ver mais

LíderCast 054 – Rodrigo Dantas
LíderCast 054 – Rodrigo Dantas
LiderCast 054 - Hoje vamos falar com o empreendedor ...

Ver mais

LíderCast 053 – Adalberto Piotto
LíderCast 053 – Adalberto Piotto
LiderCast 053 - Hoje vamos entrevistar Adalberto ...

Ver mais

045 – Recuperando do trauma
045 – Recuperando do trauma
Quando terminar o trauma, quando o Brasil sair deste ...

Ver mais

Vem Pra Rua!
Vem Pra Rua!
Um recado para os reacionários que NÃO vão às ruas dia ...

Ver mais

44 – Tudo bem se me convém – Palestra no Epicentro
44 – Tudo bem se me convém – Palestra no Epicentro
Apresentação de Luciano Pires no Epicentro em Campos de ...

Ver mais

43 – Gloria Alvarez – Sobre República e Populismo
43 – Gloria Alvarez – Sobre República e Populismo
Gloria Alvarez, do Movimento Cívico Nacional da ...

Ver mais

A força da vocação
Tom Coelho
Sete Vidas
“Eu nunca quis ser o maior ou o melhor. Queria apenas desenhar.” (Mauricio de Sousa)   Mônica, Cebolinha, Cascão, Magali. É quase impossível que estes personagens de histórias em quadrinhos ...

Ver mais

O caos no Rio de Janeiro tem muitos culpados. E uma explicação
Bruno Garschagen
Ciência Política
Isca intelectual de Bruno Garschagen, lembrando que o que está acontecendo neste momento no Rio de Janeiro revela que a relação do carioca com a política não mudou muito desde o final do século 19.

Ver mais

Que grandeza…
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
Ah… nada como o amor sincero à Pátria, o dar-se pelo povo… Nada como ver políticos desprendidos, servindo à nação uma verdadeira aula de civismo, espalhando sabedoria e exemplo de ...

Ver mais

Vendedores debruçados ou conversando
Suely Pavan Zanella
Iscas Comportamentais
Isca intelectual de Suely Pavan que tenho observado uma postura comum em lojas e supermercados: vendedores debruçados em balcões ou reclamando pelos corredores.

Ver mais

Alien vs Predador

Alien vs Predador

Luciano Pires -

O filme foi lançado em 13 de agosto de 2004 na América do Norte e recebeu principalmente críticas negativas da mídia especializada. Alguns críticos elogiaram os efeitos especiais e a cenografia, enquanto outros criticaram o filme pelos seus personagens artificiais e diálogos pobres.

Todavia, Alien vs. Predador foi um sucesso comercial, conseguindo arrecadar 172 milhões de dólares tendo gasto 60 milhões de dólares em sua produção. O sucesso do filme conduziu para uma sequência em 2007 intitulada Aliens vs. Predator: Requiem.

A frase promocional original do filme deveria ter sido “sua guerra, nosso mundo”, mas antes da divulgação do filme os produtores resolveram alterá-la para “não importa quem vença… nós perderemos”. A frase promocional original, posteriormente, foi utilizada no filme Transformers.

O milionário Charles Bishop Weyland (Lance Henriksen) descobre uma pirâmide na Antártica à 700 m da superfície. Ele chama uma equipe de segurança, técnicos e cientistas para explorar a pirâmide. Quando chegam lá, descobrem um túnel através do gelo que vai na direção exata da pirâmide, e que ela foi feita pelos predadores, sendo este túnel aberto através de um raio vindo da sua nave em órbita da Terra. Então, os três predadores partem para a Terra, aterrizam e matam vários humanos (seguranças) que ficaram do lado de fora do caminho da pirâmide.

Enquanto isso, já lá dentro, os humanos vão descobrindo alguns segredos como: que a pirâmide foi construída a muitos séculos por povos que habitavam a Antártica numa época que ela era tropical e habitável, e esses faziam sacrifícios aos “deuses” (os predadores) que usavam as vítimas para serem infectadas e gerarem “serpentes” (os aliens) para servirem como caça competitiva; e que a pirâmide muda de forma internamente em suas câmaras de 10 em 10 minutos, como um labirinto até chegar na câmara de sacrifício. Uns humanos ficam e outros vão, até que acham as armas dos predadores numa urna secreta, e estes já dentro da pirâmide aparecem para atacar. Então a pirâmide muda de forma dando oportunidade de escapar a um grupo de pessoas para um outro caminho, e os outros foram aprisionados. Enquanto isso, a serpente mãe (alien-mãe ou rainha) é despertada de sua longa hibernação e começa a colocar ovos que vão até a câmara de sacrifício para eclodir os ovos e as larvas (feito aranhas) incubarem embriões nos corpos das vítimas até eles eclodirem, matando os que ficaram lá presos. E a partir daí começa a infestação dos aliens pela pirâmide.

Até que os sobreviventes Alexa Woods (Sanaa Lathan) e Sebastian de Rosa (Raoul Bova), esperam pela nova formação da pirâmide até que descobrem que devem devolver a arma do predador para ele matar as serpentes (aliens). Mas ao tentar fugir de uma serpente, eles devem pular em um grande buraco, Sebastian tenta salvar Alexa, consegue mas é pego pela serpente e capturado como refém para infectar. Nesse momento um dos predadores é atacado por uma larva após matar alguns aliens adultos e fica por um tempo desacordado. O outro predador foi atacado e morto pelas serpentes. Ao retornar para as ações de combate aos aliens, se depara com Alexa sendo cercada por eles e os mata com sede de vingança, quando ele percebe que ela carrega consigo a sua arma principal de combate. Ela se alia ao predador que resta, e ainda uma serpente (alien) os ataca, mas o predador a mata e faz arma com a cauda e um escudo com o crânio do alien (que é à prova dos danos provocados pelo ácido do sangue deles) e coloca um símbolo de guerreiro no rosto de Alexa, que tem que matar Sebastian, pois ele está com um embrião da serpente no seu corpo.

Eles chegam a um ninho que está prestes a eclodir várias larvas, colocam uma bomba e saem da pirâmide, com a missão de evitar que a serpente (a rainha) chegue até a superfície, mas ela consegue sair e os dois tem que matá-la. Eles conseguem enrolando ela nas próprias correntes que a aprisionava na pirâmide num reservatório de aço suspenso e a empurando num lago congelado, mas o predador é atingido antes desse evento e morre logo após. Então chega a nave mãe dos predadores para resgatar o corpo e reconhecem o símbolo de guerreiro no rosto de Alexa, que recebe uma lança e a sobrevivência como gratidão. A nave parte, mas no interior dela sai um embrião do corpo do predador morto, que foi infectado pela larva no interior da pirâmide. Subentende-se que terá uma nova sequência da trama.

[youtube]-GT59zmF_Oo[/youtube]