Artigos Café Brasil
A fábrica de conteúdo
A fábrica de conteúdo
A Confraria Café Brasil dá um passo adiante e começa a ...

Ver mais

Um jeito de ver o mundo
Um jeito de ver o mundo
Isca Intelectual de Luciano Pires que tenta explicar o ...

Ver mais

LíderCast 5
LíderCast 5
Acabamos de lançar a Temporada 5 do podcast LíderCast, ...

Ver mais

O padrão
O padrão
Isca intelectual de Luciano Pires demonstrando que ...

Ver mais

553 – Exponential Talks
553 – Exponential Talks
Podcast Café Brasil 553 - Exponential Talks - Luciano ...

Ver mais

552 – LíderCast 5
552 – LíderCast 5
Podcast Café Brasil 552 - LíderCast 5 . Este programa ...

Ver mais

999 – Hotel Califórnia
999 – Hotel Califórnia
Podcast Café Brasil - Hotel Califórnia. O programa ...

Ver mais

551 – Todo mundo é deficiente
551 – Todo mundo é deficiente
Podcast Café Brasil 551 - Todo mundo é deficiente. ...

Ver mais

LíderCast 061 – Flavio Azm
LíderCast 061 – Flavio Azm
Hoje recebemos Flavio Azm que é cineasta, mas é muito ...

Ver mais

LíderCast 060 – Raiam Santos
LíderCast 060 – Raiam Santos
Hoje recebo Raiam Santos, um jovem brasileiro que não ...

Ver mais

LíderCast 059 – Geraldo Rufino
LíderCast 059 – Geraldo Rufino
Hoje recebemos Geraldo Rufino um empreendedor ...

Ver mais

LíderCast 058 – Marcelo Wajchenberg
LíderCast 058 – Marcelo Wajchenberg
Hoje recebemos Marcelo Wajchenberg, que é médico ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata - Temporada 02 Episódio 09 Quando ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 08 Já falei ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 07
Videocast Nakata T02 07
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 07 Se a sua ...

Ver mais

Diferentes olhares
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Diferentes olhares Metade cheia e metade vazia do copo “Nós tivemos uma economia no ano passado caindo, e no ano anterior também, uma queda que se acentuou um pouco mais do que se estava ...

Ver mais

Não contrate um comunista
Raiam Santos
Só com esse título, já deve ter gente se coçando para buscar meu CPF e tentar me processar por incitação ao ódio e preconceito. Calma, meus amigos! Sou o tipo do cara que odeia discutir política, ...

Ver mais

Carta aberta aos podcasters
Mauro Segura
Transformação
Por que os podcasts não crescem como negócio no Brasil? A resposta pode estar nessa carta aberta de Mauro Segura para os podcasters.

Ver mais

Somos responsáveis pela beleza que herdamos
Bruno Garschagen
Ciência Política
Isca intelectual de Bruno Garshagen. No Brasil, basta consultar fotos antigas das cidades para verificar que o padrão de beleza urbana tradicional deu lugar a um ambiente novo, às vezes ...

Ver mais

Vivo tranquilo

Vivo tranquilo

Luciano Pires -

O episódio 33 do podcast Os Comentadores abre com um trecho de um dos textos que publiquei no Facebook no dia anterior ao segundo turno, uma espécie de carta aberta a Aécio Neves:

“Meu voto é seu por uma infinidade de razões que não pretendo repetir aqui, mas basicamente pela expectativa de que teremos mudanças. Assumi um risco, coloquei minha cara à tapa, defendi o senhor e apostei numa proposta que acredito ser a melhor para o Brasil. Ao explicitar meu voto perdi centenas de curtidores que ou deixaram de curtir a página ou foram bloqueados por falta de educação em seus comentários. Vários me escreveram decepcionados com minha escolha, outros saíram por aí falando mal de mim, alguns simplesmente me deletaram de suas vidas. Acho que perdi também alguns trabalhos, mas acredito que valeu a pena.”

Ouça o podcast aqui: http://bit.ly/1uwfdeh . A conversa sobre o assunto é muito boa.

Pois bem. Perdi, do final de agosto à semana pós-eleições, entre os que descurtiram e os que bloqueei, cerca de 150 pessoas na página do Facebook. E nesse mesmo período ganhei quase 4000 curtidores!

O que é que isso quer dizer?

Que as pessoas estão em busca de opiniões claras. Que querem ler ou ouvir quem não fica em cima do muro, não importa se a pessoa é contra ou a favor. As pessoas querem transparência. Ter opinião é fundamental para navegar no tsunami de informações que nos afoga diariamente.

Felizmente a maioria dos comentários que recebo traz elogios, mas a maioria dessa maioria começa assim: “Caro Luciano, embora eu nem sempre concorde com suas opiniões…”. Eu acho ótimo! E quando recebo um comentário demonstrando que a pessoa captou as ironias, os subtextos, e traz uma argumentação contrária de alto nível, tenho um orgasmo intelectual. Gente que, ao discordar de mim, me obriga a pensar, a buscar mais argumentos, me faz crescer! Mas isso só acontece quando os interlocutores têm educação, se respeitam e querem o mesmo: um país mais justo e melhor. Discordam dos meios para chegar lá, mas são capazes de conviver harmoniosamente. Isso é bom para todos.

Enfim, havendo boa educação e respeito é possível pensar totalmente diferente de outra pessoa e conviver em harmonia com ela.

Mas tem que ter boa educação e respeito.

Resumindo: torço diariamente para receber comentários de gente que pensa diferente de mim, com atitude educada e argumentos sólidos que me façam repensar minhas crenças e valores. Quando isso acontece, eu cresço.

Mas se você está entre os que simplesmente não gostam da minha opinião, da minha voz, do meu pensamento, do meu programa, do meu estilo, o recado é simples: o problema é seu.

E assim vivo tranquilo.