Artigos Café Brasil
Vem aí o Cafezinho
Vem aí o Cafezinho
Nasce nesta segunda, 4/9 o CAFEZINHO, podcast ...

Ver mais

Educação adulta
Educação adulta
Preocupados demais com a educação de nossos filhos, ...

Ver mais

É tudo soda
É tudo soda
Isca intelectual de Luciano Pires lembrando que ...

Ver mais

A selhófrica da pleita
A selhófrica da pleita
Isca intelectual de Luciano Pires tratando do nonsense ...

Ver mais

579 – A arte de falar merda
579 – A arte de falar merda
Tenha um filtro, meu caro, minha cara. Para o bem do ...

Ver mais

578 – O Círculo de ouro
578 – O Círculo de ouro
Você já parou para pensar que talvez ninguém faça ...

Ver mais

577 – Dois pra lá, dois pra cá
577 – Dois pra lá, dois pra cá
Existe uma divisão política, social e cultural no ...

Ver mais

576 – Gratitude
576 – Gratitude
Gratitude vem do inglês e francês e significa que ...

Ver mais

LíderCast 081 Lucia Helena Galvão Maya
LíderCast 081 Lucia Helena Galvão Maya
LíderCast 081 – Lúcia Helena Galvão Maya é diretora da ...

Ver mais

LíderCast 080 Tito Gusmão
LíderCast 080 Tito Gusmão
LíderCast 080 – Tito Gusmão – Tito Gusmão é um jovem ...

Ver mais

LíderCast 079 Marcio Appel
LíderCast 079 Marcio Appel
LíderCast 079 –Marcio Appel executivo à frente da ...

Ver mais

LíderCast 078 Leo Lopes
LíderCast 078 Leo Lopes
LíderCast 078 – Leo Lopes – Leo Lopes é uma referência ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata - Temporada 02 Episódio 09 Quando ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 08 Já falei ...

Ver mais

Os jacobinos da “nova direita”
Bruno Garschagen
Ciência Política
Quando os antissocialistas mimetizam a mentalidade e a ação política do inimigo, tornam-se o espelho da perfídia.

Ver mais

A hora e a vez da criatividade
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
A hora e a vez da criatividade  Por que não no Brasil? “Eu olho para as coisas como elas sempre foram e pergunto: Por quê? Eu olho para as coisas como elas poderão vir a ser e pergunto: Por que ...

Ver mais

Cala a boca, Magdo!
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
Quem não se lembra do “Cala a boca, Magda”, repetido por Caco Antibes no Sai de Baixo? Magda, sua esposa, era de uma estupidez oceânica, e o bordão era gritado a cada asneira dita pela bela ...

Ver mais

Síndrome de Deus
Tom Coelho
Sete Vidas
“Existe uma força vital curativa com a qual o médico tem de contar. Afinal, não é o médico quem cura doenças: ele deve ser o seu intérprete.” (Hipócrates)   Dediquei-me nas últimas semanas ...

Ver mais

Cafezinho 5 – Pimenta Azteca
Cafezinho 5 – Pimenta Azteca
O nome disso é livre mercado, goste você de Pimenta ...

Ver mais

Cafezinho 4 – A intolerância
Cafezinho 4 – A intolerância
Uma organização conhecida por investir em cultura ...

Ver mais

Cafezinho 3 – A inércia
Cafezinho 3 – A inércia
Issac Newton escreveu que “um objeto que está em ...

Ver mais

Cafezinho 2 – O bobageiro
Cafezinho 2 – O bobageiro
Quando se trata de falar bobagem, pesquisas já ...

Ver mais

Veneno

Veneno

Luciano Pires -

“Luciano, pare de enviar esses seus textos. Na boa, você escreve mal. Vá fazer outra coisa.”

Recebi esse comentário cerca de oito anos atrás, quando comecei a escrever meus artigos semanais. Foi um soco no estômago. Nem tanto pela crítica, mas pelo: “na boa”.  O desgraçado dava a entender que estava me ajudando! Ele não sugeriu que eu praticasse mais, que lesse mais. Era uma crítica venenosa, destrutiva, negativa, com o único propósito de exterminar a fonte da inconveniência. Não obedeci, claro. E passado algum tempo outra pessoa me escreveu:

“Olá Luciano, comprei seu livro esse fim de semana e simplismente estou adorando hehehhehehe. Tenho 17 anos e nao gosto de ler muito afinal nunca tive muita motivação nem responsabilidade, porem agora ja com quase 18 anos já é a hora de tomar vergonha, entao descidi começar o habito da leitura num livro que me interessase, procurei varios na fnac até que encontrei o maravilhoso “BRASILEIROS POCOTÓ” ja de cara adorei e au ler o fundo do livro jurava que seria escrito por meu idolo Gabriel o Pensador, entao vi seu nome que ainda era desconhecido por minha cultura e estou lendo desde entao. Minha mae que sempre adorou pegar no meu pé para mim ler, esta ate curiosa para ler o livro para saber que que tem de tao bom nele. Assim que terminar vou dar a ela. grato! Daniel”

E recebo mais um, olhe só:

“Meu nome é Alessio. Sou italiano. Descobri seu programa uns meses atras, enquanto estava procurando podcasts brasileiros na Internet para aprender e desenvolver o meu portuguêse. Apaixonei-me por Café Brasil. Todo dia levo as gravações com o meu toca-mp3 e as escuto enquanto vou para o escritorio onde trabalho.  O seu programa me conforta, divirte, me faz pensar e me ajuda a mantêr uma atitude positiva. Por tudo isso, obrigado Luciano.”

Ou que tal este?

“Mr. Pires, I just wanted to thank you for your podcast ”Cafe Brasil”. I”m learning portugese and I use your podcast to practice listening. Your podcast not only have let me improve my listening skills, but also I enjoy your and learn from your topics. I”m Mexican and my first language is Spanish, but I currently live in Los Angeles.”

É um mexicano que vive em Los Angeles agradecendo por meu podcast Café Brasil que o ajuda a aprender português. E recebi outros parecidos de japoneses e estadunidenses.

Aos poucos vou descobrindo jovens que estão entrando no mundo das letras por minhas mãos. Estrangeiros que estão aprendendo português e um pouco sobre a cultura brasileira por meio de meus programas. Professores que utilizam meus trabalhos em sala de aula. Pessoas afirmando que as provoco a observar o mundo sob um ponto de vista diferente. E também críticas, muitas críticas. As venenosas eu descarto. As nutritivas eu uso para melhorar. 

Minha resposta tem sido produzir: sites, programas de rádio, podcasts, artigos, palestras, vídeos, entrevistas e o que mais aparecer. E no sábado, 25 de julho, lanço oficialmente meu quinto livro “NÓIS…QUI INVERTEMO AS COISA.” E já estou trabalhando no sexto.

Felizmente não me deixei envenenar oito anos atrás.