Artigos Café Brasil
Democracia, Tolerância e Censura
Democracia, Tolerância e Censura
O que distingue uma democracia de uma ditadura é a ...

Ver mais

O dia seguinte
O dia seguinte
Com o aumento considerável do mercado de palestrantes ...

Ver mais

Fact Check? Procure o viés.
Fact Check? Procure o viés.
Investigar o que é verdade e o que é mentira - com base ...

Ver mais

O impacto das mídias sociais nas eleições
O impacto das mídias sociais nas eleições
Baixe a pesquisa da IdeiaBigdata que mostra o impacto ...

Ver mais

631 – O valor de seu voto – Revisitado
631 – O valor de seu voto – Revisitado
Mais discussão de ano de eleição: afinal o que é o ...

Ver mais

630 – Outra Guerreira – Simone Mozilli
630 – Outra Guerreira – Simone Mozilli
Este é outro Café Brasil que reproduz na íntegra um ...

Ver mais

629 – Gramsci e os Cadernos do Cárcere
629 – Gramsci e os Cadernos do Cárcere
Essa aparente doideira que aí está não é doideira. É ...

Ver mais

628 – O olhar de pânico
628 – O olhar de pânico
Aí você para, cansado, desmotivado, olha em volta e se ...

Ver mais

LíderCast 125 – João Amoêdo
LíderCast 125 – João Amoêdo
Decidimos antecipar o LíderCast com o João Amoêdo ...

Ver mais

LíderCast 124 – Sidnei Alcântara Oliveira
LíderCast 124 – Sidnei Alcântara Oliveira
Segunda participação no LíderCast, com uma história que ...

Ver mais

LíderCast 123 – Augusto Pinto
LíderCast 123 – Augusto Pinto
Empreendedor com uma história sensacional de quem ...

Ver mais

LíderCast 122 – Simone Mozzilli
LíderCast 122 – Simone Mozzilli
Uma empreendedora da área de comunicação, que descobre ...

Ver mais

046 – Para quem vai anular o voto
046 – Para quem vai anular o voto
Fiz um vídeo desenhando claramente o que acontece com ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata - Temporada 02 Episódio 09 Quando ...

Ver mais

Júlio de Mesquita Filho e a contrarrevolução cultural
Jota Fagner
Origens do Brasil
A ideia de concentração hegemônica não é exclusividade de Gramsci, outros autores de diferentes espectros ideológicos propuseram caminhos parecidos. Júlio de Mesquita Filho é um deles É preciso ...

Ver mais

Imagine uma facada diferente
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
Imagine Fernando Haddad sendo vítima de uma tentativa de assassinato. Por um ex-militante do DEM ou do PSL, no mesmo dia em que Bolsonaro quase morreu pelas mãos de um ex-PSOL. Primeiramente, os ...

Ver mais

Uma discussão sobre inteligência artificial na educação
Mauro Segura
Transformação
Uma discussão sobre os benefícios que as novas tecnologias podem trazer para a educação brasileira. Mas será que estamos preparados para isso?

Ver mais

A burocracia e a Ignorância Artificial
Henrique Szklo
O Estado brasileiro, desde 1500, tem se esmerado em atravancar qualquer mecanismo da administração pública com um emaranhado de processos burocráticos de alta complexidade, difícil interpretação ...

Ver mais

Cafezinho 107 – O voto proporcional
Cafezinho 107 – O voto proporcional
Seu voto, antes de ir para um candidato, vai para um ...

Ver mais

Cafezinho 106 – Sobre fake news
Cafezinho 106 – Sobre fake news
Fake News são como ervas daninhas, não se combate ...

Ver mais

Cafezinho 105 – Quem categoriza?
Cafezinho 105 – Quem categoriza?
Quem define e categoriza o que será medido pode ...

Ver mais

Cafezinho 104 – A greta
Cafezinho 104 – A greta
Dois meio Brasis jamais somarão um Brasil inteiro.

Ver mais

Valores E Convicções

Valores E Convicções

Luciano Pires -

VALORES E CONVICÇÕES

Luciano Pires

Aquele depoimento da esposa do Marcos Valério foi chocante.
Principalmente quando os questionamentos colocavam nos holofotes a família dela e dele. Quando os filhos de ambos foram mencionados, pelo menos em minha cabeça, um drama se desenrolou.
Deixei de lado as razões sórdidas que colocaram tanto ele como ela na situação em que estão e examinei os acontecimentos com um pensamento humanitário, desprovido de julgamentos sobre o comportamento de corruptos e corruptores.
E foi impossível não comparar a família deles com a minha. Os laços de amor e amizade entre marido e mulher, pais e filhos. As conseqüências da exposição pública dos pais, nos filhos. A forma como a sociedade tratará essas crianças. Imaginei-as na escola… Primeiro sofrendo por causa do pai. E depois vendo a mãe chorando em rede nacional…
Senti pena daquelas crianças. E de todas as outras que serão atingidas nesse processo, que é duro mas necessário.
Lembrei-me de uma discussão sobre a questão dos valores pessoais e das convicções. O tema era a senadora Heloísa Helena, que estava prestes a ser expulsa do PT. Na época eu dizia que admirava os valores da senadora, mas tinha restrições às suas convicções.
Valores são ideais que guiam ou qualificam sua conduta pessoal, sua interação com os outros. Eles ajudam você a distinguir o que é certo do que é errado e a conduzir sua vida com propósito. A senadora manteve-se irredutível no questionamento daquilo que, conforme seus valores, julgava ser um comportamento errado. Foi expulsa e o tempo mostrou que ela estava coberta de razão. Compartilho seus valores e admiro sua fibra.
Convicções são crenças em alguma coisa sem necessidade de provas ou evidências. É aquilo que é aceito por uma pessoa como verdade. E a senadora, petista de primeira hora, era mais uma das raivosas vozes que combatia qualquer iniciativa do governo FHC, independente do mérito, em nome de convicções discutíveis. Foram essas convicções que atrasaram o Brasil em vários anos, que impediram a aprovação de leis e propostas importantes, que desdenharam de idéias que não combinavam com suas verdades.
Pois o que assistimos neste momento é uma revelação chocante envolvendo valores e convicções.
O PT eleito pelo voto direto de 53 milhões de brasileiros, trazia em seu programa valores fundamentais que lhe garantiram a imagem de partido ético, honesto, interessado no desenvolvimento do país, na defesa dos indefesos, na justiça social. Mas infelizmente, partidos são formados por pessoas. E o que se vê neste momento são pessoas para as quais valores éticos como honestidade, generosidade e respeito ao próximo, não são prioridades. Essa turma tem, no máximo, convicções. A principal delas, de que estariam acima da lei, acima do bem, acima do mal.
Coitados.
Convicções que não fundamentam-se em valores éticos são apenas bravatas.
E pobres dos que educam seus filhos com bravatas.