Artigos Café Brasil
O dia seguinte
O dia seguinte
Com o aumento considerável do mercado de palestrantes ...

Ver mais

Fact Check? Procure o viés.
Fact Check? Procure o viés.
Investigar o que é verdade e o que é mentira - com base ...

Ver mais

O impacto das mídias sociais nas eleições
O impacto das mídias sociais nas eleições
Baixe a pesquisa da IdeiaBigdata que mostra o impacto ...

Ver mais

Síntese de indicadores sociais 2016 do IBGE
Síntese de indicadores sociais 2016 do IBGE
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - ...

Ver mais

622 – O Esfíncter Intelectual
622 – O Esfíncter Intelectual
Existe gente que não controla seu esfíncter intelectual ...

Ver mais

Café Brasil 621 – Orgulho de Ser Brasileiro
Café Brasil 621 – Orgulho de Ser Brasileiro
Em junho de 2018 realizamos o II Sarau Café Brasil, ...

Ver mais

Café Brasil 620 – Democracia, tolerância e censura
Café Brasil 620 – Democracia, tolerância e censura
"Se começarmos a cercar com paredes aquilo que alguns ...

Ver mais

619 – LíderCast 9
619 – LíderCast 9
Neste programa apresentamos os convidados da Temporada ...

Ver mais

LíderCast 116 – Roberto Motta
LíderCast 116 – Roberto Motta
Empreendedor, professor, engenheiro, mestre em gestão, ...

Ver mais

LíderCast 115 – Nailor Marques Jr
LíderCast 115 – Nailor Marques Jr
Professor, palestrante, uma das mentes mais divertidas ...

Ver mais

LíderCast 114 -Alexandre Ostrowiecki
LíderCast 114 -Alexandre Ostrowiecki
Empreendedor, com uma história incrível de como o ...

Ver mais

LíderCast 113 – Glaucimar Peticov
LíderCast 113 – Glaucimar Peticov
“Eu não tenho muros, só tenho horizontes” é a frase de ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata - Temporada 02 Episódio 09 Quando ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 08 Já falei ...

Ver mais

O elogio do vira-lata
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
O elogio do vira-lata “Aquele que for somente um economista não tem condições de ser um bom economista, pois todos os nossos problemas tocam em questões de filosofia.” Friedrich von ...

Ver mais

É milagre, Crivella?
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
O Rio de Janeiro continua lindo Gil, e complicado; mais do que isso, espantoso. Não dá pra entender a razão pela qual os fluminenses elegem gente (latu sensu, ófi córsi) como Anthony Garotinho, ...

Ver mais

O despertador intelectual e a origem das ideias
Jota Fagner
Origens do Brasil
Possivelmente você teve uma pessoa que, em determinado momento de sua vida, acendeu a faísca da sua curiosidade sobre determinado assunto ou área do conhecimento. Talvez tenha sido mais de uma ...

Ver mais

Os caminhos para editar um livro
Isqueiro isqueiro
Muitas pessoas investem um tempo considerável colocando suas histórias e lições de forma escrita, para se perpetuarem na forma de livros. Mas, ao concluírem o texto, muitas vezes o guardam em ...

Ver mais

Cafezinho 90 – Armadura Emocional
Cafezinho 90 – Armadura Emocional
Você tem que ser capaz de gerenciar suas próprias ...

Ver mais

Cafezinho 89 – Manifesto
Cafezinho 89 – Manifesto
Quero um mundo melhor, igualzinho a você. Talvez ...

Ver mais

Cafezinho 88 – A Teoria da Ilusão Fiscal
Cafezinho 88 – A Teoria da Ilusão Fiscal
Não existem soluções novas. O que existe é ignorância velha.

Ver mais

Cafezinho 87 – O que consome seu tempo de vida
Cafezinho 87 – O que consome seu tempo de vida
Se você não avaliar cada processo que consome seu tempo ...

Ver mais

Quem é o sujeito?

Quem é o sujeito?

Luciano Pires -

Natan Donadon foi denunciado pelo Ministério Público do Estado de Rondônia sob acusação de ter desviado R$ 8,4 milhões quando foi diretor financeiro da Assembléia Legislativa daquele estado. Mais gente estava envolvida no golpe, caracterizando uma quadrilha. Quando Donadon assumiu a cadeira de deputado federal, passou a ter direito ao foro privilegiado e o processo foi desmembrado para que ele fosse julgado pela Suprema Corte Federal. Na véspera do julgamento, em 27 de outubro de 2010, ele renunciou ao mandato. O deputado foi condenado a mais de treze anos de prisão em regime fechado por peculato e formação de quadrilha.

Detalhe: os desvios de Donadon ocorreram entre os anos de 1995 e 1998. Foram 12 anos até a condenação em 2010, mas ele só teve a prisão decretada mais de dois anos depois, em 26 de junho de 2013, como uma das formas de aliviar a pressão das manifestações de junho.

Donadon tornou-se o primeiro deputado em exercício, desde a Constituição de 1988, a ser preso por ordem do STF. Com o mandado de prisão expedido pela corte, a Câmara dos Deputados iniciou o processo de cassação do mandato do deputado, que foi expulso do PMDB.

Eram necessários 257 votos (a maioria dos 513 deputados) a favor da cassação para que a punição se efetivasse. 463 deputados estiveram na Câmara no dia da votação, mas no final, apenas 405 participaram, com 233 votando pela cassação, 131 contra, e 41 se abstendo.

Sem alcançar o mínimo necessário de votos para perder o mandato, o deputado continua deputado, mesmo na cadeia. Infelizmente a votação foi secreta, jamais saberemos quem votou a favor ou se absteve, mas publiquei a lista dos deputados que não apareceram para votar:

http://www.portalcafebrasil.com.br/iscas-intelectuais/provocacao/os-deputados-que-faltaram-na-votacao

Guarde para se lembrar deles na próxima eleição.

No dia da votação a Câmara viveu um momento de vergonha, se os deputados soubessem o que é isso: Donadon chegou algemado e recebeu a solidariedade de alguns colegas. No final da sessão, ajoelhou-se agradecendo aos céus. Foi novamente algemado e levado para o Presídio da Papuda, onde cumpre a pena.

Resumo da ópera: o Brasil tem agora o primeiro Deputado-Presidiário. Ou Presidiário-Deputado. Não sei quem é o sujeito da frase, mas não importa. Nestes dias nublados, “deputado” e “presidiário”, como se diz em minha terra natal, ornam.

Que tristeza.

Luciano Pires