Artigos Café Brasil
#DicaNetFlix Trotsky
#DicaNetFlix Trotsky
É uma série de terror. Tem assassinos em série, ...

Ver mais

Visualizando as estruturas do discurso do Portal Café Brasil
Visualizando as estruturas do discurso do Portal Café Brasil
Se você se aproximar do Café Brasil, prepare-se para ...

Ver mais

Café Brasil Premium – Retrospectiva 2018
Café Brasil Premium – Retrospectiva 2018
Ao longo de 2018 o Café Brasil Premium decolou e ...

Ver mais

#Retrospectiva PodSumários
#Retrospectiva PodSumários
Comece 2019 praticando o Fitness Intelectual. A barriga ...

Ver mais

657 – Brumadinho e a Challenger
657 – Brumadinho e a Challenger
A tragédia da explosão da Challenger em 1986 marcou ...

Ver mais

656 – Rua Ramalhete
656 – Rua Ramalhete
Este programa é uma homenagem ao Tavito, que faleceu em ...

Ver mais

655 – É carnaval
655 – É carnaval
Tem gente boa, muito boa, fazendo a legítima música de ...

Ver mais

654 – Sarau Café Brasil III
654 – Sarau Café Brasil III
Realizamos mais uma edição do Café Brasil Premium, ...

Ver mais

LíderCast 145 – Ana Paula Andrade
LíderCast 145 – Ana Paula Andrade
CEO de uma multinacional de trademarketing, a Marco ...

Ver mais

LíderCast 144 – Daniel Arcoverde e Rafael Belmonte
LíderCast 144 – Daniel Arcoverde e Rafael Belmonte
Os jovens empreendedores que criaram a netshow.me, uma ...

Ver mais

LìderCast 143 – Doug Alvoroçado
LìderCast 143 – Doug Alvoroçado
Esse alvoroçado não é nome não, é adjetivo. Um ...

Ver mais

LíderCast 142 – Marcelo Pimenta
LíderCast 142 – Marcelo Pimenta
O Menta é um facilitador da inovação, um inquieto ...

Ver mais

Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Um bate papo entre Adalberto Piotto, Carlos Nepomuceno ...

Ver mais

046 – Para quem vai anular o voto
046 – Para quem vai anular o voto
Fiz um vídeo desenhando claramente o que acontece com ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

CAPÍTULO 2 – LINGUAGEM E SEUS SÍMBOLOS (parte 4)
Alexandre Gomes
O caminho até agora está ficando longo, não é? Por mais que eu use exemplos próximos da realidade; ainda assim, eu e você estamos buscando entender conceitos abstratos. Afinal, estamos falando ...

Ver mais

Só envelhece quem perde a curiosidade
Henrique Szklo
O mundo está muito óbvio. As coisas têm sido analisadas pelos pontos de vista mais superficiais e, em geral, equivocados. Julga-se por aparência, por condição financeira, por orientação sexual, ...

Ver mais

Defendam Douglas também
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
Não conhece Douglas Leandro Clizesqui? Sem problemas. Ninguém conhece. Ele é pai de Douglas Murilo, uma das oito vítimas fatais no massacre da escola estadual em Suzano; o caso todos conhecem. ...

Ver mais

A abundante mente semanal
Carlos Nepomuceno
RESUMO DA LIVE: https://youtu.be/hHzgP5sqbjM LIVE COMPLETA: https://www.facebook.com/carlos.nepomuceno/videos/10157193323018631/   Quer fazer? Me mande um zap: 21-996086422. R$ 200,00 ...

Ver mais

Cafezinho 160 – Os cinco estágios
Cafezinho 160 – Os cinco estágios
Ajudando a compreender o cenário político brasileiro.

Ver mais

Cafezinho 159 – O bobo da corte
Cafezinho 159 – O bobo da corte
O palhaço, o bobo, o gozador, é o único a perceber a ...

Ver mais

Cafezinho 158 – O tempo que lhe resta
Cafezinho 158 – O tempo que lhe resta
Dê o primeiro passo para fazer com que o tempo de vida ...

Ver mais

Cafezinho 157 – Papo de bêbado 2
Cafezinho 157 – Papo de bêbado 2
Se eu fosse o Bolsonaro, nestes primeiros 100 dias ...

Ver mais

O teimoso

O teimoso

Luciano Pires -

Desde o começo da humanidade o homem se preocupa com a mediocridade, a estupidez e a idiotice. E muita gente importante dedicou horas de reflexão ao tema. Quer ver?

Voltaire disse: “A idiotice é uma doença extraordinária, não é o doente que sofre por ela, mas os outros.”

Kant disse: “Nunca discutas com um idiota. As pessoas podem não notar a diferença.”

Goethe disse: “Contra a estupidez, até os deuses lutam em vão.”

Albert Einstein disse: “Existem duas coisas infinitas: o Universo e a estupidez humana. Mas não tenho certeza sobre o universo.”

Sigmund Freud disse: “Existem duas maneiras de ser feliz nesta vida, uma é fazer-se de idiota e a outra é ser um idiota.”

Martin Luther King disse: “Nada no mundo é mais perigoso que a ignorância sincera e a estupidez minuciosa.”

O músico norte americano Anton Lavey disse: “É uma pena que a estupidez não doa.”

Mario Vargas Llosa disse: “Só um idiota pode ser totalmente feliz.”

O físico dinamarquês Niels Bohr disse: “Um idiota sempre encontra outro mais idiota que o admire.”

E não poderia faltar o nosso Nelson Rodrigues, que disse: “Outrora, os melhores pensavam pelos idiotas; hoje, os idiotas pensam pelos melhores. Criou-se uma situação realmente trágica: — ou o sujeito se submete ao idiota ou o idiota o extermina.”

A luta contra a mediocridade, a idiotice e a estupidez tem, portanto, um passado respeitável e um futuro interminável. Mas uma coisa aprendi: ser medíocre, idiota ou estúpido, é uma opção. Você pode muito bem passar a vida toda no meio do rebanho, indo para onde querem que você vá, fazendo o que os outros fazem, sem se preocupar em estar à frente, em levar a primeira porrada, em ser chamado de louco. Acredite, a maioria absoluta das pessoas é assim, e acho até que são felizes por serem assim.

Vivemos numa sociedade repleta de regras, de leis, de convenções. Temos que seguir essas leis, sim senhor, e isso nos obrigará, muitas vezes, a fazer aquilo que a manada faz, a seguir bovinamente o que o mestre mandar. Caso contrário quebraremos as leis e, talvez, as consequencias não valham a pena. O problema é se conformar com a ideia de que tudo tem que ser sempre assim.

O problema é se conformar.

Sei que para muita gente, a resignação bovina não serve, a vida é e pode ser mais que isso. Essas pessoas têm fogo no rabo, precisam se expressar, querem ser livres, provocar a diferença, moldar o mundo à si e não serem moldadas por ele. E o mais impressionante: sabem que essa é uma luta utópica e, mesmo assim, continuam. São teimosas.

Não posso induzir que ser um bovino resignado seja uma opção para você, apenas posso fazer uma dedução: se você lê e/ou ouve o Café Brasil, é grande a chance de que seja um daqueles inconformados, não é? O louco que quer mudar o mundo, sabe que não vai conseguir, mas teima assim mesmo?

Esse é você?

Seja bem-vindo. Ou bem-vinda!