Artigos Café Brasil
1964 – O Brasil entre armas e livros
1964 – O Brasil entre armas e livros
Um documentário para ser visto como outro ângulo pelo ...

Ver mais

Os Podcasts Café Brasil Musicais
Os Podcasts Café Brasil Musicais
Música é uma de nossas grandes paixões, por isso de ...

Ver mais

#DicaNetFlix Trotsky
#DicaNetFlix Trotsky
É uma série de terror. Tem assassinos em série, ...

Ver mais

Visualizando as estruturas do discurso do Portal Café Brasil
Visualizando as estruturas do discurso do Portal Café Brasil
Se você se aproximar do Café Brasil, prepare-se para ...

Ver mais

661 – A teoria do valor subjetivo
661 – A teoria do valor subjetivo
O mercado é o resultado da interação entre milhões de ...

Ver mais

660 – Na esquina da sua casa
660 – Na esquina da sua casa
Não espere que o Estado se preocupe com o indivíduo. O ...

Ver mais

659 – Empreendedorismo no Palco
659 – Empreendedorismo no Palco
Muitos anos atrás, acho que uns 20, fui convidado para ...

Ver mais

658 – Chá com a gente
658 – Chá com a gente
Este programa reproduz a edição especial do Podcast Chá ...

Ver mais

LíderCast 149 – Ronaldo Tenório
LíderCast 149 – Ronaldo Tenório
Empreendedor, que vem lá do nordeste para mudar a vida ...

Ver mais

LíderCast 148 – Bruno Busquet
LíderCast 148 – Bruno Busquet
CEO da Tupiniq,In Inside Out Agency e president do ...

Ver mais

LíderCast 147 – Sherlock Gomes
LíderCast 147 – Sherlock Gomes
Músico, um guitarrista e baixista excepcional cuja ...

Ver mais

LíderCast 146 – Cândido Pessoa
LíderCast 146 – Cândido Pessoa
Um intelectual, professor no Paradigma centro de ...

Ver mais

Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Um bate papo entre Adalberto Piotto, Carlos Nepomuceno ...

Ver mais

046 – Para quem vai anular o voto
046 – Para quem vai anular o voto
Fiz um vídeo desenhando claramente o que acontece com ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

CAPITULO 2 – AS DEZ CATEGORIAS DO SER (parte 6)
Alexandre Gomes
Eu tenho que ser sincero com você guria (ou velhinho…) esta parte do segundo capítulo será bem chata, pois iremos tratar de algo realmente formal e de certa forma, burocrático: as Dez ...

Ver mais

Que falta faz Roberto Campos!
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Que falta faz Roberto Campos!  Homenagem em três livros “O bem que o Estado pode fazer é limitado; o mal, infinito. O que ele nos pode dar é sempre menos do que nos pode tirar.” Roberto Campos ...

Ver mais

O copo, a água e o STF
Carlos Nepomuceno
RESUMO DA LIVE: LIVE COMPLETA: https://web.facebook.com/carlos.nepomuceno/videos/10157256876268631 RESUMO DAS LIVES ANTERIORES: https://www.youtube.com/playlist?list=PL7XjPl0uOsj8TxfUISqzcl4YrxYBC0vOw

Ver mais

O Rock, Bruce Springsteen e uma lição sobre liderança!
Jeison Arenhart De Bastiani
Outro dia assisti boquiaberto algo que não sei muito bem como descrever, mas posso afirmar que foi incrível e vou contar para você como um músico (que confesso não acompanhar muito) me deu uma ...

Ver mais

Cafezinho 169 – O silêncio das pedras
Cafezinho 169 – O silêncio das pedras
Há silêncios e silêncios. Há o silêncio das pedras. Há ...

Ver mais

Cafezinho 168 – O que nos define
Cafezinho 168 – O que nos define
O que nos define são os adversários que vencemos.

Ver mais

Cafezinho 167 – Monstros da negatividade
Cafezinho 167 – Monstros da negatividade
“O otimista é o pessimista bem informado”, lembra ...

Ver mais

Cafezinho 166 – O nobre
Cafezinho 166 – O nobre
Este Brasil de 2019 é muito diferente daquele de 2015.

Ver mais

O Papa e o astronauta

O Papa e o astronauta

Luciano Pires -

Ao ser anunciado o novo Papa, fiquei imaginando o que passou pela cabeça das pessoas que conheceram Jorge Mario Bergoglio quando criança em Buenos Aires… Gente que conviveu com ele bem de perto e que agora assiste sua nomeação para um dos cargos de maior visibilidade no planeta.

Me lembrei então de um texto que escrevi há algum tempo e que é pertinente neste momento. O texto começava com uma pergunta que sempre ouvi quando criança:

– O que é que você vai ser quando crescer?

Quantas vezes você ouviu ou fez essa pergunta? A gente se concentra na resposta e esquece de examinar a pergunta. O que é que as pessoas estão querendo que você diga, afinal?

Seus sonhos. Isso mesmo. Elas não estão interessadas na resposta exata, estão interessadas em saber o tamanho de seus sonhos. Quando você respondia que queria ser engenheiro, médico, dentista ou advogado, as pessoas respondiam com um “muito bem”, não é? Afinal de contas, isso era tudo o que elas esperavam ouvir, era um sonho possível de ser alcançado por seu próprio esforço.

Mas quando você dizia que queria ser astronauta, jogador de futebol, papa ou cantor de rock, a reação delas era diferente. De espanto: “nossa!”. E não raro, seguida de uma risadinha e um “que bom” meio falso, debochado até.

Aqueles eram sonhos difíceis, se não impossíveis, de alcançar. Não estamos acostumados a acreditar que as pessoas que nos rodeiam sejam capazes de grandes feitos, esperamos que elas sejam “normais”, tenham sonhos comuns e vivam suas vidinhas parecidas com as nossas.

Em 1963, quando eu era um caipirinha em Bauru, sonhei em ser astronauta quando crescesse. Os adultos que me ouviam, riam da ideia.

-Moleque, deixa de ser burro! Onde já se viu um astronauta nascido em Bauru?

Muito bem. Cerca de quarenta anos depois, em 2006, o major Marcos Cesar Pontes se tornou o primeiro astronauta brasileiro, ao decolar na nave russa Soyuz para a Estação Espacial Internacional. E onde é que você acha que ele nasceu?

Em Bauru.

O primeiro astronauta brasileiro é bauruense… Nasceu na minha cidade, quatro anos depois de mim.

Quando aparece no jornal a notícia que o Zé, aquele cara simples, que você conhece, cheio de defeitinhos, fez algo fora do comum, descobriu a cura de uma doença, lançou um livro de sucesso, inventou um produto revolucionário, foi indicado para um alto cargo numa empresa, foi escolhido Papa, você surta. Os pobres de espírito, por inveja. Os demais, por surpresa.

– Um astronauta? Bauruense? Como é que pode?

Talvez ele tenha acreditado em seus sonhos. Talvez tenha falado sério quando, ainda jovem, decidiu que seria mais do que aquilo que os outros esperavam dele. Igualzinho a Jorge Mario Bergoglio em Buenos Aires…

Quando você perguntar a uma criança o que ela quer ser quando crescer, pense nesta frase que alguém me enviou, atribuída a William Shakespeare:

“Nunca diga a uma criança que sonhos são bobagens. Nada é tão humilhante e seria uma tragédia se ela acreditasse nisso.”

Pois é. Se eu não tivesse acreditado naqueles adultos, o primeiro astronauta poderia ter sido eu.

Luciano Pires