Artigos Café Brasil
#TransgressaoEhIsso
#TransgressaoEhIsso
Transgredir é muito mais que pintar o rosto, urinar na ...

Ver mais

Vem aí o Cafezinho
Vem aí o Cafezinho
Nasce nesta segunda, 4/9 o CAFEZINHO, podcast ...

Ver mais

Educação adulta
Educação adulta
Preocupados demais com a educação de nossos filhos, ...

Ver mais

É tudo soda
É tudo soda
Isca intelectual de Luciano Pires lembrando que ...

Ver mais

583 – A regra dos dois desvios
583 – A regra dos dois desvios
Nunca brigue se o adversário estiver a mais de dois ...

Ver mais

582 – Sobre transgressão
582 – Sobre transgressão
Alguns fatos recentes trouxeram à tona a discussão ...

Ver mais

581 – Carta aos jornalistas
581 – Carta aos jornalistas
Advogados erram. Treinadores erram. Mecânicos erram. ...

Ver mais

580 – O esquecimento do bem
580 – O esquecimento do bem
O Brasil continua de pé, apesar de todos os tropeços e ...

Ver mais

LíderCast 085 William Polis
LíderCast 085 William Polis
William é um daqueles empreendedores que a gente gosta: ...

Ver mais

LíderCast 084 Rodrigo Azevedo
LíderCast 084 Rodrigo Azevedo
LiderCast 084 – Rodrigo Azevedo – Rodrigo Azevedo é ...

Ver mais

LíderCast 083 Itamar Linhares
LíderCast 083 Itamar Linhares
Itamar Linhares é médico-cirurgião na cidade de ...

Ver mais

LíderCast 082 Bruno Soalheiro
LíderCast 082 Bruno Soalheiro
LiderCast 082 – Bruno Soalheiro – Bruno criou a ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata - Temporada 02 Episódio 09 Quando ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 08 Já falei ...

Ver mais

Mudança, inovação e o espírito conservador
Bruno Garschagen
Ciência Política
Mudei de casa recentemente. Muito mais do que necessário, mudei porque quis, porque considerei que seria melhor. Mudar é sempre, porém, um tormento. Embalar os pertences, transportá-los para ...

Ver mais

O pior dos pecados
Tom Coelho
Sete Vidas
“A conduta é um espelho no qual todos exibem sua imagem.” (Goethe)   Um renomado palestrante é contratado para fazer uma apresentação em um evento de uma multinacional. Porém, apenas uma ...

Ver mais

Gênese da corrupção
Tom Coelho
Sete Vidas
“(…) que os criminosos fiquem em terra de meus senhorios e vivam e morram nela, especialmente na capitania do Brasil que ora fiz mercê a Vasco Fernandes Coutinho (…) e indo-se para ...

Ver mais

Analfabetismo funcional
Tom Coelho
Sete Vidas
“Só a educação liberta.” (Epicteto)   O índice de reprovação no exame anual da Ordem dos Advogados do Brasil, em São Paulo, tem atingido a impressionante marca de 90%. Realizado em duas ...

Ver mais

Cafezinho 14 – A sala, o piano e a partitura
Cafezinho 14 – A sala, o piano e a partitura
Mesmo uma obra de arte, só tem utilidade de houver uma ...

Ver mais

Cafezinho 13 – A sociedade da confiança
Cafezinho 13 – A sociedade da confiança
Quem confia nas leis não precisa quebrá-las.

Ver mais

Cafezinho 12 – Os tortos e os direitos
Cafezinho 12 – Os tortos e os direitos
Eu sou direito. Quero tratamento diferente dos tortos.

Ver mais

Cafezinho 11 – Vergulho e Orgonha
Cafezinho 11 – Vergulho e Orgonha
Se tenho orgulho de meu país? Sim. Mas também tenho vergonha.

Ver mais

Invasão Pocotó

Invasão Pocotó

Luciano Pires -


INVASÃO POCOTÓ



Cena um: convenção de vendas de uma das principais redes de fast food do nordeste. Faço, com sucesso, minha palestra “Brasileiros Pocotó” para um público composto dos gerentes das lojas de todo o Brasil. Gente com formação universitária, viagens para o exterior e um bom padrão de vida. Após o evento, uma festa, com uma mini-balada. Lá pelas tantas, o DJ coloca funk. Com Egüinha Pocotó e tudo o mais. E a pista de dança explode de gente pulando, desbundando e me gozando…


Cena dois: festa de 15 anos de minha filha, na semana passada. Combinei com ela que Pocotó era proibido e assim foi. Mas lá pelas tantas, o DJ manda funk. Tati Quebra Barraco, inclusive. E a pista explode, repleta de quase uma centena de garotos, garotas, jovens e tiozinhos. Todos pulando, desbundando e me gozando. A festa aconteceu em Alphaville, reduto da classe A paulistana. E toda a garotada cantava o refrão das letras, os palavrões e as baixarias, com gosto e vontade, dançando como se faz nos bailes funk cariocas.


Enquanto isso eu, sentado numa cadeira, observava e era gozado. Afinal, o grande despocotizador assistia sua filha e amigos entregues ao funk do mais baixo nível. Quando a coisa ficou preta, com aquelas letras pornográficas do MC Serginho, fui até o DJ e mandei parar. Ele trocou para um forró ou axé, o que não melhorou muito a situação. Mas aos poucos a pista foi esvaziando, esvaziando e ficou lá, meia boca. A turma queria funk.


Definitivamente, não dá para ganhar essa briga, com Gloria Perez endeusando o funk em horário nobre, colocando as filhinhas de papai de carro importado conversível no meio dos subúrbios cariocas. E com o Fantástico mostrando as baixarias musicais brasileiras como exemplo de criatividade popular, um mané como eu não tem a menor chance…


Minha luta é inglória.


Mas não vou parar. Engoli a seco a baixaria, suportei o sarro que todo mundo tirou e preparei-me para retornar à lida. Vou continuar. Usando as armas deles. Esta semana lanço um novo vídeo com a Egüinha Pocotó, usando a música Funk dos Burrão, uma sátira que anda circulando pela Internet. E usarei também a Oração ao Pocotó que lancei no ano passado. Quem acessou meu site www.lucianopires.com.br e já se divertiu com a Melô do Pocotó poderá curtir um novo ritmo. E poderá baixar, é de graça, e enviar para todo mundo. Não tenho espaço na TV, não tenho novela na Globo, não apareço dez vezes por dia nas rádios nem nas revistas de fofoca. Mas pinto e bordo pela Internet que é onde dá pra fazer acontecer.


Mas preciso de ajuda. Despocotizar o Brasil é impossível, mas cada dia tem mais gente agindo. Pois bem, o texto de hoje é um convite. Visite você também o www.lucianopires.com.br . Ajude-me a encher o saco dos pocotós.