Artigos Café Brasil
Podpesquisa 2018
Podpesquisa 2018
Em sua quarta edição, a PodPesquisa 2018 recebeu mais ...

Ver mais

Como decidi em quem votarei para Presidente
Como decidi em quem votarei para Presidente
Não sei se estou certo, não fui pela emoção, não estou ...

Ver mais

Democracia, Tolerância e Censura
Democracia, Tolerância e Censura
O que distingue uma democracia de uma ditadura é a ...

Ver mais

O dia seguinte
O dia seguinte
Com o aumento considerável do mercado de palestrantes ...

Ver mais

640 – O monumento à incompetência
640 – O monumento à incompetência
É muito fácil e confortável examinar o passado com os ...

Ver mais

639 – Chega de falar de política
639 – Chega de falar de política
Diversos ouvintes mandam mensagens pedindo para que eu ...

Ver mais

638 – O efeito Dunning-Kruger
638 – O efeito Dunning-Kruger
Cara, eu fico besta com a quantidade de gente que ...

Ver mais

637 – LíderCast 10
637 – LíderCast 10
Olha só, chegamos na décima temporada do LíderCast. Com ...

Ver mais

LíderCast 132 – Alessandro Loiola
LíderCast 132 – Alessandro Loiola
Médico, escritor, um intelectual inquieto, capaz de ...

Ver mais

LíderCast 131 – Henrique Szklo e Lena Feil
LíderCast 131 – Henrique Szklo e Lena Feil
Henrique Szklo e Lena Feil – Henrique se apresenta como ...

Ver mais

LíderCast 130 – Katia Carvalho
LíderCast 130 – Katia Carvalho
Mudadora de vidas, alguém que em vez de apenas lamentar ...

Ver mais

LíderCast 129 – Guga Weigert
LíderCast 129 – Guga Weigert
DJ e empreendedor, que a partir da experiência com a ...

Ver mais

Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Um bate papo entre Adalberto Piotto, Carlos Nepomuceno ...

Ver mais

046 – Para quem vai anular o voto
046 – Para quem vai anular o voto
Fiz um vídeo desenhando claramente o que acontece com ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

O MARXISMO É UMA RELIGIÃO POLÍTICA!
Carlos Nepomuceno
Na minha live de hoje fiz uma afirmação que se tornou verdade para mim nos últimos anos, mas hoje ficou evidente. Como lidar com meus amigos marxistas? Publicado por Carlos Nepomuceno em Segunda, ...

Ver mais

Quem não é capaz de rir de si mesmo será sempre um intolerante em potencial
Henrique Szklo
Humorista de verdade não tem lado, não tem ideologia, não tem bandeira. Independentemente de sua posição pessoal, tem de ser livre o suficiente para atirar em tudo o que se mexe e no que não se ...

Ver mais

Capitalismo Versus Esquerdismo*
Alessandro Loiola
Uma das consequências involuntárias do capitalismo é que ele coloca diferentes culturas e sociedades em contato direto muito mais amplo umas com as outras. Liga as pessoas entre si muito mais ...

Ver mais

A cavalgada de um cowboy
Jota Fagner
Origens do Brasil
Cowboy não havia dormido bem. Tinha feito corridas até às duas da manhã. O trabalho como moto-taxista costumava não render muito, mas em época de alta temporada a demanda era muito grande. ...

Ver mais

Cafezinho 126 – Mais Médicos
Cafezinho 126 – Mais Médicos
- Mas eles estavam atendendo os brasileiros necessitados!

Ver mais

Cafezinho 125 – O chute
Cafezinho 125 – O chute
Se o governador mentiu ou se enganou, peço desculpas ...

Ver mais

Cafezinho 124 – À luz do sol
Cafezinho 124 – À luz do sol
É assim, com a luz do sol, que a gente faz a limpeza.

Ver mais

Cafezinho 123 – A zona da indiferença
Cafezinho 123 – A zona da indiferença
Ter consciência sobre o que é certo e errado todo mundo ...

Ver mais

Incompetence Day

Incompetence Day

Luciano Pires -





INCOMPETENCE DAY





Confesso que quando vi as primeiras cenas do furacão Katrina deixando Nova Orleans coberta de água, imaginei que veríamos mais um show dos Estados Unidos. Fiquei à espera de milhares de helicópteros e carros anfíbios da guarda nacional e do exército, esvaziando a cidade em algumas horas e salvando não só as pessoas, mas prédios e empresas.



Preparei-me mais uma vez para morrer de inveja da competência daquela gente em resolver os grandes problemas enquanto nós, aqui no Brazilzinho, não conseguimos nem tirar crianças das ruas. Mas… Os helicópteros não apareceram. As pessoas entraram em desespero, muitos morreram. E chegaram notícias sobre saques e uma confusão tremenda, um show de falta de informação e erros.



Era o Incompetence Day.



Ué… Cadê aquela espetacular estrutura logística e tecnológica que invadiu o Iraque? Cadê os planos e as estratégias minuciosas que garantem à maior potência do mundo a liderança política e militar? Não tinha.



Pela segunda vez, a primeira em 11 de setembro de 2001, os poderosos EUA mostraram-se vulneráveis e incompetentes como qualquer pais de terceiro mundo diante das grandes catástrofes. E catástrofes anunciadas, pois tanto os atentados às torres gêmeas quanto a possibilidade de um furacão na região de Nova Orleans, tinham indícios claros de que poderiam acontecer.



Mas ninguém deu bola, o que nos dá uma pista das prioridades dos EUA.



Nos EUA de hoje, pelo menos por parte das pessoas que dirigem o país e as grandes corporações, a prioridade é a manutenção do processo de globalização. Mas não aquela globalização que nos é vendida diariamente, da distribuição de oportunidades para todos. A globalização que lhes interessa é aquele processo de mão única que protege seus interesses. E não há viés ideológico nesta análise. Lido com os estadunidenses desde 1982, tempo suficiente para entender que sua visão do mundo tem só um ângulo: o deles. E com os olhos e bolsos voltados à proteção de seus interesses econômicos pelo mundo, esqueceram-se de olhar para dentro de casa.



A passagem do Katrina, como o 11/9, é uma lição. Após 11 de setembro, os estadunidenses aprenderam onde fica o oriente médio. E depois do Katrina, descobriram o Golfo do México. Estava certíssimo quem disse que as guerras e tragédias foram o instrumento que Deus encontrou para ensinar geografia para os estadunidenses.



E a nós, brazilians, resta o consolo de saber que não estamos sozinhos. Incompetência também se escreve em inglês…