Artigos Café Brasil
Palestra O Meu Everest
Palestra O Meu Everest
Meu amigo Irineu Toledo criou um projeto chamado ...

Ver mais

Brazilian Rhapsody
Brazilian Rhapsody
O pessoal da Chinchila fez uma paródia de Bohemian ...

Ver mais

O Guia do Anunciante em Podcasts
O Guia do Anunciante em Podcasts
O Guia do Anunciante em Podcasts traz informações ...

Ver mais

Bandidos Na TV
Bandidos Na TV
Assisti Bandidos Na Tv, nova série na NetFlix, que ...

Ver mais

692 – Jabustiça
692 – Jabustiça
Justiça... onde é que a gente encontra a justiça? Nos ...

Ver mais

691 – Os agilistas
691 – Os agilistas
Conversei com o Marcelo Szuster no LíderCast 175, um ...

Ver mais

690 – Vale quanto?
690 – Vale quanto?
Cara, você aceita pagar pelo ingresso de um show a ...

Ver mais

689 – A Missão
689 – A Missão
De quando em quando publicamos no Café Brasil a íntegra ...

Ver mais

LíderCast 179 – Varlei Xavier
LíderCast 179 – Varlei Xavier
Professor, que levou a figura do palhaço para a sala de ...

Ver mais

LíderCast 178 – Tristan Aronovich
LíderCast 178 – Tristan Aronovich
Ator, músico, escritor, diretor e produtor de cinema, ...

Ver mais

LíderCast 177 – Rodrigo Ricco
LíderCast 177 – Rodrigo Ricco
CEO da Octadesk, empresa focada na gestão de ...

Ver mais

LíderCast 176 – Willians Fiori
LíderCast 176 – Willians Fiori
Professor, podcaster e profissional de marketing e ...

Ver mais

Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Um bate papo entre Adalberto Piotto, Carlos Nepomuceno ...

Ver mais

046 – Para quem vai anular o voto
046 – Para quem vai anular o voto
Fiz um vídeo desenhando claramente o que acontece com ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Trivium: Capítulo 3 – Função da Gramática (parte 7)
Alexandre Gomes
A função fundamental da Gramática é ESTABELECER LEIS para RELACIONAR SÍMBOLOS de modo a expressar um PENSAMENTO. Uma frase expressa um pensamento de várias formas: numa declaração, numa pergunta, ...

Ver mais

O chamado da tribo
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
O chamado da tribo Grandes pensadores para o nosso tempo “O liberalismo é inseparável do sistema democrático como regime civil de poderes independentes, liberdades públicas, pluralismo político, ...

Ver mais

A chave de fenda
Chiquinho Rodrigues
Toninho Macedo era um daqueles músicos de fim de semana. Amava música e tocava seu cavaquinho “de brincadeira” (como ele dizia) aos sábados e domingos em uma banda de pagode ali do bairro onde ...

Ver mais

Trivium: Capítulo 3 – Morfologia Sincategoremática (parte 6)
Alexandre Gomes
A MORFOLOGIA SINCATEGOREMÁTICA se refere a PALAVRAS que só tem significado quando associadas a outras PALAVRAS.   Bom, se tais palavras se referente a outras palavras, então as funções delas ...

Ver mais

Cafezinho 231 – A frouxidão nossa de cada dia
Cafezinho 231 – A frouxidão nossa de cada dia
Nossa desgraça será causada pela frouxidão.

Ver mais

Cafezinho 230 – Onde começam as grandes causas
Cafezinho 230 – Onde começam as grandes causas
Você tem a força. Mas antes de colocá-la nas grandes ...

Ver mais

Cafezinho 229 – Manicômio Legal
Cafezinho 229 – Manicômio Legal
O manicômio legal no qual estamos presos.

Ver mais

Cafezinho 228 – O medo permanente
Cafezinho 228 – O medo permanente
Enquanto destruíam nosso sistema de justiça criminal ...

Ver mais

Eu Laiko!

Eu Laiko!

Luciano Pires -

Num dos eventos em que palestrei um dos apresentadores foi um jovem executivo de uma grande agência de propaganda global.  Coube a ele tratar das novas mídias e formas de fazer negócios utilizando a internet. Ele anunciou que trataria de “retail”, “mobile”, “social media”, “devices” e uma sucessão de termos em inglês que não estavam apenas nas imagens projetadas na tela, mas em seu vocabulário. Se um iPad pudesse falar  acho que falaria como ele, um cruzamento de português com iPad, uma espécie de dialeto, o aipedês… Em cada frase uma palavra em aipedês, como “basta uploudar”. E lá pelas tantas ele colocou na tela a imagem daquele sinal de positivo, a mãozinha com o dedão levantado característica do Facebook, dizendo que aquele sistema do “like it” (“curtir”) é a grande sensação. E soltou o petardo:

– Todo mundo quer ser laikado!

Todo mundo quer ser laikado… puro aipedês! 

Quando uma tendência passa a influenciar a forma como falamos, significa que deixou de ser um modismo para ser um fenômeno social. A tecnologia, especialmente aquela voltada ao mundo dos computadores, da internet, já é um fenômeno cultural que influencia vários aspectos de nossa vida. 

O desenvolvimento da internet e de tudo aquilo que ela proporcionou, sofreu uma virada no ano 2000, quando estourou a bolha especulativa que produziu (e destruiu) negócios bilionários. Ali tivemos certeza de que vivíamos uma mudança profunda. Mais de uma década se passou a ainda não entendemos direito como tirar proveito desse novo mundo virtual.Eu faria uma aposta. O grande estouro da internet, o momento de mudança definitiva na humanidade começará mesmo por volta de 2018, basicamente por dois motivos:

Pouco dias atrás anunciou-se que a Índia estava lançando um modelo de tablet (olha o aipedês!) que custará entre 20 e 40 dólares, com o objetivo de atender a uma população de 200 milhões de estudantes indianos. Você leu direito: 200 milhões! Esse barateamento e conseqüente multiplicação daquilo que o rapaz do começo deste texto chamou em aipedês de “devices” acontecerá rapidamente em todo o mundo. Dá para imaginar o impacto em 8 anos?

Mas o mais importante vem agora: em 2018 a garotada que tinha 10 anos de idade em 2000 estará completando 28 anos. Uma geração que cresceu dentro da internet, que interage e se comunica diferente das gerações mais antigas, a minha e a sua… Aos 28 anos de idade, essa moçada estará assumindo postos de chefia, de gerência, de direção no governo e nas empresas. 

Seu chefe falará aipedês! No Brasil, nos Estados Unidos, na França, na Índia, na Indonésia, no Butão e na Rodésia. 

Começo a achar que o aipedês um dia conseguirá aquilo que se tentou com o esperanto: uma linguagem universal. Você duvida?

Pois então… Prepare-se meu amigo, minha amiga. O mundo que vem por aí não fala nossa língua. É melhor ir treinando…

Eu laiko, tu laikas, ele laika. Nós laikamos, vós laikais , eles laikam.

Luciano Pires