Artigos Café Brasil
Brazilian Rhapsody
Brazilian Rhapsody
O pessoal da Chinchila fez uma paródia de Bohemian ...

Ver mais

O Guia do Anunciante em Podcasts
O Guia do Anunciante em Podcasts
O Guia do Anunciante em Podcasts traz informações ...

Ver mais

Bandidos Na TV
Bandidos Na TV
Assisti Bandidos Na Tv, nova série na NetFlix, que ...

Ver mais

1964 – O Brasil entre armas e livros
1964 – O Brasil entre armas e livros
Um documentário para ser visto como outro ângulo pelo ...

Ver mais

679 – Será que acordamos?
679 – Será que acordamos?
Adalberto Piotto apresenta o programa Cenário Econômico ...

Ver mais

678 – Dominando a Civilidade
678 – Dominando a Civilidade
Vivemos uma epidemia de incivilidade que ...

Ver mais

677 – Teorias da Conspiração
677 – Teorias da Conspiração
Vivemos numa sociedade assolada por grandes ...

Ver mais

676 – Homem na Lua 2
676 – Homem na Lua 2
Cinquenta anos atrás o homem pousou na Lua. Mas parece ...

Ver mais

LíderCast 165 – Ícaro de Carvalho
LíderCast 165 – Ícaro de Carvalho
Um dos mais influentes profissionais de comunicação ...

Ver mais

LíderCast 164 – Artur Motta
LíderCast 164 – Artur Motta
Professor que fez transição de carreira e usa podcasts ...

Ver mais

LíderCast 163 – Amanda Sindman
LíderCast 163 – Amanda Sindman
Profissional de comunicação, jornalista e mulher trans. ...

Ver mais

LíderCast 162 – Aldo Pini
LíderCast 162 – Aldo Pini
Ex-diretor de planejamento da agência África, que ...

Ver mais

Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Um bate papo entre Adalberto Piotto, Carlos Nepomuceno ...

Ver mais

046 – Para quem vai anular o voto
046 – Para quem vai anular o voto
Fiz um vídeo desenhando claramente o que acontece com ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Simples assim
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Simples assim Excelência em Educação Dia 10 de agosto, compareci a um evento muitíssimo interessante. Estimulado pela chamada do convite eletrônico – Avanços na educação pública: o que podemos ...

Ver mais

Homenagem aos Economistas 2019
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Homenagem aos Economistas 2019 Memoráveis citações “O Brasil é um país onde você passa quinze dias fora e muda tudo, mas passa quinze anos fora e não muda nada.” Cássio Casseb  “Quando alguém tem ...

Ver mais

O que podemos aprender com a tragédia que virá da Argentina?
Carlos Nepomuceno
O que podemos aprender com a tragédia que virá da Argentina? Live completa.

Ver mais

Ni nóis não
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
A história todo mundo conhece, pelo menos no enredo do samba: Criminosos de extenso currículo (estelionatários, ladrões, traficantes) foram contratados para espionar telefones privados de ...

Ver mais

Cafezinho 204 – Agrotóxicos – melhor seria não usar IV
Cafezinho 204 – Agrotóxicos – melhor seria não usar IV
Ainda existe hoje uma cultura, muito estimulada por ...

Ver mais

Cafezinho 203 – Agrotóxicos – melhor seria não usar III
Cafezinho 203 – Agrotóxicos – melhor seria não usar III
Quem é o idiota que quer deliberadamente envenenar seus ...

Ver mais

Cafezinho 202 – Agrotóxicos – melhor seria não usar II
Cafezinho 202 – Agrotóxicos – melhor seria não usar II
Se não bastassem as dificuldades para comprar, ...

Ver mais

Cafezinho 201 – Agrotóxicos – melhor seria não usar
Cafezinho 201 – Agrotóxicos – melhor seria não usar
Agrotóxicos são a bola da vez. Da forma como é ...

Ver mais

Chucrute com banana

Chucrute com banana

Luciano Pires -

Fui gravar um episódio do podcast Café Brasil em uma produtora de áudio chamada Panela Produtora e conheci uma história fascinante. Para poder apreciar e se deleitar com ela, você terá que assistir aos curtos vídeos cujos links eu publicarei neste texto. Vamos a ela.

Por volta de 1980 meu amigo Janjão, brilhante técnico de som da Panela, gravou em Recife quatro discos com músicos de forró: Toinho de Alagoas, Heleno dos Oito Baixos, Duda da Passira e José Orlando. Embora tenham sido oferecidos a várias gravadoras, nenhuma se interessou pelo material que acabou, anos depois, nas mãos de um produtor inglês que conseguiu que um CD com uma compilação dos quatro trabalhos fosse lançado nos EUA. E o disco ficou, por apenas um ponto, em segundo lugar na disputa do Grammy Awards 1991 na categoria Traditional Folk, numa época em que ainda não havia o Grammy Latino, portanto a disputa era acirradíssima. Outra daquelas histórias bem típicas dos brasileiros, sabe como é?

Quase 25 anos depois, buscando no Youtube por Toinho das Alagoas, o Janjão chega a um curioso vídeo onde um alemão chamado Jan do Pandeiro toca e canta – em português – uma música de Toinho, o Bicho da Cara Preta. E Jan explica:

“Esta canção é um ‘forró’ de Toinho de Alagoas, Brasil. Tocada no cavaquinho sobre uma base que fiz. Não é uma forma tradicional de tocar forró, que precisa de sanfona, zabumba e triângulo. E evidentemente, uma voz melhor que a minha.”

Veja o vídeo:

Impressionado com o “swing” do alemão, Janjão mostrou o vídeo para Filipe Trielli, um dos donos da Panela Produtora, que decidiu fazer um trabalho de áudio e vídeo sobre o vídeo original. Convidaram músicos para participar e o resultado é irresistível:

 

Mas é então que vem a mágica, demonstrando como a música é linguagem universal e como a internet derrubou definitivamente as fronteiras. Janjão entrou em contato com o Jan do Pandeiro na Alemanha. A princípio assustado com a perspectiva de tomar um processo por violação de direitos autorais, o alemão ficou aliviado quando Janjão contou do vídeo e combinou que enviaria para que ele assistisse, com a condição de que Jan gravasse sua reação enquanto assistia. Veja o vídeo:

Agora coloque-se no lugar de Jan do Pandeiro. Imagine que você é um apaixonado pela música de uma cultura distante da sua e grava um vídeo despretensioso para o Youtube. O vídeo cai nas mãos de profissionais da música daquela cultura distante que ficam entusiasmados com seu esforço e, usando como base o seu trabalho, produzem algo muito maior.

Dá para imaginar o impacto?

Bem, eu me emocionei ao acompanhar a história com a turma da Panela, a ponto de escrever este texto para compartilhar com você um acontecimento que, no meio da enxurrada de más notícias, maus augúrios, intolerância e pessimismo destes dias, é um sopro de emoção.

Tomara que você se contamine.