Artigos Café Brasil
Fact Check? Procure o viés.
Fact Check? Procure o viés.
Investigar o que é verdade e o que é mentira - com base ...

Ver mais

O impacto das mídias sociais nas eleições
O impacto das mídias sociais nas eleições
Baixe a pesquisa da IdeiaBigdata que mostra o impacto ...

Ver mais

Síntese de indicadores sociais 2016 do IBGE
Síntese de indicadores sociais 2016 do IBGE
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - ...

Ver mais

Silvio Santos, Zé Celso e o Oficina
Silvio Santos, Zé Celso e o Oficina
Uma reunião para ser objeto de estudo em qualquer aula ...

Ver mais

614 – Limão ou limonada
614 – Limão ou limonada
No começo dos anos 1970 apareceu um termo que anos mais ...

Ver mais

Café Brasil 613 – Biologia política
Café Brasil 613 – Biologia política
E aí? Você é de direita ou de esquerda? Se incomoda com ...

Ver mais

612 – O Efeito Genovese
612 – O Efeito Genovese
Em 1964, Kitty Genovese foi assassinada em Nova York. ...

Ver mais

611 – Momentos felizes
611 – Momentos felizes
Felicidade não existe. O que existe na vida são ...

Ver mais

LíderCast 110 – Rafael Baltresca
LíderCast 110 – Rafael Baltresca
LíderCast 110 - Hoje conversamos com Rafael Baltresca, ...

Ver mais

LíderCast 109 – Romeo Busarello
LíderCast 109 – Romeo Busarello
LíderCast 109 - Hoje conversamos com Romeo Busarello, É ...

Ver mais

Lídercast 108 – Leandro Nunes
Lídercast 108 – Leandro Nunes
LíderCast 108 - Hoje conversamos com Leandro Nunes, um ...

Ver mais

Lídercast 107 – Lucia Bellocchio
Lídercast 107 – Lucia Bellocchio
Hoje conversamos com Lucia Bellocchio, uma jovem ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata - Temporada 02 Episódio 09 Quando ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 08 Já falei ...

Ver mais

Complexo e outros males
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
Uma das expressões que a esquerda (radical ou não) adora usar é o tal “complexo de vira-latas”. Essa gente não tem a menor ideia do que seja isso, nem de quem cunhou a expressão, mas a macaqueia ...

Ver mais

Interpretações do Brasil X – As escolhas públicas e as instituições como pano de fundo
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Interpretações do Brasil X As escolhas públicas e as instituições como pano de fundo “Bons jogos dependem mais de boas regras do que de bons jogadores.” James Buchanan  Considerações iniciais A ...

Ver mais

O que aprender quando o futuro já era
Mauro Segura
Transformação
A minha experiência no ano passado mostrou que a história de viver cada dia como se fosse o último é uma baboseira. Aprendi que eu não preciso ter planos mirabolantes para ter uma vida digna, ...

Ver mais

MInha culpa é sua, camarada!
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
A tragédia do edifício que pegou fogo e desabou no Largo do Paissandu, em São Paulo, desvendou mais um bem bolado golpe; e golpe, novamente, travestido de “movimento social”: A máfia das invasões ...

Ver mais

Cafezinho 74 – O valor subjetivo
Cafezinho 74 – O valor subjetivo
Os impostos estão lá sim, altíssimos, exorbitantes, mas ...

Ver mais

Cafezinho 73 – Estupidez Coletiva
Cafezinho 73 – Estupidez Coletiva
Não interessa determinar o que é verdade e o que é ...

Ver mais

Cafezinho 72 – Fake News 1
Cafezinho 72 – Fake News 1
Quem julga o juiz?

Ver mais

Cafezinho 71 – Reenquadre o hater
Cafezinho 71 – Reenquadre o hater
Reenquadre o otário e ele vira ouro. Reenquadre a ...

Ver mais

Chucrute com banana

Chucrute com banana

Luciano Pires -

Fui gravar um episódio do podcast Café Brasil em uma produtora de áudio chamada Panela Produtora e conheci uma história fascinante. Para poder apreciar e se deleitar com ela, você terá que assistir aos curtos vídeos cujos links eu publicarei neste texto. Vamos a ela.

Por volta de 1980 meu amigo Janjão, brilhante técnico de som da Panela, gravou em Recife quatro discos com músicos de forró: Toinho de Alagoas, Heleno dos Oito Baixos, Duda da Passira e José Orlando. Embora tenham sido oferecidos a várias gravadoras, nenhuma se interessou pelo material que acabou, anos depois, nas mãos de um produtor inglês que conseguiu que um CD com uma compilação dos quatro trabalhos fosse lançado nos EUA. E o disco ficou, por apenas um ponto, em segundo lugar na disputa do Grammy Awards 1991 na categoria Traditional Folk, numa época em que ainda não havia o Grammy Latino, portanto a disputa era acirradíssima. Outra daquelas histórias bem típicas dos brasileiros, sabe como é?

Quase 25 anos depois, buscando no Youtube por Toinho das Alagoas, o Janjão chega a um curioso vídeo onde um alemão chamado Jan do Pandeiro toca e canta – em português – uma música de Toinho, o Bicho da Cara Preta. E Jan explica:

“Esta canção é um ‘forró’ de Toinho de Alagoas, Brasil. Tocada no cavaquinho sobre uma base que fiz. Não é uma forma tradicional de tocar forró, que precisa de sanfona, zabumba e triângulo. E evidentemente, uma voz melhor que a minha.”

Veja o vídeo:

Impressionado com o “swing” do alemão, Janjão mostrou o vídeo para Filipe Trielli, um dos donos da Panela Produtora, que decidiu fazer um trabalho de áudio e vídeo sobre o vídeo original. Convidaram músicos para participar e o resultado é irresistível:

 

Mas é então que vem a mágica, demonstrando como a música é linguagem universal e como a internet derrubou definitivamente as fronteiras. Janjão entrou em contato com o Jan do Pandeiro na Alemanha. A princípio assustado com a perspectiva de tomar um processo por violação de direitos autorais, o alemão ficou aliviado quando Janjão contou do vídeo e combinou que enviaria para que ele assistisse, com a condição de que Jan gravasse sua reação enquanto assistia. Veja o vídeo:

Agora coloque-se no lugar de Jan do Pandeiro. Imagine que você é um apaixonado pela música de uma cultura distante da sua e grava um vídeo despretensioso para o Youtube. O vídeo cai nas mãos de profissionais da música daquela cultura distante que ficam entusiasmados com seu esforço e, usando como base o seu trabalho, produzem algo muito maior.

Dá para imaginar o impacto?

Bem, eu me emocionei ao acompanhar a história com a turma da Panela, a ponto de escrever este texto para compartilhar com você um acontecimento que, no meio da enxurrada de más notícias, maus augúrios, intolerância e pessimismo destes dias, é um sopro de emoção.

Tomara que você se contamine.