Artigos Café Brasil
O impacto das mídias sociais nas eleições
O impacto das mídias sociais nas eleições
Baixe a pesquisa da IdeiaBigdata que mostra o impacto ...

Ver mais

Síntese de indicadores sociais 2016 do IBGE
Síntese de indicadores sociais 2016 do IBGE
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - ...

Ver mais

Silvio Santos, Zé Celso e o Oficina
Silvio Santos, Zé Celso e o Oficina
Uma reunião para ser objeto de estudo em qualquer aula ...

Ver mais

#TransgressaoEhIsso
#TransgressaoEhIsso
Transgredir é muito mais que pintar o rosto, urinar na ...

Ver mais

Café Brasil 613 – Biologia política
Café Brasil 613 – Biologia política
E aí? Você é de direita ou de esquerda? Se incomoda com ...

Ver mais

612 – O Efeito Genovese
612 – O Efeito Genovese
Em 1964, Kitty Genovese foi assassinada em Nova York. ...

Ver mais

611 – Momentos felizes
611 – Momentos felizes
Felicidade não existe. O que existe na vida são ...

Ver mais

610 – Abre-te Sésamo
610 – Abre-te Sésamo
Abre-te Sésamo é a frase mágica do conto de Ali-Babá e ...

Ver mais

LíderCast 109 – Romeo Busarello
LíderCast 109 – Romeo Busarello
LíderCast 109 - Hoje conversamos com Romeo Busarello, É ...

Ver mais

Lídercast 108 – Leandro Nunes
Lídercast 108 – Leandro Nunes
LíderCast 108 - Hoje conversamos com Leandro Nunes, um ...

Ver mais

Lídercast 107 – Lucia Bellocchio
Lídercast 107 – Lucia Bellocchio
Hoje conversamos com Lucia Bellocchio, uma jovem ...

Ver mais

LíderCast 106 – Labi Mendonça
LíderCast 106 – Labi Mendonça
LíderCast 106 - 106 - Hoje conversamos com Labi ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata – T02 09
Videocast Nakata - Temporada 02 Episódio 09 Quando ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata T02 08
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 08 Já falei ...

Ver mais

Interpretações do Brasil X – As escolhas públicas e as instituições como pano de fundo
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Interpretações do Brasil X As escolhas públicas e as instituições como pano de fundo “Bons jogos dependem mais de boas regras do que de bons jogadores.” James Buchanan  Considerações iniciais A ...

Ver mais

O que aprender quando o futuro já era
Mauro Segura
Transformação
A minha experiência no ano passado mostrou que a história de viver cada dia como se fosse o último é uma baboseira. Aprendi que eu não preciso ter planos mirabolantes para ter uma vida digna, ...

Ver mais

MInha culpa é sua, camarada!
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
A tragédia do edifício que pegou fogo e desabou no Largo do Paissandu, em São Paulo, desvendou mais um bem bolado golpe; e golpe, novamente, travestido de “movimento social”: A máfia das invasões ...

Ver mais

O domínio esquerdista na dramaturgia brasileira
Bruno Garschagen
Ciência Política
Hoje, não há qualquer ameaça ao domínio da esquerda nas novelas, filmes, séries, teatro, programas de TV, jornalismo. Por isso a reação agressiva quando alguma obra fura a ditadura cultural.

Ver mais

Cafezinho 73 – Estupidez Coletiva
Cafezinho 73 – Estupidez Coletiva
Não interessa determinar o que é verdade e o que é ...

Ver mais

Cafezinho 72 – Fake News 1
Cafezinho 72 – Fake News 1
Quem julga o juiz?

Ver mais

Cafezinho 71 – Reenquadre o hater
Cafezinho 71 – Reenquadre o hater
Reenquadre o otário e ele vira ouro. Reenquadre a ...

Ver mais

Cafezinho 70 – O Efeito Genovese
Cafezinho 70 – O Efeito Genovese
O comportamento de quem vê algo errado e nada faz a ...

Ver mais

Brazil-zil-zil

Brazil-zil-zil

Luciano Pires -

Desde o início fui contra esse mega evento esportivo no Brasil. Ele me lembra o pai desempregado organizando uma festa de debutante cinematográfica para a filha…

A organização dos jogos dá espaço para a expressão máxima do Lado Negro da Cultura Brasileira:

1. Assumir compromissos sem certeza de conseguir cumprir;
2. Chutar orçamentos baixos e ganhos altos para obter a simpatia popular;
3. Se achar o máximo apenas pela capacidade de dizer que se é o máximo;
4. Priorização das aparências em detrimento do conteúdo, da organização e dos processos;
5. Fazer propaganda em cima de feitos futuros e, portanto, incertos;
6. Absoluta incapacidade de priorização e, por consequência, de planejamento;
7. Contar com ajuda divina para os recursos que hão de chegar;
8. Empurrar para terceiros a responsabilidade dos compromissos por si assumidos;
9. Jamais reconhecer os erros ou fazê-lo tarde demais;
10. Arrogância;
11. Desperdício do dinheiro público;
12. Roubo do dinheiro público;
13. Mobilização de estruturas do Estado para atender emergencialmente a segurança do evento. Depois dos jogos e de autoridades dizendo “viu como foi seguro?”, volta tudo ao normal;
14. Após o evento, esquecimento total, não prestação de contas, nenhuma responsabilização sobre os problemas, nenhum aprendizado;

e, por fim.

15. Quando alguém falar mal da bagunça, falta de planejamento e incompetência, rotular como falta de patriotismo, mal humorado, indivíduo desagregador ou elite/coxinha/fascista e outros.

No fim, assim como no carnaval, os jogos terão sido uma grande festa, as cagadas encobertas/esquecidas por qualquer brasileiro com um copo de cerveja na mão; dois ou três atletas que ganharão algumas medalhas serão endeusados; turistas nacionais e estrangeiros serão depenados e ficarão encantados com o Pão de Açúcar e o Corcovado; a Rede Globo vai se esgoelar com aquele pseudo-patriotismo típico; alguns políticos vão tentar tirar lasquinhas; a culpa das obras inacabadas será da crise internacional; começam as reformas dos equipamentos inaugurados para os jogos e alguém descobrirá que não tem grana para a manutenção anual milionária desses equipamentos, que serão abandonados. E a população sofrerá as consequências, enquanto eu e você pagamos as contas.

Calma.

Estou falando da Copa do Mundo de Futebol.