Artigos Café Brasil
O Irlandês
O Irlandês
O Irlandês é um PUTA filme, para ser degustado. Se você ...

Ver mais

Palestra O Meu Everest
Palestra O Meu Everest
Meu amigo Irineu Toledo criou um projeto chamado ...

Ver mais

Brazilian Rhapsody
Brazilian Rhapsody
O pessoal da Chinchila fez uma paródia de Bohemian ...

Ver mais

O Guia do Anunciante em Podcasts
O Guia do Anunciante em Podcasts
O Guia do Anunciante em Podcasts traz informações ...

Ver mais

Café Brasil 694 – Maus Professores – Revisitado
Café Brasil 694 – Maus Professores – Revisitado
Você é dos que acham que o mundo vai de mal a pior nas ...

Ver mais

693 – O influencer e o manipulator
693 – O influencer e o manipulator
Existe uma disciplina chamada Psicologia Social, que é ...

Ver mais

692 – Jabustiça
692 – Jabustiça
Justiça... onde é que a gente encontra a justiça? Nos ...

Ver mais

691 – Os agilistas
691 – Os agilistas
Conversei com o Marcelo Szuster no LíderCast 175, um ...

Ver mais

LíderCast 180 – Marco Aurélio Mammute
LíderCast 180 – Marco Aurélio Mammute
Luciano Pires: Bom dia, boa tarde, boa noite. ...

Ver mais

LíderCast 179 – Varlei Xavier
LíderCast 179 – Varlei Xavier
Professor, que levou a figura do palhaço para a sala de ...

Ver mais

LíderCast 178 – Tristan Aronovich
LíderCast 178 – Tristan Aronovich
Ator, músico, escritor, diretor e produtor de cinema, ...

Ver mais

LíderCast 177 – Rodrigo Ricco
LíderCast 177 – Rodrigo Ricco
CEO da Octadesk, empresa focada na gestão de ...

Ver mais

Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Um bate papo entre Adalberto Piotto, Carlos Nepomuceno ...

Ver mais

046 – Para quem vai anular o voto
046 – Para quem vai anular o voto
Fiz um vídeo desenhando claramente o que acontece com ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Números reveladores
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Números reveladores “Para aumentar a performance de um país, é preciso investir na base, pensar em políticas e estratégias para que os mais vulneráveis aprendam. Não adianta fazer com que ...

Ver mais

Petróleo e pedras
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
Quem acompanha corridas – de carro ou moto – pelo mundo sabe que os veículos elétricos estão na moda; desde o motociclismo de alta performance até disputas dignas de Fórmula 1. Meu ...

Ver mais

A dubladora
Chiquinho Rodrigues
Eu e esta minha imensa boca estamos sempre nos metendo em grandes confusões simplesmente porque eu não penso antes de falar. Te conto: Tenho uma amiga que tem uma das profissões mais ingratas e ...

Ver mais

Trivium: Capítulo 3 – Função da Gramática (parte 7)
Alexandre Gomes
A função fundamental da Gramática é ESTABELECER LEIS para RELACIONAR SÍMBOLOS de modo a expressar um PENSAMENTO. Uma frase expressa um pensamento de várias formas: numa declaração, numa pergunta, ...

Ver mais

Cafezinho 236 – Farinha Pouca
Cafezinho 236 – Farinha Pouca
Separe os temas importantes e urgentes para este ...

Ver mais

Cafezinho 235 – Pedrinha no Lago
Cafezinho 235 – Pedrinha no Lago
Pronto. Joguei mais uma.

Ver mais

Cafezinho 234 – Oportunismo Disciplinado
Cafezinho 234 – Oportunismo Disciplinado
Foi o “oportunismo disciplinado” que me transformou no ...

Ver mais

Cafezinho 233 – Na raiz dos problemas
Cafezinho 233 – Na raiz dos problemas
"Época triste esta nossa, quando é mais fácil quebrar ...

Ver mais

Abundância

Abundância

Luciano Pires -

ABUNDÂNCIA

 Tempos atrás escrevi um artigo chamado “Bundalelê” em que falava da importância da bunda na cultura brasileira, inspirado no presidente Lula, que nos mandou mexer o traseiro para reduzir os juros. Pois li recentemente uma notícia segundo a qual o Instituto de Medicina Preventiva de Copenhagem descobriu que as mulheres com quadris mais largos estão menos propensas a sofrer ataques cardíacos. Os pesquisadores dizem que a gordura dos quadris contém um antiinflamatório natural, chamado adiponectina, que evita o entupimento das artérias. Os dinamarqueses examinaram quase 3 mil mulheres e homens de 35 a 65 anos, entre 1987 e 1988. As mulheres com quadris mais largos apresentaram 87% menos casos fatais. Elas também apresentaram 86% menos probabilidades de sofrer enfarte e 46% menos de vir a sofrer de doenças cardiovasculares.


“Gordura nos quadris é diferente de gordura no abdômen. Quem não tem o suficiente dessa gordura, corre o risco de sofrer enfarte” disse um dos pesquisadores.


Uia! Era o pretexto que faltava! Bunda é saúde!


Então aquela bunduda que trabalha na sua seção possivelmente vai viver mais que a gostosinha que tem aquela bundinha!


Proponho que iniciemos imediatamente uma campanha nacional pela bunda grande. Já somos o país dos bundões, não somos? Pois vamos fazer juz à fama. Seremos o país dos bundudos. Bundudos mas saudáveis.


Assim não teremos mais problemas com as malditas poltronas dos aviões. Os banheiros públicos serão mais generosos. E nas praias, teremos um show inesquecível. Sem contar que as bundas avantajadas serão o perfeito contraponto aos seios siliconados. Finalmente, o equilíbrio!


E quando um bunda-magra vier com piadinha sobre seu bundão, chame-o de cardíaco!


A indústria têxtil crescerá com o aumento das calças, calcinhas e calções. Mais tecido, mais caras. Gugu, Faustão e similares escalarão ainda mais bundas para seus programas, com a desculpa de apoio à saúde pública. Surgirá uma nova especialidade médica, o bundologista. E as próteses de bunda venderão como nunca, pois todos estarão interessados em parecer saudáveis. Os planos de saúde passarão a avaliar os clientes pelo tamanho da bunda. Quanto maior a bunda mais desconto no plano. Nas entrevistas de emprego, os candidatos de bunda grande entrarão de costas. Mas a longo prazo, teremos um problema. Os bundudos terão mais tempo de vida. E aumentarão o rombo da previdência. E a política econômica do arrocho vai permanecer. Juros altos, aperto, falta de investimentos… O dinheiro todo canalizado para o sistema financeiro. Quem tem dinheiro terá cada vez mais, quem não tem continuará sem… E continuaremos mergulhados em crises… Tudo por causa dos bundões.


Comentei essa preocupação com meu filho e ele foi mortífero:


– Ué. Então não vai mudar nada!